Penny Dreadful -1×05 – Closer Than Sister

Fonte: avclub.com

Continua após a publicidade

OH MEU DEUS.

É com esta frase que terminei o melhor episódio de Penny Dreadful que vi até agora (e também que foi divulgado, é claro). Apenas digo que se menina Eva Green não ganhar milhões de Emmys esse ano, eu vou ~xingar muito no twitter. Deixando de lado o meme antigo, vamos ao que interessa:

55 minutos que eu não vi passar, quase uma hora de narrativa que me envolvi tanto que cheguei a ficar de boca aberta meio estarrecida por mais da metade do episódio, foi praticamente toda uma história de vida contada de uma forma que a gente participa do sofrimento de Vanessa. Juro-lhes, transformou totalmente meu modo de ver o personagem. Além de uma interpretação extremamente impecável, Eva tem aqueles olhões verdes que te hipnotizam em praticamente qualquer vislumbrada que ela dá para o lado. Mas voltando à história em si, o quinto episódio fala sobre e o porquê da intensa conexão que ela tem com Mina. Praticamente todos os outros personagens ficaram no pause nessa história, porque ela se passa na memória de Vanessa e como que ela chegou até o lado do Sr. Malcolm na procura da amiga.

Resumidamente falando (e refletindo de novo), Vanessa era vizinha da família Malcolm e tinha como melhor amiga Mina, a filha mais nova da casa. Junto a Peter, irmão de Mina, os três eram praticamente inseparáveis e assim passaram grande parte de suas vidas. Peter sempre querendo ir à África em alguma aventura com seu pai e Mina sempre sonhando com um casamento perfeito.  Quando pequena, Mrs. Ives já tinha uma certa queda pelo obscuro, fazia taxidermia e pegou no flagra uma traição em pleno jardim. Isso despertou nela seu lado mais selvagem e até pecaminoso fazendo com que no futuro, ela mesma tenha cometido uma infidelidade. Isso acarretou a quebra de amor entre as famílias e uma internação da sua pessoa num hospital psiquiátrico.

GENTE, COITADA! Lá ela foi diagnosticada como Psicossexual e chegou a sofrer uma lobotomia para se curar (as cenas de hidroterapia são de arrepiar, sério, são fortes!). Porém, quando ela se despede de Peter, que finalmente vai em busca de sua aventura, ela se dá conta que tudo isso, toda sua desgraça havia sido ~promovida por nada menos do que o Capiroto. Sim, um demônio estava na sua cola desde pequena e através de um beijo, o pacto de venda de sua alma a levava às alturas. Só que isso fez com que ela se transformasse em uma espécie de ponte entre os diferentes mundos e, logo que reencontra Mina, vê que ela está megaultrasuper enrascadas com o lado obscuro. Então é nessa parte que Sr. Malcolm se ~abafa~ e usa a sabedoria de Vanessa em busca de sua filha. UFA! Todas as diferentes Vanessas que são mostradas (a companheira, a melhor amiga, a sedutora, a traidora, a ousada, a doente, a insana) são mega reveladoras e apresentam um panorama completo do quão complexo pode ser uma relação humana, em todas as suas instâncias.

Incrível como os diferentes tipos de amor mostrados nesse seriado são casos que nos fazem refletir. Existe o amor de irmão, de amante, de tesão, de pena, de imortalidade, e também tem aquele que a Vanessa chama de “amor de matar”.

Novamente, UOU!

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=PGTD4vVkf3k[/youtube]

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

4 comments

Add yours
  1. Avatar
    Natanna 12 junho, 2014 at 09:35 Responder

    O episódio mais incrível da temporada, e olhe que teve episódios incríveis! E sim, a Eva tem que ganhar GAMMY’S! =OOOOO Minha torcida sempre foi para a Vera Farmiga, mas a Green tem conseguido atuações espetaculares. <3

  2. Avatar
    Natanna 12 junho, 2014 at 09:35 Responder

    O episódio mais incrível da temporada, e olhe que teve episódios incríveis! E sim, a Eva tem que ganhar GAMMY’S! =OOOOO Minha torcida sempre foi para a Vera Farmiga, mas a Green tem conseguido atuações espetaculares. <3

Post a new comment