O que esperar da quarta temporada de Orange is The New Black

Imagem: Mix de Séries

orange-is-the-new-black-meros-devaneios-2 (1)

Continua após publicidade

[spacer size = “20”]

Continua após a publicidade

Estreia de nova temporada de Orange is The New Black é sempre um frisson! E no dobrar da próxima madrugada todos os 13 episódios da quarta temporada estarão disponíveis para streaming no Netflix.

Continua após publicidade

Mas o que esperar desse novo ano?

Se bem lembrarem, largamos nossas amadas detentas em meio a uma fuga epifânica para um lago nas proximidades de Litchfield, enquanto beliches eram intalados nos dormitórios e uma horda de novas detentas chegava. Ah, sem contar alguns “pequenos” detalhes como o destino de Vause e a crise causada pela privatização de Litchfield. Fora isso, poucas informações foram dadas sobre o futuro das personagens nas poucas promos e trailers liberados. O que se sabe é que a série assumirá um tom mais sombrio este ano e que a promoção da série tem batido na tecla do “Bem-vinda a Litchfield”.

Continua após publicidade

Não seja pelo mistério e pela quantidade de cliffhangers deixados, vamos às previsões para a quarta temporada:

1) Prisão super lotada + equipe carcerária reduzida + problemas financeiros e administrativos em Lichtfield = TRETA

Por suposto, essa disparidade será a raiz maior de muita confusão em Litchfield. Pelas promos sabe-se que ao menos 100 detentas foram encaminhadas para o presídio e que os carcereiros estão enfrentando problemas com sua jornada de trabalho. Não se tem muito mais a dizer, a conta não bate.

2) A chegada de Judy King

Também ao fim da terceira temporada, antes mesmo da transferência da centena de detentas, uma já tinha seu lugar marcado em Litchfield, a apresentadora de programa culinário Judy King, envolvida em esquemas de sonegação fiscal. O desenrolar do escândalo foi assistido pelas detentas e um auê pela possível chegada da celebridade correu pelos corredores da penitenciária. Algo sopra para que ela queira se meter na cozinha, acabando por criar uma inimizade com Red, recém retornada ao seu nicho.

3) Sophie na SHU

Com certeza um dos pontos altos da temporada passada foi o envio de Sophie para a solitária, depois de ter apanhado de outras detentas por uma confusão entre ela e Gloria. Longe de apenas um desentendimento entre detentas pelo que se passa na vida lá fora (tudo começou com um pedido de ajuda de Gloria para Sophie, querendo que os filhos das duas se aproximassem, buscando melhorar o comportamento de seu filho), a situação culminou em um caso de transfobia, em que se teve que ouvir a barbaridade de que o isolamento de Sophie, vítima, era para sua própria proteção. Tem muito pano para manga aí.

4) Piper x Maria Ruiz

Em um trailer liberado, vemos Maria Ruiz ameaçando Piper. Nada bom está vindo disso daí, né. Na terceira temporada vimos uma Piper mais pedante, querendo pagar de malvadona e rebelde, chegando até a humilhar e destratar outras detentas. Será que o confronto entre as duas é consequência disso?

5) Por onde anda Vause?

Vause foi pivô de um dos cliffhangers da terceira temporada. Vista pela última vez na estufa, sendo abordada por um capanga do Kubra. Só se sabe que ela não morreu porque a Laura Prepon aparece como regular da nova temporada e em algumas fotos de divulgação. Ah, e lembrando que ela é Piper estão separadíssimas.

6) Por onde anda Nicky?

Logo no comecinho da terceira temporada, Nicky foi mandada para a máxima (por conta da heroína encontrada na rede elétrica) e de lá não mais saiu. Sem dúvidas, uma ausência muito sentida. E seu retorno estremeceria as relações com Morello e Red. Aguardando essa volta!

7) Passado de Piper

Foi mostrado em uma das promos que voltaríamos ao passado de Piper. Isso significa mais tempo de tela para umas das famílias mais narcisistas do mundo das séries, os Chapmans.

orange-is-the-new-black-meros-devaneios-6

8) Sosoussey?

Após sofrer de depressão e ser medicada, Soso, meio deslocada em Litchfield, encontrou apoio no grupo das negras e vimos nas promos que ela e Poussey estão bem próximas. Um novo shipp pela frente?

9) Bennett, meu filho, cade você?

Queremos saber o destino do guarda que deixou sua amada, Daya, a ver navios e um bebê. Estamos diante de mais uma temática importantíssima, independente da volta do personagem ou não: o aborto paterno.

10) Big Boo e Pennsatucky

Que amizade maravilhosa vimos ser formada ao longo da terceira temporada. Bastante inusitada, não menos bem quista. E Big Boo esteve lá por Doggett quando ela precisou de apoio, principalmente depois do estupro cometido por Charlie Coates.

11) Maritza: a nova motorista e a nova vítima?

Depois de Pennsatucky, Maritza virou a nova motorista da penitenciária e ficou subentendido que ela estaria na mira de Coates. E está aí uma temática que já passou da hora de ser abordada sem o melodrama do plot de Daya, o abuso sexual e psicológico sofrido pelas detentas.

12) Taystee e sua nova função

Tasytee como a nova secretária de Caputo? Alívio cômico certo!

13) Mais flashbacks, mais background, por favor!

O grande trunfo de OITNB sempre foram os flashbacks contando as histórias pregressas das detentas. Se na primeira temporada focaram em Piper, a partir da segunda temporada foram dando cada vez mais espaço às outras mulheres, e não se espera, nem se quer, que o recurso seja reduzido. Afinal, esse background se faz extremamente importante para entender os desdobramentos e atitudes do presente.

Produtora e realizadora audiovisual, no momento em processo acadêmico. 99% seriadora com aquele 1% noveleira. Divide as fases da vida em Buffy, a Caça-Vampiros, Gilmore Girls e Grey's Anatomy. Sua menina dos olhos, porém, é Penny Dreadful. No Mix de Séries escreve as reviews de Modern Family, Orange is the New Black, Scandal e o que vier.