Supernatural – 10×08 – Hibbing 911

Hakuna Matata

Continua após as recomendações

Tentando novos caminhos após o fracasso de Bloodlines, Hibbing 911 surge para testar possíveis dinâmicas para um, possível, spin-off. Esta proposta começa interessante partindo de sua premissa, que usa de não só um rosto conhecido, como dois. Isso mostra que o pessoal lá na CW está aprendendo com seus erros.

Finalmente tivemos um episódio bom com nossa Xerife/Figura Materna favorita. Depois do fiasco da temporada passada, ver Mills em sua plena forma foi bem recompensante. Não a muito tempo, Supernatural tinha um bom elenco secundário, com Bobby, outros caçadores, demônios… Tentar recuperar isso, retomando e até criando histórias como esta, com certeza ajudará nos longos planejamentos que existem para a série.

Continua após a publicidade

E de todos os personagens que já passaram pela série, quem eu menos esperaria o retorno, seria Donna. Sua primeira aparição foi tão padrão, single-adventure, que me surpreendi quando vi seu rosto na recapitulação. Surpresa que se mostrou positiva com o decorrer do episódio. O dueto formado por ela e Mills reina soberano por toda a primeira metade do episódio. Toda parceria, maridos e filhas, investigações, me convenceram que ali existe um potencial. No entanto, por enquanto, só um potencial mesmo.

E olhem só! Já se foram três parágrafos sem eu mencionar que este episódio é um filler. Nada de continuidade em relação a Castiel e Crowley. Quando o episódio é bom, o tempo passa voando.

Mesmo com tudo isso acima, se este foi um episódio teste para um possível spin-off, muita coisa precisa ser trabalhada. Há no início deste, uma fala de Dean que exclui vampiros da lista de monstros, só para no final acabar sendo isso. Sem mais nenhuma explicação. Hibbing 911 se passa em uma cidade pequena, que não aparenta nenhum potencial para uma futura série de 23 episódios. Sioux Falls igualmente.

Fazendo uma “participação especial” neste 10×08, os Winchesters saem de foco e deixam outros tomarem os holofotes. Com dois irmãos protagonizando Supernatural, porque não um spin-off com duas mulheres que não ficam devendo em nada? Aguardemos o desenrolar dessa história.

PS: Quem já sabia a vilã da história era a moça pedindo dinheiro desde o início, toca aqui! o/

PS²: Episódio legal, mas sacanagem nos deixarem no branco depois da revelação do episódio anterior.

PS³: Xerife Mills de cabelo grande no flashback me levou de volta no tempo. Aquela Supernatural…

PS do PS: Regulem melhor a Donna e eu fecho com esta possível série! o/

– Hakuna Matata, ladie.

Donna, ao matar a vampira chefe

Nenhum comentário

Adicione o seu