Shadowhunters – 2×03 – Parabatai Lost

Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries

 

Continua após publicidade

Estamos de volta mais uma vez com um episódio totalmente inesperado e interessante. Shadowhunters está criando uma atmosfera muito mais engajada esta temporada. Apesar de seus defeitos e críticas, a renovação fez muito bem para tudo e todos. Os produtores conseguiram pegar as principais críticas ao seriado e transformar isso em mais ação, em uma adaptação coerente à obra literária, que desse realmente gosto de assistir. Eu percebo isso claramente durante o episódio, já que agora, ao invés de mover o cursor para ver quanto tempo ainda resta de episódio, eu fico surpreso com o seu fim.

Continua após a publicidade

“Parabatai Lost” já indicava a todos qual seria o principal foco do episódio: Jace e Alec. E eu fiquei realmente surpreso com a maneira que eles abordaram essa relação. Mostrar suas versões mais jovens em treinamento, as palavras de Jace para Alec quando eles se conheceram, o ritual parabatai dos dois. Tudo foi muito bem pensado e aborda uma realidade um pouco diferente do que estamos acostumados. Gostei do fato de não terem romantizado muito esses flashbacks, nem sobrecarregarem as cenas. Foi dosado da maneira correta para correlacionar com situações atuais.

Continua após publicidade

O que mais me impressionou durante toda essa abordagem, foi ver Jace um pouco mais semelhante à sua versão literária. O ator trouxe algo diferente para esta temporada, ainda não sei bem o que, mas algo em sua personalidade, que refletiu bem no personagem. Talvez o enredo ajude um pouco, distanciando a relação amorosa com Clary ou o ciumes possessivo dela com Simon, e trazendo um pouco mais de serenidade e mistério ao personagem. A cena final, dele recitando o juramento parabatai foi incrivelmente bem produzida e adicionada à história. Estão de parabéns.

Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries

Mas não podemos dar todo o crédito da volta de Alec para Jace, certo? Enquanto ele fugia dos lobinhos de Luke, Magnus estava firmemente ao lado de seu par, fazendo de tudo para mantê-lo vivo. Achei incrível ver a contradição do personagem, dizendo que um despertar não é como um beijo da Bela Adormecida, e depois, utilizar desse método para tentar acordar seu amado. Isso mostrou um pouco do quão desesperado e angustiado ele estava com toda a situação, e trouxe um pouco de humanidade ao grande mago, que colocou sua esperança e fé em métodos inimagináveis.

Continua após publicidade

Longe de toda a atmosfera parabatai, Simon vem com um plot totalmente diferente e curioso. O personagem também retorna à temporada, um pouco mais maduro em relação ao submundo e à sua atual posição. Gostei muito da referência “sair do caixão”, mostrando claramente a dificuldade que muitos sofrem por sair de sua zona de conforto e do que sempre foi ensinado como “normal” e “certo”. Queria que ele tivesse contado logo para a mãe que era um vampiro, mas isso ainda vai servir de prato cheio para Raphael e seu plano de guerra contra Camille.

A série está se desenvolvendo bem e espero que expanda seu mundo no decorrer da temporada. O pessoal de Idris, como sempre, ainda me dão nos nervos com suas atitudes “adultas” do que é certo e errado. Agora que Jace é um prisioneiro, voltaremos com o foco em Valentine e seu plano de dominar o mundo Shadow. Espero que vocês estejam gostando das reviews e continuem acompanhando tudo aqui no Mix de Séries. Um abraço e até semana que vem!

Considerações Finais

  1. Clary falando no telefone sem atender a chamada é um erro bem juvenil né!? Vamos ficar de olho nisso aí…
  2. Izzy sendo foda desde pequena. Já entendia o irmão e ainda treinava como uma verdadeira Shadowhunter <3

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=43b-_BTzS7g[/youtube]

Mineiro, Escorpiano, 20 Anos, Estudante de Medicina. Direto do Arkham Asylum para o Mix. Eterno fã de Chuck, E.R. e Friends (RIP). Por entre as madrugadas vive a dualidade dos estudos e das séries. No Mix, escreve as reviews de Quantico, The Good Doctor e Legends of Tomorrow.