Supernatural -12×12 – Stuck in the middle (with you)

Imagem: Youtube/Reprodução

Meu Deus do céu! O que foi este episódio de Supernatural? Sem dúvida alguma Stuck in the Middle (with you) está entre os 10 melhores da série desde o seu início, em 2005. Em uma clara conexão com o estilo Quentin Tarantino de contar estórias (trechos da trama mostrados de forma desconexa que, posteriormente, são amarrados e passam a fazer sentido; separação do episódio em capítulos; além daquele assobio característico de Kill Bill), Supernatural se superou!

Continua após a publicidade

Sam, Dean e Cas são convocados por Mary e seu amigo Wally, a participarem de uma caçada a um demônio. A empreitada termina em uma grande confusão em que Castiel é mortalmente ferido e Mary Winchester rouba algo de enorme valor da casa do tal demônio que, por sua vez, possui OLHOS AMARELOS!! Quase caí para trás quando vi a cor dos olhos dele! Tive um flashblack sensacional das primeiras temporadas de Supernatural!

Apesar de estarem meio desnorteados, todos conseguem fugir para um celeiro isolado, mas Castiel está prestes a dar seus últimos suspiros. Neste momento, Crowley aparece para, finalmente, começar a juntar os pedacinhos da trama que foram mostrados durante o episódio. Na verdade, eles não estavam caçando um demônio qualquer, mas um príncipe do inferno. Seu nome era Ramiel, cuja geração é igual a de Lilith e Azazel, aquele demônio que amaldiçoou Sam quando ainda era um bebê. Ou seja, Ramiel é duro de matar!

O demônio encontra o esconderijo dos nossos heróis e exige que devolvam aquilo que lhe foi roubado. Obviamente, ninguém sabe sobre o que ele está falando, exceto, Mary Winchester. Mesmo sob a ameaça de que todos, inclusive seu filhos e Castiel, sejam aniquilados por Ramiel, Mary não confessa que é a ladra! Apesar de tudo, Sam consegue matar o demônio do olho amarelo (olha a vingança, aí gente!) e Crowley salva Castiel da morte.

Ufa, acabou tudo bem, e já podemos ir para casa? Errado! Ao final do episódio descobrimos que Mary está trabalhando com os Homens das Letras Britânicos: foram eles que a enviaram nesta missão de matar Ramiel e roubar de sua casa o revólver Colt! Sim, galera, o Colt! A arma capaz de matar demônios e que bombou na segunda e terceira temporada! É muita emoção para um coração só! Mas não são somente os Homens das Letras Britânicos que estão atrás do Colt. Crowley também está na jogada. Isso porque ele tem Lúcifer como prisioneiro!

Stuck in the middle (with you) superou todas as minhas expectativas. Para os fãs nostálgicos, como eu, perceber o retorno das estórias envolvendo demônios do olho amarelo, do Colt e do ator Mark Pelegrino interpretando Lúcifer novamente, marca a volta de Supernatural aos seus tempos áureos. Apesar de a série estar na décima segunda temporada, ela prova que ainda tem muito a contar. Para mim, este episódio merece nota 10!

1 comment

Add yours
  1. Avatar
    Bruno D Rangel 7 março, 2017 at 15:43 Responder

    Eu simplesmente adorei esse episódio. Vi ele só agora, atrasado, mas me empolguei de uma forma que hoje mesmo vou ver os outros. Há tempos não ficava assim com Supernatural.
    Só não entendi por que Dean e Sam não levaram a sério a fala de Ramiel sobre o roubo e deixaram por isso mesmo. Não gostei da cronologia do episódio, foi diferente, baseado em How to Get Away With Murder, mas não consegui gostar.
    Também gostei muito de mostrarem como Crowley se tornou Rei do Inferno. E por fim, acho que Asmodeus e Dagon ainda aparecerão e estarão ligados a Kelly e seu filho.
    Estou ansioso pra ver o próximo episódio

Post a new comment