Roteirista de Chicago PD e Law & Order é demitido após ameaçar protestantes

Roteirista Chicago PD Law & Order demitido

Craig Gore, de Chicago PD, ameaçou grupo de manifestantes

A produtora de Dick Wolf, a Wolf Enterteiment, confirmou nesta terça (02) que demitiu o ex-roteirista de Chicago PD, e produtor da nova Law & Order, Craig Gore.

A demissão ocorreu após Gore fazer comentários nas redes sociais e ameaçar bater em protestantes antirracistas que manifestavam próximo de sua casa.

“Você acha que eu não vou atirar nesses malditos que estão tentando ferrar com minha casa? Uma propriedade que eu trabalhei por toda minha vida para conseguir? Pense de novo”, disparou ele no Twitter.

Quem expôs o roteirista foi o comediante Drew Janda, que endereçou a mensagem diretamente para Chris Meloni, que interpreta Elliot Stabler, e será a estrela do novo spin-off de Law & Order. “Seu novo showrunner é um garoto orgulhoso”, disse Janda.

Continua após a publicidade

Então, Meloni tratou de responder rapidamente, dizendo que “Matt Olmstead é o meu showrunner. Portanto, não sei quem é esse rapaz”, disse o ator.

Pouco tempo depois, a produtora de Dick Wolf soltou uma declaração no Twitter, anunciando a demissão. “Não irei tolerar essa conduta. Especialmente durante essa hora de luto nacional. Logo, estou demitindo Craig Gore imediatamente”.

Roteirista foi contra manifestações

Ao demiti-lo, Wolf fez referência a algumas das postagens recentes de Gore no Instagram, nas quais o escritor e produtor executivo de séries como S.W.A.T.bem comoChicago PD, apresentou uma foto dele segurando uma arma grande na porta da frente do que parece ser sua casa.

Além disso, na legenda, ele zombou sobre o “Toque de recolher” e, em resposta a um seguidor, Gore referiu-se a saques que ocorreram próximos aos protestos do Black Lives Matter em Los Angeles, no início desta semana.

#BlackLivesMatter

O movimento antirracista, #BlackLivesMatter começou nos Estados Unidos e se espalhou pelo mundo após um ex-segurança negro, George Flyod, morrer asfixiado após ter o pescoço prensado pelo joelho de um policial branco. Na ocasião, ocorrida em Minneapolis, um funcionário de uma mercearia chamou a polícia após acusar Flyod de pagar as compras com uma nota falsificada de 20 dólares. 

Igualmente, em vídeos, que viralizaram nas redes sociais, Flyod é visto pedindo para ser solto, e alegando que não podia respirar. O policial, no entanto, manteve seu joelho por mais de oito minutos. A frase “Eu não consigo respirar” tornou-se símbolo da resistência rapidamente.

Aproveite e continue acompanhando todas as novidades do mundo das séries aqui no Mix de Séries.

  • Além disso, siga nossas Redes Sociais (Instagram, Twitter, Facebook).
  • Baixe também nosso App Mix de Séries para Android no Google Play (Download aqui) e fique por dentro de todas as matérias do nosso site.

 

Anderson Narciso

Anderson Narciso

Criador, editor e redator do site Mix de Séries, é apaixonado por séries desde sempre. Fã incondicional de One Tree Hill, ER, Friends, e não perde um episódio da Franquia Chicago.

No comments

Add yours