Mom – 3×10 – Quaaludes and Crackerjack

Imagem: CBS/Divulgação
Imagem: CBS/Divulgação
Imagem: CBS/Divulgação

 

Continua após publicidade

Mom sempre consegue nos surpreender, não acham? Quando penso que já vi tudo sobre Bonnie Plunkett, vejo cada vez mais que mal estou na metade do caminho em decifrá-la. Para escapar do affair com Steve, ela decide arrastar Christy para uma nova reunião de AA, voltados para o público LGBT. É ali que o tiro foi dado.

Continua após a publicidade

Rosie O’Donnel fez uma excelente participação especial nesse episódio como Jeanine, ex-namorada da nossa matriarca suprema. Sim minha gente, a personagem já jogou em outro time, e é claro que isso uma hora teria que ser explorado, e obviamente que foi da melhor forma possível. Se já é estranho vê-la envolvida amorosamente por um homem, imagina por uma mulher, ainda mais quando descobrimos que tudo que ela fez foi por puro interesse, e nunca por amor.

Continua após publicidade

A cena em que as duas têm um revival foi muito genial, e eu adorei. Foi incrível a sintonia entre Rosie e Allison, como elas se doaram para esse momento, e com isso a química de suas personagens ser algo fantástico.

Apesar desse plot todo abordado e desenvolvido, um dos destaques em grande parte do episódio foi para Anna Faris. A maneira como Christy abordou a bissexualidade da mãe, e ainda por cima tentando dar um “empurrãozinho” na situação foi demais, porém isso acabou na reta final. O motivo? O momento de pegação em disputa entre Jeanine e Steve, para ver quem conquista mais Bonnie. Aquela cena foi simplesmente HI-LÁ-RIA!

Continua após publicidade

Por mais episódio que tenha a participação de Rosie O’Donnel, pois eu acho que ainda não vimos tudo de sua personagem na história. Assim espero, pelo menos.