Scandal: em clima de despedida, elenco fala sobre os episódios finais da série

Imagem: ABC/Reprodução
Continua após publicidade
Imagem: ABC/Reprodução

[spacer height=”20px”]

Continua após publicidade

Scandal está se aproximando do final de sua sexta e última temporada e isso só aumenta a curiosidade dos fãs sobre o que acontecerá com os personagens no desfecho da série da Shondaland.

Para acalmar as mentes mais inquietas, o elenco da série, que esteve em peso no Vulture Festival, em Los Angeles, contou alguns detalhes sobre o que podemos esperar dos próximos episódios.

Continua após publicidade
Continua após publicidade

Como era esperado, uma das principais perguntas que todos estavam se fazendo era o destino da personagem Quinn depois do surpreendente cliffhanger exibido no episódio “Something Borrowed“, na última quinta-feira, 16. Vale ressaltar que Katie Lowes, a atriz que interpreta Quinn Perkins, não compareceu ao evento, o que deixou todos ainda mais curiosos.

A protagonista da série, Kerry Washington, admitiu que todo o elenco também está no meio do tiroteio. “Nós só sabemos o que gravamos”, disse. “Mas não estamos muito à frente do que vimos”, completou Bellamy Young, intérprete da Presidente Mellie Grant.

Continua após publicidade

Durante o evento, atores e atrizes destacaram a importância e o valor do trabalho da autora da série, Shonda Rhimes, e sua luta em promover a diversidade na TV americana. “Shonda não ama a palavra ‘diversidade’,  ela fala sobre substituí-la por ‘normatizar’. Você olha para este palco e para o que esse elenco é feito – uma tonelada de pessoas que a sociedade diria pertencer a uma minoria ou a grupos desprotegidos, seja por idade, orientação sexual, raça ou gêner”, disse Kerry Washington referindo-se ao fato do elenco da série ser composto por mulheres, pessoas negras, homossexuais, e pessoas da terceira idade.

Continua após publicidade

Em clima de despedida, as perguntas sobre finais felizes pipocaram. “Essas pessoas horríveis merecem um final feliz?“, disse aos risos o ator Tony Goldwyn, que interpreta o ex-presidente Fitzgerald Grant. “Eu estou esperando por um ‘casamento vermelho 2’”, provocou o ínterprete do procurador David Rosen, Joshua Malina.

Continua após publicidade

Se isso acontecer, eles vão ter que merecer. Uma redenção vai ter que acontecer para que não seja apenas um final feliz clichê“, disse Goldwyn. “Os finais felizes não podem ser os mesmos para todos nós. Tudo o que Shonda e os roteiristas inventam, pode ser satisfatório para alguns de nós, mas com certeza não será para todos nós“, acrescentou o patriarca Pope, Joe Morton.

Continua após publicidade

Shonda ficará feliz. Não sei se mais alguém ficará feliz com o final, mas eu sei que Shonda irá!“, acrescentou Kerry.

Continua após publicidade

A segunda parte da última temporada de Scandal retorna no dia 18 de janeiro, na ABC.

Fonte: Deadline