New Girl – 4×09 – Thanksgiving IV

New Girl

Enquanto todas as séries têm um típico episódio de Ação de Graças, New Girl implanta esse que tem tudo para substituir o feriado tradicional: o Bangs-giving.

Criado por Schmidt em 25 de novembro de 2014, o Bangs-giving é um feriado celebrado no loft onde ele reside com quatro amigos, e tem como intuito promover a “pegação” para ele e os amigos solteiros, sendo que a concretização desse fim consiste em uma espécie de amigo secreto, em que cada um dos componentes da comemoração tem por obrigação arranjar um par para o amigo retirado no sorteio. 

Dada a definição wikipediana de Bangs-giving, vamos ao episódio.

Continua após a publicidade

Mantendo a excelente sequência de episódios iniciada no quinto dessa temporada, “Thanksgiving IV” é a concretização da anterior afirmação de que a série funciona infinitamente melhor quando se mantém simples, explorando apenas sua própria essência e a de seus personagens. E mais um excelente episódio se passando apenas no apartamento, unindo todos num mesmo plot, é uma prova concreta disso.

No já mencionado e devidamente explicado Bangs-giving, respeitando as regras impostas por Schmidt para a realização de tal adaptação do tradicional feriado, cada um dos seis integrantes do grupo teve que levar uma pessoa que considerava adequada ao amigo sorteado. Então vamos lá:

Para Winston, Jess levou a moça da cantina da escola, o que foi um problema devido a um trauma de infância de Winston, pouco convincente e rapidamente superado. Ponto para o Bangs-giving.

Para Coach, Winston levou uma colega policial, que também foi um problema por motivos pouco relevantes, no caso a força da moça, mas também superado. Mais um ponto para o Bangs-giving.

Nick tirou o próprio nome no sorteio e trouxe quem? Tran! Isso mesmo. Convenhamos, melhor companhia. E no final, ainda rolou um clima entre Nick e a neta de Tran, então mais 485702 pontos pro Bangs-giving, né.

Para Schmidt, conforme requisitado pelo próprio, Cece trouxe Lucy, uma ex de Nick, o que gerou protestos por parte desse e uma falha tentativa de se vingar dando em cima de Cece. Mas o problema de Lucy ia além da quebra do “bro code”, já que ela se revelou em tanto antissemita.

O escolhido por Schmidt pra Cece só apareceu de última hora e foi mais que satisfatório, mas eis que ela resolve espanta-lo gritando em um idioma irreconhecível, apenas porque preferia passar o tempo com Schmidt. Por favor, continuam desenvolvendo a volta desse casal lindo, obrigada.

E pra Jess, Coach trouxe Ryan, é claro. E por mais interessante que eu ache que seja os dois como casal e o quanto tem sido satisfatório para o público a presença dele na série, não sei se gostei da forma como concretizaram o caso deles. Pareceu que era a série que queria “bang one out of it’s system”. Sobretudo pela falta de tramas fixas da qual a série vem sofrendo, não esperava esse imediatismo. Mas que seja, foi até conveniente pra esse episódio específico, então vamos ver o que acontece daqui pra frente. Se continuar nesse nível, está ótimo. E o mais legal dessa parte foram os conselhos de Nick para Jess. Mesmo se apropriando do roteiro de “Curtindo a Vida Adoidado” para fazer isso, foi bastante apropriado e efetivo.

“I don’t think I can even look at him, like, without getting pregnant. He just oozes sex.” – Jess sobre Ryan

Tags New Girl
Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours