Spoiler Alert: Confira os spoilers e novidades da semana nas séries de TV

Spoiler, Spoiler Alert, Good Trouble, Legacies, This Is Us, The Walking Dead

Legacies, The Walking Dead, This Is Us e muito mais

Com a enorme quantidade de Season Finales, pedimos licença para olhar um pouquinho para o futuro. O que será que veremos nas segundas temporadas de Legacies Good Troube? Temos algumas ideias. Além disso, o que aquela enorme reviravolta em This Is Us significa para o futuro da série? Dan Fogelman tem a resposta.

Por fim, também temos as tradicionais idas e vindas dos elencos de algumas séries importantes e outras alternativas. Sem esquecer, é claro, do tradicional trailer da semana com uma nova proposta da Netflix. Então eu te convido para ler, assim como comentar seus elogios, críticas e/ou sugestões de melhora.

Estamos apenas começando

Gostou da Season Finale de Legacies? Principalmente no que se refere ao cavaleiro sem cabeça? Então pode ficar tranquilo que o segundo ano será ainda mais esquisito. De acordo com a criadora da série, o monstro é apenas “a ponta do iceberg” do que está por vir na próxima temporada. “Nós temos conversas sobre semi-deuses, demônios e outras criaturas fantásticas,” explicou Julie Plec em entrevista ao TV Line.

Nós também falamos sobre criaturas com implicâncias histórias e referências literárias. Se um livro foi escrito por um cavaleiro sem cabeça, então quem pode dizer que um  cavaleiro sem cabeça não existe na linha temporal de Malivore?“, completou a produtora. “Certamente é a nossa intenção, conceitualmente, em ter uma estrutura similar na próxima temporada,” garante.

O que o futuro nos reserva

Depois de servir de saco de pancadas (justamente) para crítica especializada, a recente Season Finale de The Walking Dead trouxe uma espécie de redenção para o drama. Contudo, sabe-se desde já que o próximo ano deverá trazer ainda mais mudanças no que se refere a dinâmica do grupo, ainda mais agora que Rick não está mais presente. Uma das coisas que nós já sabemos é que Danai Gurira (Michonne) terá uma participação diminuída no próximo ano. Mas como que isso deve funcionar?

Para nossa sorte, o Deadline conversou com a showrunner da série, Angela Yang, sobre o assunto. “Bem, nós vamos fazer algumas coisas criativas no decorrer da escrita dos roteiros e das gravações. Então é como um microondas. Com os compromissos envolvendo Pantera Negras; Os Vingadores, peças e outros projetos com a sua participação, eu penso que Danai está num grande momento da sua carreira. Ela é um tesouro internacional,” elogia a produtora.

Então nós meio que sabíamos que ela teria um papel reduzido na próxima temporada,” disse. Yang ainda garante que a personagem terá “grande importância na 10ª temporada, mas com menos participação nos episódios”.

Apertem os cintos

DC’s Legends of Tomorrow retornou ao ar na última segunda-feira (1º), contudo nós já temos uma ideia do que o quarto ano vai tratar. Além do tradicional conteúdo histórico, como por exemplo as lutas mexicanas dos anos de 1960, nós também veremos uma das cenas mais aguardadas até aqui: a passagem do bastão do pai de Nate Heywood Hank (Tom Wilson) para Neron.

Antes mesmo do pai de Nate ser Tom Wilson, a nossa ideia do Big Bad é de um militar que trabalha para o Pentágono que vai torturar criaturas mágicas e transforma-las em super soldados,” afirma o showrunner, Phil Klemmer. “Mas quando vimos Tom Wilson em ação e tivemos a oportunidade de conhecê-lo como pessoa, nossos planos foram por água abaixo,” confessa.

Como resultado, “a agenda de Hank meio que muda” nas próximas semanas, no mesmo momento que seus planos para as criaturas fantásticas são ameaçadas. Tudo isso ao mesmo tempo que Neron – que Hank acredita ser de muitos recursos – se torna ainda mais impaciente. “Hank foi para cama com ele com falsas pretensões, mas ele vai acabar descobrindo a verdade,” conclui.

Um leão por temporada

É possível que você já tenha recebido uma infinidade de spoilers referente a Season Finale de This Is Us. Como nós próprios trouxemos na última semana. Contudo, é importante lembrar que, caso a NBC tome a óbvia decisão de trazer o drama para mais uma nova temporada, o próximo ano lidará com as consequências do últimos acontecimentos. A garantia vem do criador e showrunner do drama, Dan Fogelman, em entrevista ao Deadline.

A quarta temporada é muito sobre o recomeço após a crise. Eu já escrevi a Season Premiere da próxima temporada. É tão ambiciosa que nós estamos no processo antes mesmo de começarmos a planejar. Na sua própria firma, é um pouco de um recomeço. Para uma série que fez tanto e cobriu tanto território nas suas primeiras três temporadas, é justo dizer que nós estamos na metade da série e no começo da quarta temporada. Então é bastante desafiador,” afirma.

