Teen Wolf – 6×05 – Radio Silence

Fonte: spoilersguide.com

O quinto episódio desta temporada marca o regresso de dois favoritos dos fãs: Stiles e Peter. Não só isso, este episódio ainda consegue ressuscitar a série do marasmo em que se encontrava e traz muito desenvolvimento da trama principal, incluindo um contato entre Stiles, Lydia e Scott e uma cena representativa da ligação sobrenatural entre Lydia e Stiles.

De começo bem lento, levou um tempo (cerca de dez minutos, 25% do episódio) para as coisas começarem a acontecer, mas assim que começaram não pararam mais. Devo ressaltar, primeiro, que a dinâmica entre Stiles e Peter foi muito divertida, especialmente por ambos os personagens serem bem sarcásticos.Outra coisa boa foi que, ainda que a relíquia de Stiles tenha sido introduzida episódio passado, ela já está em uso, sendo elemento essencial deste episódio.

Um ponto que merece ser falado em separado é a atenção que deram ao personagem de Peter, mesmo sendo o retorno (bem triunfal) de Stiles. O background do personagem foi explicado (a fuga de Eichen e subsequente captura por parte dos Cavaleiros Fantasmas) e pudemos ver que entre ele e a loba do deserto, Peter definitivamente é o bom pai de Malia, especialmente por ter atravessado a barreira (e posto a própria vida em risco no processo) para salvá-la. Talvez isso seja um sinal de redenção do nosso velho vilão vira-casaca (se o Theo vai se redimir, qualquer um pode, não é mesmo?).

Continua após a publicidade

Não obstante isso, o episódio levantou mais questões do que pôde responder. O que é Canaan? Onde os abduzidos estão? Por que a barreira mágica do lugar onde eles estão mata todos que tentam cruzá-la? Quem é a mãe de Stiles realmente? Tudo isso é jogado na cara do telespectador, mas a resposta fica para depois. E o problema é exatamente esse: a mania (que já está ficando chata) que Teen Wolf tem de jogar mistério por cima de mistério e deixar para ir resolvendo a conta-gotas. No começo da série, o método parecia orgânico e natural, mas agora parece ser muito mais uma forma de manter o espectador obrigado a assistir todos os episódios, ao invés de ser um instrumento para maximizar a diversão.

Pelo sim e pelo não, “Radio Silence” foi o melhor dos últimos três ou quatro episódios, só perdendo em qualidade para o retorno da série. A exploração de um outro cenário que não Beacon Hills e a velha turma do Scott com seus dilemas de sempre foi uma boa opção, e a inclusão de Peter foi uma opção melhor ainda, especialmente pelas possibilidades que se apresentam daqui para frente, o que pode incluir uma mudança de lado para Peter e uma família maior para Malia. “Radio Silence” pode ter levantado muitas dúvidas, mas definitivamente foi uma jornada extremamente divertida, especialmente depois que pegou o rumo, lá pelo décimo minuto.

Tags Teen Wolf
Avatar

Roger Olly

Virginiano com ascendente em gêmeos. Fã de The Magicians e Imposters. Faço reviews de New Girl, Teen Wolf e escrevo a coluna Spoiler Alert.

No comments

Add yours