MixDiscussão: E se This is Us fosse uma novela brasileira?

Imagem: Variety

A primeira diferença seria o título, digamos, autoexplicativo e contendo spoiler. Poderia ser algo como “Nossas origens”.

Continua após publicidade

Continua após a publicidade

Em vez de termos os cenas em Nova Iorque, Nova Jersey e Los Angeles, o cenário ficaria na ponte aérea Rio-São Paulo. Com o cenário dos flashbacks sendo na gostosa cidade de Paraty, no interior do Rio de Janeiro.

Continua após publicidade

Tudo isso com uma abertura mostrando fotografias das várias fases da vida dos Pearsons. Tudo isso ao som de Bem Que Se Quis da Marisa Monte. ♫♪  O que que a vida fez da nossa vida? O que que a gente não faz por amor? (…) Agora vem pra perto, vem. Vem depressa, vem sem fim. ♫♪

Continua após publicidade

Cauã Reymond seria o nosso simpático e amoroso protagonista Jack Pearson.

Ao lado de Marjorie Estiano como Rebecca Pearson. E os dois teriam uma chamada assim: “um casal apaixonado que não mede forças para ficarem juntos terão o seu relacionamento testado com a chegada inesperada de trigêmeos”.

E agora, a cereja do bolo do nosso grande novelão: os trigêmeos. Uma escolha, no mínimo, cuidadosa, se tratando das três chaves principais de tudo o que acontece na nossa história.

Porque não Kleber Toledo para interpretar Kevin? Um cara jovem, que chama atenção das garotas, versátil o suficiente para se encaixar no papel do irmão rebelde.

Ah, e quem melhor do que Lázaro Ramos para interpretar o pai de família e bem sucedido Randall? Não é só de “Ó Pai, Ó” que ele vive não.

E Kate, a doce Kate, que representa tantas mulheres que vivem nesta mesma situação, as vezes tão sem saída. Porque não Fabiana Carla, que sabe divertir e emocionar?

 

Pronto, está formado o nosso Grande Trio. E como seria o suspense se a nossa novela realmente existisse? “Uma família, um grande segredo e uma prova de amor. Assim começa a nossa história de laços profundos, de trocas, de cumplicidade e amor, um amor incondicional”.