Revenge – 4×07 – Ambush

Revenge-4x07

Continua após as recomendações

“Não deixe o samba morrer, não deixe o samba acabar!” E é dessa forma que começamos a review dessa brilhantíssima temporada de Revenge. Depois de uma série de informações explodindo em nossas cabeças no último episódio, Ambush veio como forma de nos mostrar algumas consequências dos acontecimentos anteriores, assim como o que devemos esperar daqui pra frente.

Parece que foi apenas Charlotte sair por um tempo da série, que todos voltam a ter destaque. Apesar disso, venhamos e convenhamos que muita das coisas que aconteceram aqui tiveram um pontapé inicial de Jack, pois o rapaz teve uma golpe de mestre, proporcionando finalmente o reencontro de David e Emily. Contando como ela e a Amanda eram tão próximas, é claro que o rapaz iria atrás dela, com o intuito de saber mais sobre sua suposta filha morta. Gostei também de Jack ter defendido Nolan, esfregando na cara de David que ele errou em ter agido injustamente com o amigo sem ao menos ter dado chance dele tentar se explicar.

Continua após a publicidade

Sobre o reencontro entre pai e filha? De primeiro instante, foi na medida certa, pois não seria adequado ela já chegar dizendo “papai estou viva, sou a verdadeira Amanda Clarke!”, não minha gente. Só que me dá raiva o fato de não ter levantado nenhuma suspeita em David ao ver Emily olhos nos olhos. A loira foi brilhante, relembrando o momento Nazaré Tedesco de Victoria, na segunda temporada, durante o chá de bebê da falecida personagem, plantando a semente de desconfiança em seu pai. Claro que ele foi tirar satisfações com a vilã sobre o ocorrido, e ela conseguiu fazer a cabeça dele de que foi um acidente o que aconteceu e que essa história é mais uma armação de nossa Ems.

Paralelo a isso, o bom e velho Nolan está voltando, e é um bom sinal. Após o que lhe aconteceu no episódio passado, eu sinceramente achei que o rapaz ia romper com Emily, mas o mesmo conseguiu uma preciosa pista para a loira saber o que realmente aconteceu com seu pai, durante esses anos em que ele fingiu estar morto. Ao mesmo tempo, Jack e Ben estão mais próximos de conseguir informações muito mais valiosas sobre o que levou a morte de Conrad, e encontraram o corpo do misterioso rapaz que tentou atropelar David e que Charlotte acabou matando sem querer. Algo me diz que vem encrenca das boas, e juntando com as informações que Ems tem, um grande quebra cabeça poderá começar a ser montado.

revenge-1-photo-600x280Outro que se destacou relativamente foi Daniel, agora sabendo que sua ex-esposa é a verdadeira Amanda Clarke. Eu, sinceramente, esperava por um reencontro mais bombástico entre eles. Só que apesar da minha decepção em termos, a cena dos dois no elevador, lavando uma roupa suja de leve foi ótima, pois, com certeza, ele tentou dar um em Emily, pedindo apenas para ficar de fora da guerra entre a loira e sua mãe. Óbvio que as intenções dele são outras, podendo ser capaz até, de forma silenciosa, arquitetar o seu próprio plano de vingança contra ela, por tê-lo usado como isca, ou até mesmo o nascimento de uma possível e surpreendente aliança para deter a própria mãe. Ainda sobre Dan, após esse momento brilhante do rapaz, não demorou muito para ele voltar a ser um banana, se entregando da forma mais inocente possível, por ter dormido com Louise, para Margaux.

Sobre Louise, esse episódio serviu também para conhecermos um pouco mais da personagem. Vimos pela primeira vez a mãe dela e o poder que a megera possui sobre a jovem. Já deu para perceber um pouco que o motivo dela ser tão dissimulada é exatamente por isso. Mas agora o que isso tudo tem a ver com sua obsessão por Victoria Grayson? Qual a necessidade de quase ter matado Margaux? Quais são suas reais intensões? Sinceramente eu já cheguei a supor que ela fosse uma outra filha sumida da nossa vilã ou até mesmo de Conrad, mas por ora não sei mais o que pensar.

Voltando à trama principal, enquanto Emily e David brincam de gato e rato para saber mais um sobre o outro, Victoria não perdeu tempo e fazer aquilo que ela sabe de melhor: manipular. É claro que ela não ia dar o braço a torcer e deixar essa história do chá de bebê da Amanda ser seu primeiro deslize em relação à confiança que seu amado tem sobre ela. Todo movimento dela foi digno de uma rainha do xadrez, só que sempre tendo como o chão a Sapucaí, venhamos e convenhamos. Ela foi capaz de pagar uma antiga stripper, que trabalhou com a melhor amiga de Ems, para ela confirmar a David que a jovem era querida pela megera. Toma cuidado Queen Vic, quem avisa amigo é.

Quando a gente pensa que esse episódio já tinha muita informação para processar, o tão aguardado momento da série, desde que veio à tona que David sempre esteve vivo, aconteceu. Emily chegou em um turbilhão de emoções ao descobrir as fotos que ele tinha sobre a outra Amanda, e então, no que era para ser uma discussão, ele finalmente descobre que a nossa justiceira é a sua verdadeira filha. Palhaçada, ele olha nos olhos dela e não reconhece, e sim olhando para a tatuagem dela? Que viagem!

O que seria um momento de um possível “acerto de contas” entre os dois, acabou sendo interrompido pelo raio que quase matou Victoria na cena final. A lavagem de roupa suja entre pai e filha vai começar mesmo só na próxima semana. E eu não perco essa por nada!

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=H35i3ix3H9M[/youtube]

Nenhum comentário

Adicione o seu

Tags Revenge