Rising Star 1×05 – Duels

rising-star-05

Continua após as recomendações

Estamos de volta com Rising Star, e seus duelos. Essa noite temos várias surpresas, mais ruins do que boas. De cantores que foram ótimos nas suas audições, mas não conseguiram manter o nível. Bom, mas vamos então ao que interessa:

 

Continua após a publicidade

Gabrielle Nicole – “River Deep Mountain High” (49%)

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=SNN-KmXdc2A[/youtube]

Carine (50%) – Vou falar que fiquei decepcionada. Fez a melhor audição da temporada, mas caiu muito no meu conceito nessa performance. Figurino super estranho, fez a Ivete em cima do trio elétrico pulando sem parar e me deixou com a impressão de que queria ganhar no grito. E olha que a escolha da música foi boa.

Eduardo (60%) – Cara tipo ela mandou super bem vocalmente, mas deixou um pouco a desejar. Achei Gabs meio caricata, tentando dar uma de Beyoncé, faltou um pouco de personalidade própria.

Letícia (65%) – Para mim Gabrielle só podia mesmo estar possuída pelo ritmo Ragatanga. Só isso explica aquela dança maluca que ela fez no palco. Algo que prejudicou seu alcance vocal, além de deixar o público bem confuso, assim como nós ficamos. Com essa voz ela poderia ter escolhido qualquer música, e já que queria “fazer a Beyoncé” porque não pegar algo mais atual né? Pois é Gabs, a melhor voz da temporada vai embora assim.

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”58″]

 

Macy Kate – “Demons” (80%)

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=kzsq7eT-1vs[/youtbe]

Carine (80%) – Foi muito melhor que a Gabrielle, só que para mim não superou sua audição. Alguma coisinha me incomodou nessa apresentação e não sei dizer o que foi. Mas não importa porque ela passou pra próxima fase e continua sendo uma das minhas apostas para a final.

Eduardo (100%) – Macy simplesmente escurraçou Gabrielle, mandou super bem. Sou suspeito em falar da song choice, pois “Demons” é minha música favorita do Imagine Dragons e ela me toca muito. Ela teve elementos próprios e fez sua versão única para música, sem soar caricata. Vitória mais que merecida.

Letícia (60%) – Olha aí o poder de uma song choice popular. Mas Macy, vamos admitir, não foi tão bem assim. Começou a música de um jeito confuso, e o fato de sua voz não aguentar o tom baixo da versão original fez com que ela apelasse para gritos desnecessários, mas que chamaram atenção. O piano poderia ser um acerto, mas nem parece que ela realmente tocou. Por vezes ela desafinou, e eu realmente ficaria em dúvida entre qual das duas foi a melhor. Que bom que não decido nada.

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”80″]

Sonnet Simmons – “Feeling Good” (73%)

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=9KBaWu09QaE[/youtube]

Carine (40%) – Juro que tinha esquecido quem era a Sonnet e precisei voltar nos programas anteriores parar lembrar que era aquela que cantou “Wicked Games” e que eu tinha dito que precisava melhorar a song choice. Pois é, ela voltou e conseguiu piorar nessa versão completamente aguda de “Feeling Good”. O começo até que achei bom, mas gente, doeu meu ouvido escutar até o fim.

Eduardo (20%) – Gente o que ela fez com uma das melhores músicas do Muse? A versão dela para a música ficou extremamente SOFRÍVEL. Pra que aquele tom de voz? Se ela tivesse cantado de forma “normal”, poderia ter soado um pouco melhor.

Letícia (70%) – Assim, eu gostei. SIM GOSTEI! Adorei o que ela fez, e até perdôo o excesso de agudos que realmente não precisavam só porque a versão dela ficou boa sim. Ficou atual, diferente, mas até entendo o fato dela ter ido embora.

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”43″]

 

April Lockheart – “Animal” (76%)

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=16L-l1qndVU[/youtube]

Carine (50%) – POR QUE, me diga por que você fez esse penteado, April? Fiquei o tempo todo incomodadíssima com esse cabelo que quase não consegui prestar atenção em outra coisa. Fora isso, continua sendo uma excelente cantora e, assim como a Macy, acho um forte nome para a final, mas essa música (apesar de muito boa) não combinou nada com ela.

