Rising Star – 1×06 – Final Duels

rising-star-06

Voltamos com mais um episódio de Rising Star, trazendo agora a final dos angustiantes duelos, que levaram embora participantes em que acreditávamos muito, e outros que ok, já sabíamos. Mas que também nos deixou grandes candidatos a vencedores, com apresentações inesquecíveis.

Então vamos lá!

Continua após a publicidade

Morgan Higgins – “Edge Of Glory” (45%)

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=oftRVS6T7Uw&index=6&list=PLp_hv829JnZ-Nundy9qM6ZemVYBM9ZlaG[/youtube]

Carine (50%) – Não achei que a escolha da música foi das melhores. Morgan não conseguiu se destacar nessa performance e deixou a desejar em comparação com a audição. Uma pena, tinha gostado dela.

Eduardo (70%) – Morgan conseguiu selecionar uma música mais atual, e isso não foi nenhum pouco ruim. Apesar disso, não se compara a sua icônica performance nas audições. Foi bom enquanto durou sua jornada.

Fábio (65%) – Considerando alguns índices alcançados em performances bem meia boca que já tivemos até aqui, essa porcentagem da Morgan não foi justa para o que ela apresentou. Olhando pelo lado bom: o publico tá ficando mais rigoroso.

Letícia (60%) – Ela começou bem, mas Edge of Glory realmente não é para todo mundo. Nem por isso cantou mal, e também não achei a nota justa, mas não foi nada comparado a sua audição, nada. Comentário aleatório: Brad é o pior jurado do mundo aff.

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”61″]

Maneepat Molloy – “Gravity” (66%)

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=8qFidpQeagI&list=PLp_hv829JnZ-Nundy9qM6ZemVYBM9ZlaG&index=5[/youtube]

Carine (85%) – Acho que eu só posso estar maluca. Assisti duas vezes pra ter certeza de que sim, eu gostei! Estava esperando muito, mas muito menos da menina depois de ouvir “Con Te Partiró” na audição e gente, me surpreendeu com um belo alcance e desbancou a Morgan que eu tinha adorado.

Eduardo (40%) – Dessa vez ela estava fazendo cosplay de “A Órfã”, e gente cadê o ânimo desse ser. Ela mostrou uma potência vocal incrível no ápice da música, mas tive vontade imensa de cortar meus pulsos. Não curti nenhum pouco sua vitória.

Fábio (70%) – Bom, Manee não foi excelente, muito longe disso por sinal. Certo que eu não estava esperando algo incrível dela.Porém ela fez uma performance “ok” e foi o suficiente para superar a Morgan.

Letícia (80%) – Palmas para menina Manee que me surpreendeu, dessa vez positivamente. Até posso dizer que ela escolheu uma música “segura”, pois o fofinho single de Sarah Bareilles não erra nunca, mas a potência vocal também estava lá, e sua vitória foi merecida. Comentário aleatório [2]: Brad votou não, mais um pontinho para o ranking de pior jurados de todos os realitys musicais.

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”68″]

Shameia Crowford – “Cry Me A River” (70%)

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=aZna78i-NUY&list=PLp_hv829JnZ-Nundy9qM6ZemVYBM9ZlaG&index=7[/youtube]

Carine (80%) – Infinitamente melhor! Shameia cresceu muito e resolveu provar que consegue aquele 1% e muito mais. Arrasou, divou, brilhou e conquistou sua vaguinha na próxima etapa.

Eduardo (85%) – Após uma audição confusa, ela finalmente conseguiu me surpreender. Sério gente, fechando os olhos a sensação é de que Whitney Houston levantou de sua tumba para participar do programa.

Fábio (75%) – Olha, achei uma ótima performance MESMO, ela mandou muito nos vocais, na presença de palco,  porém não achei digno de standing ovation. Se bem que, eles dão standing ovation pra qualquer coisa.

