Shooter – 1×07 – Danger Close

Imagem: Netflix

Imagem: Netflix

Continua após as recomendações

 

Está cada vez mais eletrizante essa caçada do Swagger ao verdadeiro culpado do assassinato do presidente ucraniano. Finalmente, ele consegue chegar até o culpado e isso acontece no momento certo – nem antes, nem depois do que poderíamos considerar uma enrolação. Aí reside o que me fez amar essa série: ela usa um ritmo muito empolgante e nos abre seu enredo de forma muito sutil e, ao mesmo tempo, vai fechando amarras soltas desde o episódio piloto.

Continua após a publicidade

A busca pelo rifle foi muito bacana. Swagger foi muito feliz em sua persuasão para descobrir a origem do atirador. Seu único e maior pecado é o seu disfarce. Sério que alguém é enganado? Um disfarce de verdade deve mudar muito a pessoa, mas, se não dá para descaracterizar nosso protagonista, pelo menos tentem nos convencer melhor disso. A pequena confusão instaurada no lugar por ele foi ótima. Mais uma coisa para Memphis resolver e abafar junto aos federais e ao FBI.

m2

Imagem: Netflix

Mais uma vez quem reinou foi Nadine Memphis. Nossa, como eu te amo, minha agente favorita! Ela não se deixou intimidar e foi atrás de respostas. Aquela cena no falso salão de cabeleireiro, que coisa fantástica! Ali deu pra ver que ela não está para brincadeira e, mesmo sendo ameaçada de forma brutal pelos russos, foi para cima com novas estratégias para sair de toda essa confusão. A tática agora é parecer alheia a toda situação e tentar agir mais pelos bastidores. Quem sabe o que não vai sair daí, não é mesmo?

Karina Ordenco mal apareceu e já partiu dessa para melhor. A pobre jornalista teve a infelicidade de cruzar (ainda que algumas vezes indiretamente) o caminho de pessoas erradas, a começar pelo Jack, que quer dez milhões de dólares para ficar quieto em relação ao Anexo B (Paola Bracho mandou lembranças).

O confronto de Isaac e Bob Lee mostrou que o ex-capitão está em um sério conflito. Aos poucos ele se tocou que está do lado errado. Apesar de não ter dado a entender um real arrependimento, ele está descobrindo que os planos dos russos é algo muito acima do que ele imaginava. O Anexo B, pelo andar da carruagem, não deve ser tanto o centro das atenções dessa primeira temporada. Ele deve ser introduzido para uma trama principal na segunda temporada. Aí sim eu vejo Swagger do lado do governo americano para juntos resolverem toda essa confusão.

Agora sabemos que Lon Scott foi o atirador escolhido. Mesmo com armadilhas para o Swagger, ele foi mais ligeiro e escapou ileso. Agora é só esperar os próximos movimentos de ambos os lados.

Menção Honrosa: Julie Swagger como você é perfeita. Por mais violência doméstica: eu voto sim.

Nenhum comentário

Adicione o seu