Once Upon a Time – 6×20 – The Song in Your Heart

Imagem: Youtube/Reprodução

Continua após as recomendações

Como conviver com clássicos do mundo Disney e não ter uma canção para deixar na história. Once Upon a Time vem com um dos melhores episódios de sua história e ninguém se envergonha em admitir. O receio de um musical passa pela cabeça de todos, creio eu. Aquela coisa de abrir a porta do carro e sair cantando, sem mais nem menos, é bem típica deste estilo, e motivo de crítica de muitos por aí. Mas os produtores trouxeram isso com uma naturalidade e comicidade tão boa, que foi impossível não se divertir com as canções. Quase que um perfeito episódio final, “The Song In Your Heart” deixou um clímax mais do que importante a grande final desta semana.

Continua após a publicidade

Imagem: Youtube/Reprodução

A minha maior vontade seria de comentar cada performance musical por aqui e me divertir com a habilidade teatral e vocal de nossos personagens. Mas, isso deixaria o texto um pouco gigantesco e não é minha intenção. Então vamos passar uma geral em cada canção e ver o que temos.

Claro que as melhores da noite não poderiam ser ninguém mais ninguém menos que nossa dupla dinâmica fraternal. Regina e Zelena deram um show e conseguiram trazer o melhor de suas versões wickeds para o seriado. O mais interessante é ver como as canções casaram muito bem com as situações e trouxeram um sentimento nostálgico incrível para quem assistia.

Claro que por entre as divertidas canções, nosso plot principal devia ter continuidade. Acredito que, além de promover um episódio que remetesse aos clássicos Disney, a presença das canções deu uma reduzida na história principal para que eles pudessem focar bem nos dois próximos episódios finais. Se tudo seguir como esperado, teremos uma grande final de temporada após esse respirar que a série deu nos últimos 3-4 episódios. A vida de Emma está em risco e seu plot musical realmente não me encantou tanto. Mas é aquela coisa clássica, a música tem poderes inesperados e pode ajudar nos momentos mais difíceis.

Dentre tantos bons momentos, o casamento realmente foi algo que me surpreendeu. Achei interessante a sacada irônica do episódio de colocar a maldição exatamente na hora do evento. Ou então ver Grumpy gritando que a maldição tinha sido liberada, assim como ele fez na primeira temporada. A canção final marcou muito aquela coisa de felizes para sempre e o quesito de fechar um ciclo. Realmente não sabemos mais para onde os produtores irão nos levar no próximo episódio, mas foi uma despedida interessante. Principalmente depois das notícias desta semana que Jennifer não retorna ao elenco para a possível próxima temporada, que fecha o rumor de um reboot na série.

Pouco se sabe sobre o fim, mas realmente é muito aguardado. Uma série com tantos altos e baixos não poderia acabar mal. Realmente acredito que essa temporada foi um ponto importante e necessário, onde eles utilizaram de tantos recursos para manter os verdadeiros fãs. A reta final deu uma guinada gigantesca e trouxe episódios incríveis para a história da série. E agora nos resta aguardar para a grande batalha final, que promete trazer grandes emoções e despedidas.

Seguem as músicas para colocarmos no repeat eterno:

https://www.youtube.com/watch?v=m52F0iVVGEc

https://www.youtube.com/watch?v=28ajAeKwuRk

https://www.youtube.com/watch?v=_-kXZtkVdPY

https://www.youtube.com/watch?v=KxFig4rVSbk

E com essa surra de números musicais, eu me despeço essa semana e aguardo vocês para a grande final. Não deixem de acompanhar as notícias e reviews aqui no Mix e até lá! 😀

Nenhum comentário

Adicione o seu