Supernatural: Os fatos que apenas os verdadeiros fãs vão saber

Supernatural fatos que apenas fãs verdadeiros sabem

Você é realmente fã da série Supernatural?

Supernatural esteve no ar por 15 temporadas e, depois de mais de 300 episódios, é difícil lembrar de alguns fatos ou detalhes da trajetória de Sam (Jared Padalecki) e Dean Winchester (Jensen Ackles). Mas eis que alguns fãs, aficionados, lembram de diversos momentos de toda a série. Incluindo do primeiro episódio.

Continua após as recomendações

Com isso, separamos alguns fatos que apenas os verdadeiros fãs de Supernatural lembram, ou sabem.

Mamãe, acabei de matar um fantasma

O irmão Winchester mais novo (que conhecíamos na época) cresceu com uma enxurrada de histórias sobre as circunstâncias misteriosas que cercaram a morte de sua mãe. Mas eram apenas isso para ele: histórias. Ele não tem a conexão emocional que Dean tinha com Mary. Logo, enquanto Dean tenta proteger seu irmão mais novo dos aspectos mais horríveis de crescer como os pequenos soldados caçadores de demônios de John Winchester, pelo menos Dean conseguiu aqueles quatro anos de normalidade doméstica – Sam não.

Continua após a publicidade

Como resultado, caçar monstros é pessoal para John e Dean: é uma vingança para a mulher que ambos amavam. Mas Sam, que nem consegue se lembrar dela, simplesmente deseja a vida normal que ela desejaria para ele. Quando os Winchesters confrontam a Mulher de Branco do episódio piloto, Sam pergunta: “Você acha que a mãe queria isso para nós?“. A pergunta, claro, é retórica, mas acabamos tendo uma resposta mais tarde na quarta temporada, quando Dean viaja no tempo de volta a 1973.

Mary diz a Dean com o coração partido: “Você sabe que a pior coisa que posso pensar – a pior coisa – é que meus filhos sejam criados como eu.” Mary Winchester tentou de tudo para evitar que seus filhos se tornassem caçadores, mas sua morte deixou as coisas descontroladas.

Imagem: Divulgação.

A misteriosa foto de Mary Winchester

No primeiro episódio, Sam comenta que ele nem se lembrava de como era Mary, se não fosse pelas fotos. E acontece que ele tem uma em exibição, com destaque, na mesa de canto em seu apartamento em Stanford. No entanto, a foto dela e de John não é qualquer foto: é a que estava em sua mesa de cabeceira na noite em que ela pegou fogo, junto com a casa deles.

Portanto, sabemos que fantasmas, demônios e um número incalculável de entidades sobrenaturais existem no cânone sobrenatural.

Mas, ainda assim, como exatamente aquela foto fez o seu caminho do quarto de Mary para o dormitório da faculdade de Sam? É difícil acreditar que a foto poderia ter sobrevivido ao incêndio que ceifou a vida de Mary naquela noite. E 1983 foi muito antes das fotos digitais se tornarem comuns, quanto mais os smartphones.

Alguns episódios depois, na primeira temporada, os novos proprietários de sua casa reconstruída dão a eles uma caixa de fotos do porão, então está bem claro que eles não hesitaram e tentaram salvar seus pertences. Ninguém estava carregando nada quando John se certificou de que os meninos saíssem de casa antes de tentar salvar Mary.

Photo of Mary Winchester

Imagem: Divulgação.

 

A explicação mais provável é que havia outra cópia dos negativos no carro. Além disso, as primeiras câmeras digitais existiam em 1983, embora não fossem comuns.

Sinos de casamento do inferno

Se Supernatural nos ensinou alguma coisa, é que imagens assustadoras geralmente são assombradas. Quando Mary vai cuidar do bebê Sammy, na noite em que ela morre, ela passa pela foto do casamento de um casal não identificado. Claro, a imagem é assustadora, sob a luz bruxuleante, que geralmente marca a presença de algo fantasmagórico (ou demoníaco). Ainda assim, ela não parece tão alterada quanto deveria. Dado o fato de que ela é uma ex-caçadora que fez um acordo demoníaco há uma década.

É provável que a foto de casamento em questão seja dos pais do casal. No entanto, a introdução da viagem no tempo na quarta temporada nos permite conhecer três dos quatro avós de Sam e Dean – e a foto não se parece em nada com nenhum deles. Certamente, também não se parece com John ou Mary. Então, quem exatamente está nesta foto na noite em que Azazel vem “visitar” a residência Winchester?

