Shadowhunters – 1×11 – Blood Calls To Blood

392602

Imagem: Banco de Séries

Continua após as recomendações

 

Shadowhunters se desenvolve muito bem quando consideramos as questões ligadas ao enredo. O episódio é dinâmico, mas peca grandemente na atuação. Claro que restringimos esse comentário a uma parcela pequena e relativa dos personagens, na verdade a protagonista em si. Clary é uma mosca morta na série, tipicamente uma donzela em perigo que não sabe viver com seus dilemas familiares. Não sei se devo criticar a atriz ou elogiá-la pelo belo trabalho de tédio, uma vez que Clary é uma protagonista bem clichê e ZzZzZzZz…

Continua após a publicidade

Mas enquanto não tentamos dormir com as cenas da protagonista, somos engrandecidos por belos e excelentes personagens secundários. Simon por exemplo, dá uma engrandecida as cenas da mosca morta. Todo o crescimento do rapaz (e a adaptação ao submundo) mostraram um desenvolvimento interessante do personagem. Aquela risadinha ao saber da nova relação de Jace e Clary, junto com seu olhar de esperança no final mostrou como o ator entendeu o sentimento do personagem e soube desenvolver bem suas características.

392603

Imagem: Banco de Séries

E já que mencionamos Jace e Clary, tenho duas coisas a dizer. Acho que a maioria já desconfiava de que Valentine estava no corpo do pai de Jace desde o início do episódio. Não minto ao dizer que não esperava aquele 7×1, quando ele revelou ser pai de Jace também (eu já sabia, só não esperava tão cedo). Mas de tudo o que mais me impressionou foi a reação de “não estou entendendo” de Clary, ao descobrir que o cara que ela tá afim é seu irmão. Qualquer pessoa sã ficaria impressionada, mas a expressão no olhar dela foi como se estivesse em Westeros.

Vamos falar de coisa boa? O julgamento de Izzy foi sensacional. Lydia destruiu barreiras indo contra a Clave e isso é interessante no meu ponto de vista. Pode ser que isso envolva um sentimentalismo entre ela e Alec no futuro. Quem sabe um trio incrível com Magnus no meio? PAREI. Mas ainda assim, o mago foi sensacional no julgamento, defendendo Izzy, e ela discursando sobre a luta interna que estava iniciando na Clave também foi de cair o queixo. Estão de parabéns ao desenvolver esse plot com um triangulo amoroso em ascensão e queremos ver mais e mais.

 

P.S.: Podiam falar um pouco mais de Hodge no seriado, ele tem uma história interessante para começarem a abordar, mais ainda no momento que a trama está.

Nenhum comentário

Adicione o seu