Shonda Rhimes comentou sobre cena chocante de Kerry Washington em Scandal

 

Continua após publicidade

Quando Olivia Pope escolheu fazer um aborto em Scandal, Shonda Rhimes estava incitando uma tempestade. Mas após o episódio ir ao ar em Novembro, a roteirista se deu conta de que havia superestimado a reação do publico.

Continua após a publicidade

“Quando o episódio saiu, eu pensei que a reação seria muito mais forte…e é muito bacana quando acontece o contrário”, explicou Rhimes no Vulture Festival em Nova York. “Porque o público é muito mais esclarecido do que, você sabe, os advogados do estúdio”.

Continua após publicidade

Ela adicionou ainda: “eu acho que eu nunca fico surpresa. Não, eu não fico. Eu sempre estou esperando o pior. Quando Olivia fez um aborto e deixou a Casa Branca, nós usamos “Silent Night”, de Aretha Franklin, que foi uma linda trilha para tocar durante o aborto”.

De fato, Shonda estava mais preocupada com a percepção de Franklin em relação a cena do que com a do público. “E eu andava muito estressada com tudo isso, no geral, sobre usar essa música”, ela disse. “Eu conversei com os assessores da Aretha umas cinco vezes. Perguntei se ela havia visto a cena, se ela sabia de fato o que estava sendo mostrado. Minha maior preocupação era de que Aretha não visse a cena antes de ser transmitida na TV e nunca mais nos permitisse usar uma música dela novamente. Finalmente recebi uma nota da assessoria me pedindo para parar de fazer perguntas e dizendo que Aretha tinha visto a cena e estava tranquila em relação a isso”.

Continua após publicidade

Além de ter comentado sobre esse momento poderoso de Kerry Washington, Shonda Rhimes também falou sobre a saída de Sara Ramirez de Grey’s Anatomy e você pode conferir tudo clicando aqui.

Fonte: EW

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!