Mix Music Especial – Hits do Ano (Parte 1)

mix-music-especial

Final de ano é época de retrospectivas e também de melhores do ano. Então claro que a Mix Music providenciou seu tão aguardado Greatest Hits de 2014! Quem acompanhou a coluna durante o ano (todo mundo, né), sabe que rolou muita coisa boa por aqui, então esse é só o CD 1 da nossa já conceituada coletânea. Portanto esperem um pouco pra xingar caso sua música preferida não aparecer por aqui. American Horror Story: Freaky Show, Ray Donovan, True Blood, About a Boy e outras, tomaram a frente na importante missão de colocar um pouco de música boa em nossos ouvidos seriadores, ao passo que essas músicas se responsabilizaram por potencializar o drama, a comédia ou a tensão das cenas que compuseram mais um ano de excelentes episódios e algumas boas estreias. Então prepare-se para desfrutar da mais seletiva das playlists que essa digníssima coluna já ofereceu.

[v_icon color=”#444444″ size=”18px” target=”_blank” name=”moon-headphones”] HITS DO ANO

1) David Bowie – Life on Mars? (American Horror Story, #4×01 “Monsters Among Us”) #MixMusic29

Continua após a publicidade

Nada mais justo que a série mais musical do ano encabeçar a lista de hits de 2014 do Mix Music. E o que mais destacou musicalmente essa temporada da série, foram as no mínimo interessantes versões dos atores para alguns grandes sucessos da música. Tivemos, entre outras, as duas cabeças de Sarah Paulson interpretando o hit “Criminal” da Fiona Apple (AQUI), Evan Peters com a clássica “Come As You Are” do Nirvana (AQUI)… Como imparcialidade não é o meu forte, meu primeiro impulso foi favorecer minha ídola Fiona Apple e coloca-la para representar a série, mas não posso ignorar o fato de que a diva Jessica Lange cantou “Life on Mars?” do mito David Bowie (AQUI), cuja letra contém inclusive a frase “it’s the freakiest show” e de toda é bastante condizente com o clima da temporada, então não teve jeito. E Bowie é ídolo também, , então não resta dúvida de que essa é a música que merece abrir esse CD 1 do nosso justíssimo The best of.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=f5gCSkJmqa0 [/youtube]

 

2) Marvin Gaye – Sunny (Ray Donovan, #2×08 “Sunny”) #MixMusic24

 “Sunny” foi o grande destaque musical de Ray Donovan, então claro que ela merecia uma posição em nosso Greatest Hits. A música do ícone Marvin Gaye tem a sua importância explícita no fato de que deu nome ao episódio em questão, tocou várias vezes no mesmo e ainda ganhou uma bela versão na voz do personagem Marvin, que a canta para sua namorada Bridget. Além de tudo isso, essa era uma música que a mãe de Marvin sempre cantava para ele e provavelmente foi daí que ele ganhou esse nome, então sua grande relevância para o personagem e para a série é incontestável. E quando uma música deixa de ser apenas algo acrescentado à determinada cena e passa a haver uma interação entre ela e o personagem, assim como toda uma relação entre ele e o artista, a significância dela para a série é superior à qualquer outra.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=QiVKP_sMqHU [/youtube]

 

3) London Grammar – Strong (Rookie Blue, #5×07 “Deal With the Devil” / Reckless, #1×02 “Parting Shots”) #MixMusic16

Outra forma de se destacar no Mix Music que não pela importância da música em si ou do momento em que ela tocou, é a frequência. E nesse quesito, pouca coisa se aproximou do promissor trio britânico London Grammar. A banda esteve em tudo que é série, com diferentes músicas, mas o destaque foi “Strong”, que conseguiu o raro feito de aparecer em duas séries diferentes na mesma semana. E essas duas séries merecem todos os agradecimentos por terem salvo essa inconstante coluna do ostracismo em uma temporada muito mal servida de boas músicas. Antes de ser salvo pela linda da fall season, nossa coluna muito dependeu de Rookie Blue e Reckless, então de uma vez só já conseguimos homenagear uma banda muito representativa para os episódios do ano e também duas das séries mais musicalmente relevantes da summer season.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=6drfp_3823I [/youtube]

 

