Supergirl – 1×16 – Falling

Supergirl 1x16

Imagem: Hypable

Continua após as recomendações

 

A já renovada para a segunda temporada Supergirl mostra em Falling que todos temos um lado negro e isso necessariamente não precisa significar algo ruim.

Continua após a publicidade

O efeito da Kryptonita vermelha fez exatamente isso com Kara, a fez estourar, com uma grande escala de efeito sobre a heroína. Tudo que ela teve de pensamento ruim foi escalonado em sua mente, tomando uma proporção enorme.

Cat Grant fala muito bem da nossa heroína, acompanhado logicamente de nomeá-la como uma ameaça constante, o que fez Cat ficar com uma certa tristeza ao dizer isso.

A cena da sacada é uma recuperação disso, pois após acordar e ver tudo que fez, Kara acredita que sua relação com Cat tenha acabado ali, o que realmente não aconteceu.

As irmãs Danvers como sempre tomam a cena. E com isso está mais que na hora das duas deixarem um pouco as diferenças de lado e começarem a conversar. A cena em que James pede um tempo para Kara, logo quando ela resolve falar tudo que pensa, mostra que ela vai sim dizer e buscar revelar a verdade a ele em algum momento próximo.

O ápice do episódio sem dúvida foi o Hank revelando-se como J’onn J’onzz.

O que ficou confuso foi o motivo dele não contar sua história de vida para a Senadora. Claro que não precisava contar com todos os detalhes como contou para a Alex e a Kara, mas o suficiente para que não saísse como um vilão. Porém, uma promessa é que logo ele será visto como um mocinho, mesmo não tendo saído como tal deste episódio.

Melissa está demais no papel de Supergirl, e a cada episódio isso fica mais evidente, a série ainda precisa se desenvolver mais, principalmente nesta etapa que se encontra. É claro que nem todos os episódios serão excelentes, como o anterior, e não é que esse tenha sido ruim, longe disso. Porém, a temática semanal sem grandes desenvolvimentos continua sendo o ponto fraco da série.

Nenhum comentário

Adicione o seu

Tags Supergirl