Letícia (70%) – Olha gostei, mas não achei nada assim tão AI MEU DEUS DIVA MARAVILHOSA não. Primeiro porque detestei o arranjo – que ela fez com o marido – parecia bem música de barzinho de hotel, sei lá! Parabéns pelo alcance dos vocais Shameia, e pela evolução. Mas vamos pensar um pouco melhor nessas song choices ok? Beleza!

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”77″]

Unselfish – “Payphone” (33%)

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=0CB_AFYySCQ[/youtube]

Carine (0%) – Muito obrigada por pisarem em uma música da minha banda favorita. Preciso de uma overdose de Maroon 5 right now pra superar o trauma dessa versão completamente dolorosa que meus ouvidos escutaram. Mas gente, sério que nessa altura ainda somos obrigados a escutar coisa ruim? Só a Kesha pra aprovar uma coisa dessas.

Eduardo (0%) – Sério costa oeste norte americana, o que vocês tinham na cabeça em terem salvo esse grupo fraco? Essa é uma das músicas do Maroon 5 que menos gosto, e eles fizeram favor da minha antipatia por ela aumentar mais. Alguém me esfaqueia por favor? PIOR performance da competição até o momento.

Fábio (10%) – Por que aquele moço de calça vermelha estava sussurrando? Sério que é assim mesmo que ele canta? Shameia nem precisava daquilo tudo para ganhar disso.

Letícia (5%) – Começa que nem lembrava que eles tinham passado para essa fase, hahaha que piada. Fui generosa e dei “5%” só pelo menino de blusa vermelha que tentou, coitado. Já os outros, principalmente o de calça vermelha que já cagou tudo no início, merecem desaparecer, adeus, até nunca mais.

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”3″]

Dana Williams – “Will You Still Love Me Tomorrow” (67%)

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=LNwsB_thZ4o&list=PLp_hv829JnZ-Nundy9qM6ZemVYBM9ZlaG[/youtube]

Carine (40%) – Lembro que não gostei da Dana nas audições e continuei sem gostar agora. Não que tenha sido péssimo tipo os meninos que se apresentaram antes, mas o nervosismo atrapalhou totalmente e, na minha opinião, resultou em uma performance fraca.

Eduardo (60%) – A habilidade vocal de Dana é algo inegável, só que mais uma vez bato na tecla de que lhe falta entusiasmo, e dessa vez misturou com um grande nervosismo. O resultado? Uma performance não tão brilhante como foi a primeira. Ainda bem que a costa oeste salvou a jovem nos 45 do segundo tempo, essa será sua última chance.

Fábio (60%) – E olha a porcentagem não condizendo com a qualidade da performance, de novo. Primeira parte da música foi sofrivel, melhorou na segunda parte, mas ainda sim longe de merecer esses 67%.

Letícia (30%) – Vi duas vezes e tive certeza, foi horrível. Estragou a música com uma apresentação que quase me chorar de tanto sofrimento. Sério que ela cantou isso para os jurados e eles gostaram? Sério que Ludacris votou sim? Ah gente pelamor né!

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”47″]

Audrey Kate Geiger – “Make You Feel My Love” (88%)

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=0vDbqWoy-TA[/youtube]

Carine (95%) – Que coisa mais linda! Vou confessar que quase caiu uma lágrima do meu olho. Primeiro de tudo que dessa vez a Audrey acertou no visual e espero que nunca mais volte vestida de senhora. E gente, song choice incrível somada a uma voz deliciosa só poderia resultar na melhor performance da noite.

Eduardo (100%) – GENTE EU AMO ESSA MENINA! Ela é perfeita, e sabe o que mais chama a minha atenção? Sua simplicidade, a forma como ela canta com emoção, as escolhas perfeitas de suas performances. A cada programa Audrey me ganha mais, e assim ela vai longe. PS: ainda bem que dessa vez ela não está vestida como aquelas tias de festas em família que depois que bebe demais começam a dizer algumas verdades.

