Olivia de Havilland processa FX por “uso não autorizado da imagem” em Feud

Imagem: Paramount/Divulgação; FX/Divulgação

Em plena campanha para o Emmy de 2017, o FX terá que enfrentar um processo no seu principal produto para a grande premiação – Feud: Bette and Joan. Isso acontece porque Olivia de Havilland, interpretada por Catherine Zeta-Jones na minissérie, está processando a emissora por “uso não autorizado da imagem”.

A atriz deu entrada no processo nesta sexta-feira na Corte Superior do Condado de Los Angeles nesta sexta-feira (30), alegando que a produção lhe caracterizou como uma fofoqueira em Hollywood, atitude que ela nega ter feito durante a carreira. Outra alegação é que ela foi retratada na minissérie sem o seu consentimento.

De Havilland está processando a Ryan Murphy Productions e o canal por invasão de privacidade e violação do direito comum, direito de publicidade. “A senhora de Havilland não foi consultada pelo FX para que usassem seu nome e identidade e ela não foi compensada por este uso indevido,” disseram os advogados da atriz ao Los Angeles Times.

Continua após a publicidade

Para efeitos de curiosidade, a atriz completará 101 anos na próxima semana e atualmente mora em Paris, após aposentar-se no final da década de 1980.

Fonte: TV Line

Tags FeudFX
Avatar

Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

No comments

Add yours