4) Sex Pistols – Anarchy In the U.K. (About a Boy, #2×04 “About a Bad Girl” / Constantine, #1×03 “The Devil’s Vinyl”) #MixMusic33

Por falar em músicas que tocaram em duas séries diferentes na mesma semana, temos aqui mais um exemplo, porém se destacando consideravelmente mais em uma do que na outra. About a Boy chega à metade de seu segundo ano nos surpreendendo com o cunho musical que possui, o que ficou evidente desde seu início, pelo fato de Will ser músico, Fiona também cantar e o próprio Marcus ter-se arriscado no ramo com sua interpretação de One Direction na primeira temporada. E nesse segunda, a música continuou marcando constante presença e se destacando pelo bom gosto dos responsáveis. Contamos com algumas boas performances de Fiona, inclusive com uma música de ninguém menos que a rainha Joni Mitchell, mas o destaque foi um dos maiores clássicos do punk rock, que serviu de trilha para a primeira crush da vida de Marcus, que não se saiu muito bem ao responder à pergunta dela, se ele gosta de Sex Pistols, com “Those are two things that are not permitted in my household.” About a Boy certamente foi o grande destaque das mais recentes edições do Mix Music.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=pOe9PJrbo0s [/youtube]

5) Led Zeppelin – Thank You (True Blood, #7×10 “Thank You”) #MixMusic23

True Blood foi certamente um dos maiores destaques do Mix Music, o que se pode constatar pelo fato de que a maioria das edições referentes ao período em que a última temporada esteve no ar, trazem a imagem da série para representar a semana. True Blood tem o costume de destacar uma música, que provavelmente tem relação com o conteúdo, e dar o nome dela ao referente episódio. Isso já indica a importância que música tem para a série. E essa foi a sétima e última temporada da atração da HBO, por isso tudo foi ainda mais significativo. O último episódio carregou o sugestivo título de “Thank You”, que foi representada por um dos maiores clássicos de uma das maiores bandas de todos os tempos, da qual eles dispuseram ainda de duas músicas. Que moral, hein? Então é óbvio que não deixaríamos passar a oportunidade de elevar ainda mais o nível de nossa estimada Coletânea com um pouco de Led Zeppelin. E nós do Mix Music é que agradecemos, True Blood.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=88dQn_-5hIM [/youtube]

 

6) The Archies – Sugar Sugar (Orphan Black, #2×06 “To Hound Nature In Her Wanderings”) #MixMusic10

Claro que não poderíamos esquecer das séries que foram ao ar no início do ano e entre elas, Orphan Black foi provavelmente a mais representativa. Música tocando no rádio do carro é algo muito recorrente em séries de TV e às vezes resulta naquela cantoria entusiasmada por parte dos presentes no veículo. Além de praticamente qualquer outra série, já aconteceu com Alison na primeira temporada de Orphan Black e agora foi a vez de Helena que, em sua tentativa de interagir com sua seestra Sarah, cantou esse clássico dos anos 60, “Sugar Sugar”. Foi certamente uma das cenas mais memoráveis da segunda temporada da série, e a música tanto representou, que até foi escolhida pelo Clone Club, grupo gringo de fãs da série, para ser cantada por eles em um vídeo montagem em homenagem a Orphan Black. Vocês podem conferir o resultado AQUI. Ficou no mínimo interessante e contou até com a participação do carismático intérprete de Donnie. Não resta dúvida que The Archies merecia seu lugar aqui, ?

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=h9nE2spOw_o [/youtube]

 

7) Siouxsie and The Banshees – Spellbound (Gotham, #1×04 “Arkham”) #MixMusic30

Não foi só American Horror Story que contou com interpretações musicais dos atores. A estreante Gotham também teve seus bons momentos musicais que incluíram a atriz Makenzie Leigh, a Liza, cantando “Spellbound”, da banda britânica Siouxsie and The Banshees, como você pode conferir AQUI. Achei a interpretação dela pouco expressiva em comparação à original, mas ainda assim válida e aparentemente de bastante importância para o episódio em questão. A música é bastante condizente com o estilo musical que a série adotou, que é uma coisa mais alternativa, sombria, até meio gótica, para combinar com o clima da série. Então a série vêm fazendo escolhas bastante acertadas nesse âmbito, por isso merece entrar aqui, até como representante da considerável importância que as séries novatas tiveram para a coluna.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=eVTtFjU0T-Y#t=31 [/youtube]

