New Girl – 6×02 – Hubbedy Bubby

Fonte: spoilersguide.com

Continua após as recomendações

O segundo episódio de New Girl foi divertido, mas ainda não conseguiu manter a qualidade e a energia do primeiro.

Retomando a trama da graduação de Cece (trama esta que eu pensei ter sido abandonada, porque já há um tempo não se desenrolava), o episódio gira em torno da aposta que Schmidt e Jess fizeram bem no comecinho do capítulo. A aposta é bem simples: se Jess conseguir cinco novos eleitores, Schmidt, que é republicano, votará na Hillary, candidata democrata. Por outro lado, se Jess não conseguir, ela deverá votar no Winston. Cece vai acompanhando Jess em busca de eleitores, mas as coisas não saem como planejado e elas acabam indo parar numa fraternidade, enquanto Schmidt acaba por ajudar a organizar o escritório da campanha da Hillary, simplesmente porque ele não suporta viver com bagunça. Todo o episódio parece ser uma crítica discreta às eleições presidenciais americanas, tanto que no final a Jess teve que votar no Winston e Schmidt já havia afirmado que não votaria no Trump.

Continua após a publicidade

A premissa da trama principal parece boa, mas acabou por se perder com a quantidade de informações e acontecimentos. Tudo ficou muito superficial e pouco explorado. Sem contar que as partes realmente engraçadas foram as partes da trama paralela de Nick e Winston, ali sim teve a essência de New Girl. Piadas com a convicção política dos personagens geralmente dão certo, mas no episódio tudo pareceu muito planejado, nada espontâneo.

E quando falei em superficialidade ali em cima, podemos facilmente ver isso na forma como a trama da Cece na universidade foi totalmente descartada. Eu sinto que a personagem tem estado a deriva por um bom tempo, os escritores parecem não saber o que fazer com ela além de colocá-la como a OTP de Schmidt e a melhor amiga de Jess.

Gente, tanta coisa poderia ser explorada na Cece, mas simplesmente nada vai para frente. Ela era modelo, virou bartender e agora é uma college dropout, mas nenhuma dessas coisas parece ter tido motivação. Não me entendam mal, sempre amei a Cece. Na primeira temporada, ela, juntamente com o Winston, me chamaram bastante a atenção, mas simplesmente parece não haver desenvolvimento na personagem, assim como foi com Winston durante as primeiras temporadas. Tenho a impressão de que os escritores da série não tinham em mente deixá-la como personagem fixa e agora simplesmente não há mais nada para explorar nela.

Mas o episódio não foi só cheio de pontos negativos. A parte das desventuras de Nick e Winston me garantiu risadas genuínas. Nick continua com Raegan, mas manter um relacionamento a distância não é para qualquer um e, por isso, ele acaba aceitando os conselhos de Winston. Desde a conversa cheia de sentidos duplos dos dois no bar, até o clímax do episódio (sem trocadilhos), quando Nick consegue acabar com suas inibições e tenta phone sex com Raegan. Foi tudo bem engraçado, foram cenas que realmente conseguiram capturar a essência da série. Triste que essa foi apenas a trama paralela e, ainda assim, melhor que a principal.

No fim das contas, um episódio mediano. Longe de ser do nível da premiere, mas também não posso dizer que foi ruim, pois não foi. Vejo “Hubbedy Bubby” como uma oportunidade perdida. Tanto poderia ter sido feito, mas o produto final foi superficial.

Tags New Girl