Stalker – 1×18 – The Woods

Stalker 1x18 - Beth Davis

Imagem: Arquivo Pessoal/Matheus Machado

 

Depois de um pouco mais de dois meses, Stalker está de volta com um episódio muito bom. The Woods não foi nada mais do que a continuação/desfecho do final de Fun and Games, onde tivemos um cliffhanger enorme. Mas graças a Deus tudo foi respondido e convenhamos que o plot teve um desfecho tão bom que devido as circunstâncias de renovação ou cancelamento a série poderia ter tido uma bela series finale com este episódio (caso seja cancelada).

The Woods começou onde terminou o episódio anterior, mostrando Beth dentro do porta-malas do carro junto ao corpo de Perry, e a equipe da TAU fazendo o possível para achar sua líder. Lógico que como o caso estava centrado no drama pessoal da Beth nós não tivemos as cenas tensas de perseguição, mas nós vimos também muito da loucura do Ray. O ator Eion Bailey merece um prêmio pelo personagem, a interpretação dele foi muito melhor do que, por exemplo, August, o Pinóquio de Once Upon a Time ou até mesmo vivendo David Kenyon em Band of Brothers.

Continua após a publicidade

Adiante no episódio, conseguimos ver que Ben não morreu, ou ainda não morreu, mas está muito fraco no hospital. Isso foi algo que me deixou meio em dúvida porque ele estava muito pálido. Então na minha humilde opinião o futuro do personagem ainda está em aberto na série. O motivo: lembram que na review anterior falei que segundo fontes o personagem iria morrer e já teriam escolhido o substituto? Pois então, ainda tenho dúvidas quanto à veracidade dessa informação, mas confesso que ele até que ficou legal nessa reta final.

Enfim, foi muito legal ver Jack e Janice nesse episódio. Porque foi visível o conflito que o Jack teve em obedecer X fazer o que era certo. A atitude que os dois tiveram não foi surpreendente, mas a forma com que isso foi alimentado durante o desfecho do plot foi muito legal. Destaque para o momento Nikita que Beth teve mais de uma vez dentro da cabana. Gente, ela deu um porrada no Ray só com os pés, e na boa, eu achei podre ele conseguir continuar acordado depois de levar a pancada na cabeça.

E a tal da Vicky Gregg foi o famoso não fede, não cheira no episódio, participou apenas do que realmente precisou participar. E posso dizer o mesmo do FBI, até tive esperança de que teria algum agente que participaria mais efetivamente junto com Jack e Janice, mas na verdade só fez volume nos coadjuvantes. Encaminhando-me para o final, o que dizer do fim do Ray? A morte dele foi triste, merecida, mas triste. Ele passou da loucura e da insanidade, sinceramente não tenho palavras para descrevê-lo, mas foi um baita final ele morrer queimado assim como fez com a família de Beth/Michelle. Foi um momento até de vingança, não da parte dela, mas do destino mesmo sabe.

Enfim, para terminar quero reforçar a ideia de que este poderia ter sido um final digno para Stalker. Mas só saberemos o destino da série na semana que vem,  tão temida primeira semana de maio que todos os anos chega repleta de cancelamentos e renovações.

Tags Stalker
Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours