Shadowhunters – 2×06 – Iron Sisters

Imagem: Banco de Séries
Imagem: Banco de Séries

[spacer height=”20px”]

Continua após publicidade

E não é que depois de tantas críticas, Shadowhunters retorna com um episódio bem desenvolvido e cheio de surpresas? A segunda metade da temporada tende a ser mais intensa, até porque todos os plots estão se preparando para convergir a um desfecho. O episódio trouxe cenas fortemente aguardadas pelos fãs da série e o fez de uma maneira inesperada. E ainda por cima, praticamente não tivemos Jace durante os 42 minutos, o que aumenta ainda mais o interesse e a dinâmica do episódio.

Continua após a publicidade

“Iron Sisters” traz algo que eu já almejo a muito tempo na série: a expansão do mundo Shadow. A introdução ao telespectador foi muito bem elaborada, adicionando elementos que conferem uma posição determinada ao grupo e que surpreendeu pelas cenas iniciais desenvolvidas de maneira coesa. Só assim pudemos entender o importante papel das guerreiras neste universo. Acredito que a cena da fonte foi impactante para muitos, por colocar Izzy em uma situação de desconfiança.

Continua após publicidade
Imagem: Banco de Séries

Falando em nossa querida Shadowhunter, sua situação esteve bastante peculiar nestes dois últimos episódios. Enxergando por detrás de toda a crítica social, a garota ainda não perdeu a sua noção de mundo. Esconder o segredo de Clary demonstra que sua índole ainda consegue superar o vício. A personagem possui um vasto grupo de fãs e merece seguir seus passos paralelo ao plot principal.

Enquanto Izzy sofre por sua dependência, somos apresentados a uma nova droga na série: a droga do amor hahahaha. Novos corações apaixonados incendeiam as telinhas, quer dizer, quase apaixonados. Ainda não estou falando de Malec, mas sim de Maia e Simon. A loba e o vampiro ganharam uma relação incrível neste episódio e a química deles é inegável. Estou achando que o problema dá Clary é a Kath McNamara mesmo, porque não consigo ver ela com ninguém até hoje. Mas o novo casal com potencial de ascensão passa pelos mesmos problemas de intensidade que muitos casais do nosso mundo: alguém sempre sente mais do que o outro. A loba já percebeu os olhares de Simon e isso pode fazer com que o rapaz perca uma chance de ouro de se dar bem na série e ainda gerar uma trégua com os lobos.

Continua após publicidade

Agora sim é a vez do casal mais opostamente divertido da série: Malec. Eu tiro meu chapéu para Harry Shum Jr. depois dessa atuação em Shadowhunters. Quem o via tímido em Glee nunca poderia imaginar o sucesso que faria por aqui. Magnus e Alec são o perfeito equilíbrio de um casal totalmente diverso. E rolou mais beijo? Rolou. Os fãs do casal sempre esperam ver mais e mais e, dessa vez, tivemos momentos especiais e cômicos dessa nova aventura dos dois. Se não fosse o tapado do Jace que não pode ficar um episódio sem aparecer, as coisas iriam fluir mais e mais…

Confesso a surpresa quanto ao episódio. Não lembro a última vez que me empolguei com uma cena final, e a traição da irmã de Luke foi inesperada para mim. Os produtores estão seguindo uma vertente meio contraditória aos livros, o que não é de tudo ruim. Shadowhunters vem se mostrando cheio de altos e baixos e é exatamente aí que mora o perigo. Tenho receio da série ser cancelada e não sermos agraciados com um fim digno, ou pelo menos com algo que possa dizer, “quem sabe um dia ainda retornaremos?”. Resta ficar no aguardo e acompanhar o desenvolvimento dos próximos episódios.

Shadow Notes: Luke correndo e gritando na floresta me lembrou os comerciais de Old Spice... Kkkk

Espero que vocês acompanhem as novidades no Mix de Séries e um grande abraço. Até a próxima!

Mineiro, Escorpiano, 20 Anos, Estudante de Medicina. Direto do Arkham Asylum para o Mix. Eterno fã de Chuck, E.R. e Friends (RIP). Por entre as madrugadas vive a dualidade dos estudos e das séries. No Mix, escreve as reviews de Quantico, The Good Doctor e Legends of Tomorrow.