À Flor da Pele

Após uma temporada inaugural elogiada e premiada, The Chi retornou para seu segundo ano no último domingo (08) nos Estados Unidos. Contudo, há duas semanas atrás, a Showtime promoveu uma exibição especial do episódio de estreia para a imprensa com a participação de Lena Waithe, a criadora da série. Como fez no passado, os novos episódios trarão histórias que são igualmente empolgantes, hilárias e absolutamente devastadoras.

A proposta é de que mesmo os personagens sendo fictícios, suas experiências coletivas trarão uma proposta única dos altos e baixos das comunidades negras dos centros urbanos. Eles são cheios de vida, tridimensionais e darão aos telespectadores a oportunidade de se relacionarem. Mas também entender os traumas que vem automaticamente. “Eu quero que as pessoas assistam e sintam por si mesmas,” disse Lena.

A arte de explorar

Séries derivadas sempre enfrentam um grande desafio no seu primeiro ano. Seja pela necessidade de situar alguns personagens, assim como diferenciar a nova história da original. Tal rito de passagem foi encarado de forma bem sucedida por Good Trouble, cujo primeiro ano terminou na última semana. Contudo, a pergunta do momento é – o que o futuro reserva para o drama? Para nossa felicidade, o TV Guide conversou com a produtora executiva, Joanna Johnson, para ter uma resposta.

[Os fãs podem esperar] o crescimento do elenco e a exploração desses personagens maravilhosos e ricos, assim a forma deles interagirem. Além disso, também vamos ver como que Coterie lhe proporciona um sentido de comunidade que os ajuda a navegar pelos estresses da vida de cada dia. Existirá espaço para esclarecer questões menores e maiores no decorrer da história. A ideia é de explorar ainda mais fundo personagens fascinantes, como Mariana e Callie,” conclui.

Spoiler Bônus

Não é sempre que nós usamos um dos tópicos da nossa coluna para apresentar uma série recém encomendada. Contudo, a nova proposta de Showtime, batizada de Intelligence, vem com a ideia de fundir os mundos da espionagem, política, finanças e mídia. Do cineasta Mark Boal (Guerra do Terror), a série é baseada em histórias reais ao redor do mundo, explorando os funcionamentos do poder.

Como que espionagem se junta ao mundo da política, finanças, mídia e o Vale do Silício. A proposta do primeiro ano vai ser de dramatizar os bastidores das eleições de 2016 dos Estados Unidos. Caso a produção dê certo, a proposta, de acordo com o canal, é trazer uma história diferente em toda temporada a partir do ponto de vista de uma operação secreta. Ainda não há um elenco definido para o drama, tampouco uma previsão de estreia.

Quem entra e quem sai

The Blacklist: quem está em dia com a série da NBC sabe que os acontecimentos recentes não sugerem um retorno de Mozhan Marnò (Samar Navabi). Realmente! De acordo com a própria atriz, ela está oficialmente fora da série após participar do elenco regular pelas últimas cinco temporadas.

Triangle: o novo piloto dramático da ABC ganhou novos nomes no elenco. Amit Shah, Sibongile Mlambo, Diana Bermudez e Sarah Catherine Hook foram confirmados ao lado de Mike Vogel. A proposta da série em potencial questionará a verdadeira existência do triângulo das bermudas.

– I Know This Much Is True: a nova minissérie da HBO ganhou nomes de peso no seu elenco. São seis atrizes confirmadas recentementes, como Rosie O’Donnell, Archie Panjabi e Melissa Leo. Assim como Juliette Lewis, Kathryn Hahn e Imogen Poots. Elas atuarão ao lado de Mark Rufallo, que interpretará dois personagens, os irmãos Dominick e Thomas Birdsey.

Richard Lovely: Jason Alexander, mais conhecido pelo seu trabalho em Seinfeld, entrou para o elenco do novo piloto da FOX. O ator não aparecerá em cena, mas será responsável por dar voz ao Sr. Rato, que aparece na vida real do protaginista e influencia nas suas decisões. O ator se junta a Wendie Malick,  Nicole Richie, Mason Schneiderman, Nicole Sun, Kai Cech e Thom Nemer.

Emily in Paris: Lily Collins será a protagonista da nova série da Paramount Network. Do mesmo criador de Younger, Darren Star, o novo drama pretende ser gravado em Paris e acompanhará a protagonista desde o início da sua vida no meio oeste até chegar na capital francesa. Esse é o retorno da atriz a televisão depois do fracasso de The Last Tycoon.

Trailer da Semana: Dead To Me

Quando Christina Applegate abandonou Up All Night no meio da segunda temporada da série, sabia que a comédia não tinha a condições de continuar porque a atriz era a alma do show. O apelo Applegate tem para comédia vem desde os tempos de Married… with Children.

A boa notícia é que ela está de volta numa produção cômica para televisão na nova aposta da Netflix, Dead To Me. Ao lado de Linda Cardellini (Bloodline), a atriz encabeça uma nova proposta promissora de misturar piadas com morte. Quem diria, não é mesmo? A estreia acontece na sexta-feira, 03 de maio.

Avatar

Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

No comments

Add yours