Scream – 2×01 – I Know What You Did Last Summer [SEASON PREMIERE]

Imagem: Celebreties Report
Imagem: Celebreties Report
Imagem: Celebreties Report

Scream está finalmente de volta em sua segunda temporada, e a série já voltou cheia das referências. A começar pelo título do episódio, que relembra outro thriller famoso do final dos anos 90. A nova temporada já começou com uma certa homenagem ao icônico Pânico 2, com seu início no cinema, mesmo que o contexto não tenha sido exatamente igual.

Continua após publicidade

Já logo nos primeiros minutos o suspense e agilidade veio com força total, mas diferente de tudo apresentado hoje na franquia. O motivo? O ghostface, propriamente dito, não agiu de cara. Portanto, não tivemos uma primeira vítima de imediato. Vou ser bem sincero que estranhei o fato de não acontecer nenhuma morte de início, mas não é que foi interessante sair um pouco da mesmice?

Continua após a publicidade

Estava tudo muito bom, até aparecer a insuportável da Emma. Gente, ela conseguiu ser pior do que foi na temporada passada inteira em questão de poucos minutos. Tudo bem que ela sofreu com todos os acontecimentos, mas já começarei a fazer meus comparativos com os filmes: Sidney, que sofreu MUITO mais que a jovem na quadrilogia cinematográfica, não ficava nesse mimimi. A personagem já chegou soltando os cachorros e afastando as pessoas ao seu redor.

Continua após publicidade

O bom disso tudo serviu para evidenciar ainda mais os outros personagens como Audrey, Brooke e principalmente Noah. Como eu estava com saudades desse trio, e até mesmo Jake conseguiu me fazer sentir falta. Só Emma e Kieran que foram as exceções, obviamente. Vou admitir que shippava loucamente eles ano passado e hoje entendo melhor o porquê, ambos são extremamente sem sal.

scream-2x01-
Imagem: Banco de Séries

Ainda bem que essa premiere não focou exclusivamente nos dramas da protagonista, e fomos apresentados a novos personagens. O primeiro deles é o novo guarda de Lakewood, que já tem jeito que talvez vá morrer antes da finale. Dos novatos, destaque para a nova professora dos jovens, a quem Noah morre de amores. Da galera estudantil, temos que ficar atentos com Zoe e Gustavo. Já gostei da garota logo de cara, porém vou fazer de tudo para não me apegar a ela, pois tenho medo dela ser a nova Riley. O rapaz, por sua vez, ainda é cedo para tirar qualquer conclusão sobre o mesmo, apesar dele ter como papel de fundo no tablet um desenho de Emma ensaguentada, mas acredito que sua obsessão também por filmes de terror vá render momentos divertidos de rivalidade com nosso nerd predileto.

Continua após publicidade

Eu nunca morri de amores por Jake, mas o plot que ele é feito refém do novo (ou não) assassino foi simplesmente genial e, sem dúvidas, o ponto alto do episódio. E quando pensei que o pesadelo da Emma tinha sido algo totalmente desconexo, percebi que na realidade as coisas estavam interligadas. Fiquei muito apreensivo com o que personagem passou nas mãos do ghostface e eis que a primeira morte da temporada acontece nos momentos finais.

O mascarado inovou, torturando o rapaz do começo ao fim, no melhor estilo Jogos Mortais, e a forma como ele foi assassinado saiu um pouco do previsível, rendendo algo bem sangrento. No final das contas, o sonho da protagonista serviu como fio condutor dela ficar frente a frente com o psicopata da vez. Fiquei “meio assim” com a morte de Jake, mas não por causa dele, e sim pela reação de Brooke quando ver o amado totalmente aberto ao meio.

Vou ser sincero: esperava um pouco mais dessa premiere, apesar de ter sido boa. Mesmo assim, tenho certeza que essa temporada será muito melhor que a primeira, e pelo visto o foco da vez será Audrey, ao invés de Emma. Só sei que quero ver a forma como será explorada a conexão dela com Piper, que deu início à primeira onda de massacres em Lakewood.

 

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=uEP2e839y4Q[/youtube]