Fábio (90%) – Aah a Audrey. Ah como eu amo essa singularidade na voz dela, como eu amo o tom, como eu amo até aquelas respirações elevadas em algumas partes, como amei aquele “uuuu” no finalzinho. E nem é preciso comentar o quão merecido foi a vitoria.

Letícia (100%) – OBRIGADA AUDREY! Obrigada por essa apresentação linda, simples, começando à capela (e podia ter sido assim a apresentação toda que seria linda do mesmo jeito), arrasando e sambando na cara do recalque de quem precisa estragar – ou seria “dar nova roupagem” – músicas para chamar nossa atenção, sim Dana, foi para você isso. E assim, se fosse você (Dana) teria ido embora assim que Audrey abriu a boca, porque ela foi maravilhosa. Lindaaaa!

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”96″]

Karen Hornsby – “(You Make Me Feel) A Natural Woman” (67%)

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=hQslUk8_-l8&index=4&list=PLp_hv829JnZ-Nundy9qM6ZemVYBM9ZlaG[/youtube]

Carine (80%) – Até queria escutar a Karen saindo desse estilo, só que é impossível, né. Ela tem cara, estilo, pose, se veste e age como diva. Vou falar que eu gosto. Não teve nenhum diferencial dentro do estilo, mas é excelente cantora.

Eduardo (90%) – Karen pode não ser a melhor participante do reality, mas eu gosto da forma como ela canta, com a alma. Cantar Aretha Franklin não é para qualquer um, e ela deu uma deslizada no começo, mas logo encontrou o tom certo. E deu para ver que ela estava bem mais à vontade e feliz, talvez pelo fato da filha dela estar presente dessa vez. Mesmo ela não tendo ganhado o duelo, valeu muito a pena sua participação.

Fábio (70%) – Gostei da performance, ok. Mas tentei gostar MUITO assim como vocês gostaram, mas é que mesmo depois de tantos anos é complicado não comparar qualquer performance com essa música, depois daquela inesquecível versão da Kelly Clarkson no Idol.

Letícia (65%) – Karen chegou mais confiante, e isso fi ótimo. Cantou bem essa música maravilhosa. Cantou BEM, e BEM não é cantou MUITO BEM. Porque eu tenho uma implicância com quem canta essa música – já que minha cantora preferida que é japonesa fez a melhor versão para essa música, que tá aqui em um vídeo meio blé, mas vale ouvir – então parabéns dona Karen, mas que pena né que não rolou! :/

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”76″]

Joshua Peavy – “Too Close” (75%)

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=VtEYL332vhA&index=3&list=PLp_hv829JnZ-Nundy9qM6ZemVYBM9ZlaG[/youtube]

Carine (85%) – Sério que é o mesmo Josh que abriu as audições do programa? O cara ganhou meu respeito ao sair de “Everything I Do” para “Too Close”. Muito mais personalidade e desenvoltura no palco, tanto que me surpreendeu ao desbancar a Karen.

Eduardo (80%) – Joshua tem uma potência vocal muito grande, e até foi merecido sua vitória no duelo, só que está na hora de começar a dar uma variada. Sinto cheiro de rótulo “boring” vindo.

Fábio (90%) – Olha julguei muito ele na audição por conta da escolha da música e o cara vem totalmente reformulado, que beleza. Na primeira nota ele já tinha vencido esse duelo pra mim. Mandou muito, MUITO mesmo. Que melhora incrível!

Letícia (80%) – É um novo Joshua, definitivamente. Seguro foi lá todo humilde e mandou para casa a “diva” do programa. Adorei a performance e que ele siga por esse caminho, porque voz, estilo e presença de palco ele já tem.

[skillbar title=”MÉDIA DO MIX: ” level=”83″]

E assim termina a fase de duelos. O que vocês acharam?

Avatar

Team Mix Reality

#TeamReality no Mix de Séries é responsável pelos realities shows.

No comments

Add yours