Na realidade, essa cena foi filmada muito antes dos fãs conhecerem Samuel e Deanna Campbell ou Henry Winchester. Então não é surpresa que uma foto do primeiro episódio seja aleatória. No entanto, a luz bruxuleante acima do retrato de família é uma das primeiras implicações sutis de que a família Winchester está amaldiçoada para sempre.

Queime, “baby”, queime

Vemos Jess apenas algumas vezes ao longo da série, mas é difícil não se apaixonar de cara pela namorada de Sam. Quando ela dá a Sam uma palestra estimulante sobre sua entrevista na faculdade de Direito, ele pergunta: “O que eu faria sem você?“. Sem ter qualquer ideia de seu destino iminente, ela brinca de volta, “Crash and burn“. Ela não tem ideia de como ela está certa.

O que de outra forma seria um momento fofo é manchado pelo prenúncio que a pequena troca proporciona para o (falta de) futuro de Jess. A cena também marca o momento em que o fandom descobriu que os escritores de Supernatural nunca deixariam os fãs felizes muito tempo. Então, quando Dean e Sam estão perseguindo os fantasmas de seu pai, Azazel coloca seu plano em ação, para garantir que Sam cumpra seu destino. E Jess paga o preço.

Supernatural fatos que apenas fãs verdadeiros sabem

Imagem: Divulgação.

Assim como Mary, Jess é arremessada para o teto e apunhalada no estômago. Sam, dessa forma, assiste outra mulher que ele ama queimar viva.

A “voz de Dean”

Assista a uma cena de Dean do primeiro episódio de Supernatural e compare-a com a 15ª temporada. Notou algo diferente? Jensen Ackles baixou progressivamente o tom de sua voz ao longo da série. Embora não seja algo que você perceba, a menos que volte e assista à primeira temporada depois de desfrutar de mais de uma dúzia de temporadas, a mudança é bastante perceptível.

No início, parece que Dean está progressivamente tentando ser como seu pai – especialmente após sua morte prematura. Mas depois que a série adiciona Castiel na quarta temporada, é quase como se Dean e Cas desenvolvessem uma competição para superar um ao outro.

Acontece que quando você interpreta um personagem por 15 anos, pode ser um pouco desafiador separar o personagem de você.

Ackles até disse à Us Weekly que sua esposa Danneel o questionou sobre isso algumas vezes. Ele revelou: “Às vezes eu digo algo em casa e digo na ‘voz de Dean’, como é conhecida na casa, e minha esposa fica tipo, ‘Pare de usar a voz de Dean’.” Só que, obviamente, a voz também é usada para momentos de descontração. Se é que me entende. Ackles completou: “Mas então [há] momentos em que ela fica tipo, ‘Talvez você pudesse usar a voz de Dean’.”

Imagem: Divulgação

Completando um círculo de sal

Na época em que o piloto foi ao ar, os fãs não tinham ideia de como as primeiras roupas, citações e saudações dos garotos seriam influentes no final da série.

Quando Dean morre no último episódio, Sam diz: “Não posso fazer isso sozinho.”. Dean argumenta: “Sim, você pode.“. Sam retorna, “Sim, bem, eu não quero.“.

Essa troca de lágrimas é uma inversão de papéis na conversa do piloto, na qual Dean tenta fazer Sam abandonar sua entrevista na faculdade de Direito para caçar. Dean até admite com suas últimas respirações que esperou do lado de fora da porta de Sam em Stanford por horas antes de ganhar coragem para entrar.

Imagem: Divulgação.

As referências do piloto não param por aí. Quando os irmãos finalmente se reencontram no céu, depois que Sam vive uma longa vida com uma cerca branca e um filho, os dois irmãos usam roupas extremamente semelhantes às que usam no piloto. Claro, essas roupas específicas se foram há muito tempo, mas a produção fez o que pôde para combinar com os conjuntos.

E, como se o fandom precisasse de mais reminiscências para chorar, as últimas palavras de Dean e Sam um para o outro também são as primeiras que dizem um ao outro no piloto. Sam diz, “Dean,” e Dean responde com, “Oi, Sammy.

Durante uma convenção virtual de fãs após o final, Jared Padalecki explicou que muitas dessas ligações do piloto foram ideias que ele apresentou aos escritores de Supernatural.

E então, você é um verdadeiro fã da série? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando as novidades do Mix de Séries.

Nenhum comentário

Adicione o seu