Orange is the New Black – 3×01 – Mother's Day

302119

Imagem: Banco de Séries

Continua após as recomendações

 

A série mais aguardada do Netflix voltou, e ainda com algumas horas de antecedência, o que levou o público a uma excitação coletiva nas redes sociais ontem a noite.

Continua após a publicidade

O retorno de Orange Is The New Black veio com um episódio emocionante no dia das mães dentro de um sistema prisional, mostrou um pouco sobre a infância de algumas detentas e ainda nos deu algumas lições sobre a vida.

Alex voltando para o Litchfield vulnerável e sofrida por culpa da Piper. Será que um dia Chapman vai confessar que a culpa foi dela pelo agente da condicional invadir o apartamento da Vause e flagrar ela com uma arma? Cenas para um próximo capítulo. As duas juntas tem uma sincronia e um amor tão bonito de se ver, que até chega a ser doloroso pensar como que isso vai acabar no final.

Caputo como diretor do presídio está dando gosto de se ver. Organizou uma festa do dia das mães, não demitiu o Bennet por conta da gravidez da Daya. É, ainda dá para se acreditar na bondade. Apesar que muitas águas vão rolar futuramente, já que sempre alguém faz alguma besteira e põe em jogo a “boa-vontade” alheia. E na festa, os agentes prisionais brincando com as crianças foi tão bonito de se ver. Por um momento até deu para esquecer um pouco que aquilo era um presídio e que só tem gente do mal lá.

302074

Imagem: Banco de Séries

As partes mais interessantes ao meu ver foram: A conversa da Boo com a Pennsatucky a respeito do aborto. Falar sobre esse assunto polêmico tão abertamente me deixou orgulhosa com a produção da série. Além do que, eu nunca imaginei que Boo poderia falar “algo sério” na vida. Outra cena que me emocionou foi o filho da Burset perguntando como ela queria ser mulher em um mundo que os homens agem de um jeito tão estúpido. Essa cena foi realmente uma tapa na cara da sociedade e também um momento de reflexão.

Mostrar a infância de algumas detentas serviu para entender certas emoções que elas expelem durante o episódio. De todos, o que mais me deixou triste foi como a mãe da Nicki tratava ela na infância. Nada justifica elas terem entrado no mundo das drogas e do crime, mas mesmo assim, explica um pouco.

Confesso que estava receosa da Vee não ter morrido na season finale, mas depois que mostrou a Red fechando o buraco (que eu acho que isso vai dar uma dor de cabeça enorme no futuro) e colocando o nome da Vee, me deu um alívio enorme.

Mas, o diálogo colossal na minha opinião foi:

“-Mess with the evil forces will be out like Cedric Diggory”
“-Who?”
“-Harry Potter”
“-Died in a Triwizard Tournament”

Como não amar a Taystee, Poussey e todas as outras do grupo?

 A série voltou calma, mas cheia de pontos positivos, já que nem só de Alex e Piper vive o presídio, certo? Focar um pouco mais na vida pessoal no presente e no passado de algumas detentas num dia importante que é o dia das mães, deu para se sensibilizar e até deixar um pouco de lado o drama #Vauseman

E desejo a todos um Feliz dia dos Namorados maratonando essa série linda. Com mozão, ou sem mozão, o sentimento é um só nesse #TGIF.

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours