Supermax – 1×07 – Episódio 07

Imagem: Banco de Séries

Imagem: Banco de Séries

 

Depois de duas semanas de bons episódios, chegamos no episódio 07 e assistimos uma sequência de vários nadas. Não sei vocês, mas achei a história arrastada, lenta, fiquei com sono e fico tentando entender porque eles optaram por uma narrativa tão devagar. Parece uma montanha russa. Em uma semana, tudo acontece, tudo rápido, várias histórias interessantes e que nos prendem. Na outra, plots chatos, uma demora infinita para chegarem aonde querem e nada que chame realmente a atenção dos telespectadores.

Nesta semana, vimos somente alguns pontos relevantes. Primeiro, o assassinato de Cecília. Talvez, até o momento, esta tenha sido a história mais cativante. Misturou tensão, drama, terror, vários elementos que fizeram com que a gente ficasse genuinamente curiosos para saber o que ia acontecer. O problema é que foi tão rápido que nem deu para aproveitar.

Continua após a publicidade

O episódio da semana passada foi bom graças à Cecília e o início deste foi bastante tenso e deu uma revirada no estômago. Achei pesadíssima a morte dela, mas gostei de todos eles participarem. Assassinos que matam unidos, permanecem unidos e isso deixou o clima ainda mais cheio de aflição. Só achei ridículo obrigarem o padre a participar. Está certo que ninguém ali é flor que se cheire, mas ele tem mais princípios do que qualquer um deles, então achei extremamente maldoso e desnecessário. Aliás, apenas um poderia ter matado Cecília e já estava de bom tamanho.

Eu fiquei pensando após assistir a este episódio e cheguei a conclusão de que acho que praticamente todos morrerão ali dentro, seja da forma que for. Isso não é um reality, aliás, já deixou de ser um reality há muito tempo. Se nem o staff da produção foi salvo, eles serão? Duvido muito! Forças sobrenaturais estão rondando os participantes e, até o momento, a gente não faz ideia do que pode estar acontecendo ali dentro. E isso é algo que me intriga, esse segredo envolvendo a prisão e o motivo disso tudo estar acontecendo. E talvez por isso eu me incomodo tanto com a lerdeza do desenvolvimento, porque quero saber o que vem pela frente.

Achei bem boring a expedição de Artur na sala da produção, apesar de ter sido bacana conhecer um pouco mais dos crimes dos participantes. Eu nunca gostei de Sabrina e agora gosto menos ainda. Síndrome de Estocolmo, miga? Melhore! Derrubar muro da cadeia para soltar sequestrador porque se apaixonou? Mulher de malandro mesmo. Nunca gostei, agora gosto menos ainda e não poderia me importar menos se ela morresse, apesar de achar que não vai acontecer.

Sergio continua sendo uma incógnita pra mim. Às vezes gosto, as vezes fico com o pé atrás, mas é bandido também e talvez por isso eu não consiga me apegar a nenhum personagem, porque não consigo gostar de pessoas mal caráter.

Pela primeira vez me interessei um pouco pelas visões do padre, porque me parecem ser um pouco premonitórias. Ele viu Cecília pegando fogo e este foi o fim dela em Supermax. A questão é que outros personagens também estavam na visão e fica o questionamento: será que outras mortes virão pela frente? Eu aposto que sim!

Para encerrar, Artur precisa tomar cuidado, porque agora ele tem informações privilegiadas e isso certamente gerará uma neurosa que ele, certamente, não vai conseguir lidar. Neste lugar quanto menos se sabe, menos risco se corre, é a minha opinião. O grande mistério do episódio ficou por conta da Bruna, que desapareceu após a aparição de um vulto e só Deus sabe aonde foi parar. Para ser honesta, não me preocupo com Bruna, ela sabe se virar, mas fiquei bastante curiosa para saber o que aconteceu. Isto fica para a semana que vem!

Pessoal, obrigada pela visita e nos vemos no próximo episódio. Até lá!

Tags Supermax
Avatar

1 comment

Add yours
  1. Avatar
    Maria do bairro 21 novembro, 2016 at 13:04 Responder

    O grande problema dessa série é o excesso de roteiristas! Dá pra notar que tem episódios bons e outros péssimos. E tudo isso é culpa dos vários roteiristas que se revezavam para escrever a série. Se fosse 1 ou 2 que escrevessem a série inteira o resultado final seria muito melhor.

Post a new comment