 

8) Vance Joy – Best That I Can (Parenthood, #6×06 “Too Big to Fail”) #MixMusic32

Essa música aparece aqui para representar alguns dos fatores que definiram a parte musical das séries desse ano. Primeiramente, o indie/folk. Não, essa junção não é realmente uma vertente musical, mas é aquela coisa mais intimista, mais voz e violão, meio depressiva e, nesses casos, que ninguém nunca ouviu fala na vida. Esse é outro fator que teve aos montes nos episódios de 2014: bandas/artistas desconhecidos, iniciantes e promissores. Séries de TV são tão lindas que até música boa nos apresenta, como aquele amigo que vive colocando um dos fones no nosso ouvido porque a gente pre-ci-sa ouvir tal música. E olha, nesse ano eu conheci muita coisa boa, então se eu fosse vocês aproveitaria a folga de fim de ano e faria uma maratona do Mix Music, garanto que vai dar uma bela renovada na sua playlist. Várias séries chamaram para si essa responsabilidade, mas como eu disse, não sei ser imparcial, então claro que escolhi  Parenthood para representar a classe. Mas convenhamos que “Best That I Can” merece figurar por aqui, lembrando ainda a impressionante capacidade da série em definir, até na trilha, o exato clima que intenciona passar aos telespectadores e pode-se dizer que muitas outras séries também conseguiram esse feito.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=_RXLKOQM9TE [/youtube]

9) Queens of the Stone Age – Smooth Sailing (The Originals, #2×04 “Live and Let Die”) #MixMusic32

Sim, eu tenho certo preconceito com a CW, mas minha má vontade com as séries não me impediram de enxergar as ótimas músicas que as produções ofereceram. Tanto estou superando esse preconceito, que separei uma posição nessa lista só para referenciar as séries do canal, que se tem uma coisa que não se pode criticar é a qualidade das trilhas sonoras, que muito contribuíram para as lindas playlists que vocês viram ao longo do ano. E a escolhida foi The Originals que, como vocês podem ver pela música em questão, está tendo uma temporada muito bem servida musicalmente, sobretudo em termos de rock. Fica também a menção às séries teen, categoria que acredito que inclua The Originals, e que foram parte essencial da formação das playlists desse primeiro ano de Mix Music. E essas séries também entram para o time disposto a expor ao mundo artistas que sofrem de injusto ostracismo.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=QetvK6ldl2s [/youtube]

 

10) She & Him – God Only Knows (New Girl, #4×11 “LAXmas”)

Como toda coletânea que se preze precisa ter ao menos uma música inédita, a nossa não seria diferente, sobretudo quando se pode referenciar a série que mais me surpreendeu positivamente nesse ano. Sim, eu estou falando de New Girl, que depois de uma terceira temporada desastrosa, trouxe uma quarta digna de nos fazer esquecer dos tropeços passados, então é mais do que apropriado trazer ao Melhores do Ano do Mix Music a música que fechou a excelente sequência de episódios de 2014 (e rezamos para que mantenha o nível em 2015). Como estamos em clima natalino, precisamos de uma música que tocou em um episódio de Natal! “God Only Knows” representa muito bem essa época do ano, tanto que alguém disse no episódio que “God Only Knows” nunca iria tocar no final daquela história, o que aparentemente acontece em toda história natalina feliz e clichê. Mas tocou. E numa bela versão da She & Him (da qual a própria Zooey é a vocalista) para esse clássico absoluto dos Beach Boys. Tudo muito oportuno para encerrar a primeira parte dessa Coletânea, que tem tudo pra ganhar um Disco de Ouro.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=d6oo1fSv6DY [/youtube]

 

E da primeira parte é isso, pessoal! Já podem aguardar ansiosamente pelo Fábio com a Parte 2.

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

7 comments

Add yours
  1. Avatar
    Paula Reis 22 dezembro, 2014 at 14:43 Responder

    A música 2, de Ray Donovan, Sunny foi excelente mesmo… e de tão boa foi trilha do início do primeiro episódio da nova temporada de Scandal, este ano, quando Olivia está em uma ilha com Jake tomando bons drink!
    Sensacional!

Post a new comment