O Homem de Toronto: o segredo por trás do final do filme Netflix

Tudo sobre o final do filme O Homem de Toronto.

O Homem de Toronto
- Publicidade -

Com direção de Patrick Hughes, o filme de ação da Netflix O Homem de Toronto segue o assassino titular, que tenta completar uma missão de alto nível em meio a circunstâncias de risco de morte.

- Publicidade -

A missão do Homem de Toronto, ou apenas Toronto, fica comprometida quando Teddy Jackson, um funcionário da academia, se envolve na missão sem querer. Estrelado por Woody Harrelson como Toronto e Kevin Hart como Teddy, o cativante filme progride através dos desafios que Toronto e Teddy enfrentam juntos, enquanto formam uma amizade extraordinária. Como a comédia de ação da Netflix termina com certos detalhes ambíguos, muitos estão pesquisando sobre o final.

Então, entenda o segredo por trás do final do filme O Homem de Toronto.

- Publicidade -

Sinopse do filme O Homem de Toronto

O Homem de Toronto
Imagem: Divulgação.

O Homem de Toronto, portanto, começa com Teddy decidindo comemorar seu aniversário de casamento com sua esposa Lori em uma cabana em Onancock, Virgínia. O Homem de Toronto é contratado para uma missão e é instruído a ir a uma determinada cabana na mesma região. Teddy vai para a cabana de Toronto ao ler o endereço errado. O homem na cabine, pensando que Teddy é Toronto, o leva a um cientista chamado Coughlin para adquirir um código deste último. Teddy de alguma forma consegue forçar o cientista a revelar o código. Enquanto isso, o FBI intervém.

Leia também: O segredo por trás da música de Max em Stranger Things 4

Os agentes do FBI Davis e Lawrence informam Teddy que eles precisam dele para cumprir a missão fingindo ser Toronto para capturar o ex-coronel venezuelano Sebastian Marín, que está planejando atacar os Estados Unidos. O verdadeiro Toronto chega ao local e descobre o que realmente aconteceu. Teddy é levado para Porto Rico para encontrar o segundo código necessário para cumprir a missão. E Toronto se junta a Teddy e o ajuda a completar a missão para que ele possa reivindicar sua taxa de Marín.

A partir daí, eles descobrem que Marín está planejando uma explosão de bomba na embaixada venezuelana em Washington e o segundo código é na verdade a impressão digital de um cientista chamado Green, que desenvolveu a bomba.

- Publicidade -

Toronto corta o baque e vai ver Marín com Teddy. O Handler, que atua como intermediário entre assassinos como Toronto e seus clientes, envia o Homem de Miami para matar Toronto e tirar a pancada de Green dele. Ela percebe que Toronto se tornou inútil para ela, pois ele mostra relutância em ser implacável para cumprir as missões.

Então, Miami consegue adquirir o baque de Toronto e Teddy e se junta ao Handler para conhecer Marín. Antes que Marín pudesse ativar a bomba, o FBI intervém. Toronto consegue obter o dinheiro da cena. Os agentes do FBI descobrem que o baque não pertencia a Green.

O final do filme O Homem de Toronto: O que acontece com o dinheiro?

O Homem de Toronto
Imagem: Divulgação.

Mesmo quando Teddy e o FBI se envolvem em sua missão, Toronto decide seguir em frente com a mesma. Ele quer tanto a taxa acordada com Marín para abrir seu próprio restaurante. Ao dar as mãos a Teddy, Toronto acredita que ainda será capaz de cumprir a missão sem muitos desafios. Ele se prova errado quando o Handler entrega a missão ao Homem de Miami.

- Publicidade -

Toronto, então, percebe que não faz mais parte da equipe do Handler, deixando-o determinado a adquirir o dinheiro apesar dos riscos envolvidos. Ele sabe que, se passar a oportunidade, pode não conseguir outra semelhante para obter o dinheiro que deseja.

O Handler, por outro lado, quer o dinheiro que Toronto tira de Marín. Ele acredita que a missão foi concluída por Miami e Toronto não tem o direito de receber a taxa. Para matar Toronto e recuperar o dinheiro dele, o Handler envia vários assassinos. Mesmo assim, Toronto consegue guardar o dinheiro com segurança no porta-malas de seu carro Debora.

Ele e Teddy até matam o Handler para salvar suas vidas e o dinheiro. No entanto, Toronto não consegue usar o dinheiro completamente por causa de Teddy. O assassino pede a Teddy que leve Debora para se reunir com Lori, que o abandona por suas ações irresponsáveis.

Teddy estaciona Debora em uma ferrovia enquanto corre para Lori para impedi-la de embarcar em um trem. Mesmo conseguindo impedir Lori de deixá-lo, o trem chega e atinge Debora, fazendo o dinheiro voar para longe do porta-malas do carro. No entanto, Toronto pode ter guardado uma parte do dinheiro desde que abriu o restaurante, apesar de perdê-lo devido ao descuido de Teddy. Mesmo que não tenha, Toronto materializa seu sonho abrindo o restaurante, pelo qual ele colocou sua vida em risco.

O homem de Toronto deixa de ser um assassino?

Imagem: Divulgação.

Sim, o Homem de Toronto deixa de ser um assassino. Toronto decidiu pôr fim à sua vida como assassino quando não conseguiu matar seu alvo durante uma missão em Minnesota. O incidente o fez perceber que estava ficando sentimental, característica que não deveria estar presente em um assassino profissional.

O incidente não só se tornou uma mancha em sua carreira infame, mas também mostrou que ele não é mais um assassino, pelo menos mentalmente. Ele finalmente começou a se cansar da violência e do derramamento de sangue que fazem parte de seu trabalho.

Leia também: La Casa de Papel Coreia, o segredo do final explicado

Como Toronto aceita a missão de Marín, ele considera deixar o emprego para começar um novo capítulo de sua vida abrindo um restaurante usando a taxa. Além disso, seu tempo com Teddy traz ainda mais sentimentos humanos nele. Ele tenta o seu melhor para salvar não apenas a vida de Teddy, mas também a união deste com Lori, entregando sua Debora para ele.

Ao longo de O Homem de Toronto, também vemos como Toronto gradualmente se torna relutante em matar outros indivíduos. Mesmo sendo forçado a enfrentar desafios que ameaçam sua vida para realizar seu sonho. Ele finalmente abre o restaurante, o que marca o fim de sua vida como assassino.

Além disso, os sentimentos que florescem em Toronto, quando ele conhece Anne, também mostram como ele está se distanciando emocionalmente da brutalidade de um assassino. Depois de desistir, ele começa a namorar Anne e aceita Teddy como amigo, duas coisas que nunca aconteceram em sua vida antes. Ele entra em uma vida de calma e contentamento, pois sua mente não está mais preocupada com derramamento de sangue e violência. No entanto, ele pode ser forçado a retornar ao mundo do crime no futuro.

Antes de pôr fim à sua vida como assassino, Toronto mata o Handler e vários outros assassinos de alto nível. Se o Handler for apenas um subordinado de poder superior, possivelmente um indivíduo influente que faz parte de sindicatos internacionais do crime, a pessoa pode retaliar contra Toronto, forçando-o dessa forma a colocar as mãos em armas novamente.

Caso contrário, o possível indivíduo pode pedir a Toronto que complete uma missão para ele como o custo de suas ações. As possibilidades sugerem que Toronto pode não ser capaz de abrir mão de sua identidade e vida como um assassino, mesmo que ele queira.

Anderson Narciso
- Publicidade -