Narcos – 2×01 – Free at last

Imagem: Banco de Séries

Imagem: Banco de Séries

 

Vooooltou Brasil, Narcos voltou. Mais 10 episódios de muito Waguinho Moura para nós. E não serão 4.000 soldados mais 250 forças especiais, 7 cachorros e 4 helicópteros que irão parar essa série de ser incrível. Com isso, já vem os dois primeiros minutos do episódio, que resumem uma boa parte do que aconteceu até agora, desde a primeira temporada, impunidade. Com a licença dos soldados, Pablo fugiu, andando, porque bandido bom não corre jamais.

Continua após a publicidade

A raposa estava fora da toca e a caçada estava pronta!

As reações das pessoas envolvidas ainda me surpreendem, Murphy ficou feliz que Pablo tinha fugido, ele queria que aquele homem que já os fez sofrer tanto, sofresse também. Queria que Pablo se sentisse acuado, fugindo, encurralado. El patrón de Medellín estava de volta para comandar as coisas com o apoio da família. Acho maravilhoso a maneira como é possível separar Pablo traficante de Pablo pai de família, parecem duas pessoas diferente em um corpo.

Merece destaque também essa busca por aliados. Pablo precisa muito de gente confiável ao seu lado, e a polícia também, só que esses estão em desvantagem por estarem em terras onde todos são agradecidos ao cara que vende droga e aplica o dinheiro com os pobres, a rede de meninos que são informantes dele… chega a ser engraçado de ver. Só destaca ainda mais como os sicários de Escobar são, jovens e destemidos, perfil bem representado por La Quica. Uma realidade que parece tão distante, mas não é. Mas gostei desse taxista Limão que apareceu, acredito que ele e seu cabelinho Chororó farão sucesso. Destaque para esse suéter que Moura está usando para cima e para baixo com o personagem, só para ressaltar a simplicidade dele. Um homem que poderia se vestir como rei está sempre simples, só não sabemos que é para ficar confortável, ou se misturar sem chamar atenção, ou os dois. A popularidade dele realmente é imbatível, se fosse candidato a qualquer coisa, ele ganhava.

Coronel Pinzón ao contrário, não achei que tem força suficiente, tanto na busca por Escobar, quanto como personagem, Carrillo era mais interessante. Judy Moncada também está fazendo sucesso, Pablo matou o marido dela e agora ela quer acabar com ele, mas imaginamos que não iria dar certo. Berna e Jaime são testemunhas que de Pablo Escobar você respeita hijo de puta! 

Saber colocar ordem, pela popularidade, ou pela força, foi um dom de Pablo. Sobre Connie e Murphy, drama desnecessário no meio da trama com tudo o que está acontecendo. Claro que ela tinha que voltar para casa e deixar ele trabalhar ali. Ela não deveria nem ter vindo. Não se pode tirar o brilho de Escobar-Murphy de Narcos, os dois são as peças chave da narração e acredito que 90% da série esteja nas costas das atuações desses dois gigantes. O fato de que Escobar é sim esse bandido não apaga a empatia e isso vai ficar marcado na história com a assinatura de Moura no papel. Notamos como Murphy passou de policial bonzinho para bandidinho revoltado de aeroporto, a caçada dele a Escobar mudou o jeito desse homem que tinha tudo para ser apenas bom.

Mas foi Gaviria que fechou maravilhosamente bem esse episódio, não negociarás com o inimigo, nunca mais. Pablo não terá mais colher de chá, somente plomo, pois até a plata está escassa. Temos muito ainda para aprender sobre Escobar. Essa temporada será uma caçada eletrizante; e amigos, Moura está dando um orgulhinho pra gente, né?

Caroline Marques

Caroline Marques

Engenheira de Alimentos, mestre em química de alimentos, um tanto quanto viciada em séries, filmes e livros. Fã de Hannibal, Dexter, Grey's Anatomy, Demolidor, Sherlock e Stranger Things. Reviewer de Chicago PD.

No comments

Add yours