Orange is the New Black – 3×02 – Bed Bugs and Beyond

302104

Imagem: Banco de Séries

Continua após as recomendações

 

Tanta informação nesse segundo episódio que eu ainda estou um pouco absorta com tudo. Principalmente com os minutos finais, mas a vida continua…

Continua após a publicidade

Caputo tentando controlar uma crise de bed bugs (percevejos minúsculos que chupam sangue, coça e é comum nos Estados Unidos) em meio a tanta crise emocional, pessoal e familiar.

O flashback da vez foi com o Bennett na época que ele serviu o Exército, e explicou como que ele perdeu a perna na missão. Mas a imagem dele dançando Hollaback Girl foi a graça da cena, que teve um final muito triste. Confesso que vi um pouco do Asher de How To Get Away With Murder nessa hora.

Crazy Eyes, por mais louca que seja, ao meu ver é uma dais pessoas mais sensatas que existe nesse presídio. Tudo que ela faz sempre tem um propósito e explicação. Até para as coisas mais banais, como explicar o porque de não usar desinfetante(?) nas partes íntima, e ainda fazer graça sobre o fato.

Imagem: Banco de Séries

Imagem: Banco de Séries

Meu coração quase quase parou junto com o da Nicki quando ela “aliciou” o Luschek para vender a heroína para ela. Agora que a droga sumiu, confesso que fiquei um pouco aliviada, já que eu estava preocupada que ela pudesse ter uma recaída, já que ela andava muito pensativa sobre o assunto “drogas que foram roubadas da Vee”. E sinto que tem dedo da Boo nesse sumiço, já que ela não é um exemplo de confiança a ser seguido.

Achei muito fantasioso esse plot da mãe do Pornstache ter ido visitar Dalia na prisão, e oferecer ajuda para “o neto” dela. E ainda a mãe da Dalia entrar em acordo com ela para criar a criança. Mas a cena do Bennett pedindo a Dalia em casamento conquistou meu coração, mesmo achando eles muito sem graça. Valeu a intenção. Será que esses dois vão dar certo no futuro? ou pelo menos no presente?

Depois do desabafo da Piper sobre de quem era realmente a culpa por Alex ter voltado para a prisão, já que ela se culpava sempre e estava péssima por ter se colocado nessa situação novamente, e Piper, num ato de desespero para ver a companheira bem, confessa que a culpa foi dela, Alex fica possessa de raiva e deixa Chapman pensativa, o que a leva a conversar com Red, que a coloca no lugar dela. O lugar de manipuladora e egoísta.

The world is better in black and white… and red.

Mas quando a ficha da Piper cai, ela chama Alex para uma DR na biblioteca que estava interditada, e aí começa a “briga” mais surreal da série. E que na minha opinião, ela poderia brigar e fazer as pazes todos os episódios. Mas pelo o que eu percebi, acho que não vai ter muito assunto sobre a briga, e sim sempre sexo para aliviar a raiva. Vamos acompanhar o desenrolar dessa história.

A pergunta que não quer calar: Como a Laura/Alex consegue ficar tão sexy até vestida de saco de lixo?

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

1 comment

Add yours
  1. Avatar
    Paula Reis 15 junho, 2015 at 17:15 Responder

    Estou achando Piper e Alex muito forçado. Ainda mais esta cena do final do episódio, delas fingindo que estão brigando, sendo que na verdade é só sexo da reconciliação… Está faltando assunto e acho que elas nem são mais as protagonistas. Estou mais interessada nas histórias das outras detentas!

Post a new comment