Eduardo (80%) – A batalha entre Sonnet e April foi bem acirrada, mas pra mim ela foi de longe a melhor, ainda bem que ganhou. Apesar de parecer uma mistura de cosplay da Minnie com a Chun Li do Street Fighter, April se mostrou bem desenvolta e apesar de uma song choice não tão boa assim, ela estava animada e cheia de atitude.

Letícia (60%) – Gente, vocês perceberam que até a mãe de April não curtiu muito? Eu percebi. E olha, por mim a Chung Li não levava essa. Ela estragou a música que no original é até legalzinha. A voz continua linda, mas não entendi o que ela queria fazer, ficou bizarro. É bom melhorar na próxima hein April, porque AFF.

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”63″]

 

Austin French – “I Don’t Want To Be” (81%)

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=zpEDeD-kC9E[/youtube]

Carine (75%) – One Tree Hill!!!! *-* Abri um sorriso enorme quando vi que ele ia cantar essa música. E certeza que não fui a única a amar a escolha. To apostando que Austin ganhou muitos votos só por essa song choice delicinha.

Eduardo (90%) – Que versão gostosa de se ouvir da música. Mais uma vez Austin mostrou para o que veio, deixando claro que não está para brincadeira. Se um dia rolar um reboot de One Tree Hill, mais que justo ele cantar o tema de abertura #ficaadica.

Letícia (80%) – Sinto que 95% do Mix de Séries agora já tem seu candidato favorito após esse fofo cantar o tema da inesquecível One Tree Hill. Afinado e mais uma vez impecável, Austin mereceu vencer esse duelo. Parece que é tão fácil pra ele né! <3

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”81″]

 

Adam Jaymes – “Free Fallin” (53%)

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=-GSunsNiT78[/youtube]

Carine (75%) – Eu curti. Achei justíssimo os dois disputarem a vaga juntos, afinal são cantores levemente parecidos e não faria tanto sentido ambos seguirem na competição. Para mim deu empate entre os dois, mas se tivesse que decidir seguiria com o Adam porque gosto mais da voz dele. Mas não fica triste, não! Pode vir cantar aqui em casa, viu?

Eduardo (10%) – Gente cadê aquele Adam que fez uma audição emocionante? Eles escolheu uma música péssima, e eu quase dormi assistindo. Pensei que esse duelo fosse o melhor da noite, só que me enganei, que pena.

Letícia (70%) – Acho que Adam já subiu no palco derrotado, só isso explica sua apresentação bem Zzzz… Nem culpo a música escolhida, porque até não foi tão ruim. Só fico triste, porque ele tinha potencial.

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”51″]

 

Sonnet Simmons – “Feeling Good” (73%)

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=9KBaWu09QaE[/youtube]

Carine (40%) – Juro que tinha esquecido quem era a Sonnet e precisei voltar nos programas anteriores parar lembrar que era aquela que cantou “Wicked Games” e que eu tinha dito que precisava melhorar a song choice. Pois é, ela voltou e conseguiu piorar nessa versão completamente aguda de “Feeling Good”. O começo até que achei bom, mas gente, doeu meu ouvido escutar até o fim.

Eduardo (20%) – Gente o que ela fez com uma das melhores músicas do Muse? A versão dela para a música ficou extremamente SOFRÍVEL. Pra que aquele tom de voz? Se ela tivesse cantado de forma “normal”, poderia ter soado um pouco melhor.

Letícia (70%) – Assim, eu gostei. SIM GOSTEI! Adorei o que ela fez, e até perdôo o excesso de agudos que realmente não precisavam só porque a versão dela ficou boa sim. Ficou atual, diferente, mas até entendo o fato dela ter ido embora.

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”43″]

E vocês, o que acharam dos resultados dos duelos?

Avatar

Team Mix Reality

#TeamReality no Mix de Séries é responsável pelos realities shows.

1 comment

Add yours

Post a new comment