The 100 – 3×16 – Perverse Instantiation: Part Two – [SEASON FINALE]

catsddddddddddddddddddddd
Imagem: CW/Divulgação

[spacer size = “20”]

Continua após publicidade

Eis que encerramos mais uma temporada de The 100.

Continua após a publicidade

Resgatando um pouco da linha de raciocínio exposta lá no texto do primeiro episódio do ano, não há como deixar de ressaltar o quanto a série cresceu e evoluiu. Com tramas mais complexas e mais bem amarradas, a nova temporada conseguiu dar continuidade à crescente do show, honrando as apostas ousadas por parte da equipe criativa e entregando aos fãs mais do que eles imaginaram que poderiam receber.

Continua após publicidade

O episódio final, continuação direta do anterior, manteve a tensão como fio condutor da história. As situações que envolveram as maiores e mais importantes escolhas continuaram nas mãos de Clarke, assim como aconteceu ao longo de toda a caminhada da série até aqui, mas nem por isso a inquietação e o sentimento de que as coisas poderiam dar MAIS errado deixaram de nos fazer companhia. O recurso da transfusão de sangue para que ela pudesse se conectar com a Chama foi de uma felicidade extrema. Poderia ter sido outro personagem, mas, sem ela na Cidade da Luz, dificilmente teríamos tido o retorno de Lexa. Grandiosa como sempre, a Heda foi de extrema importância para que o plano de chegar até a famigerada alavanca.

catsddddddddddddddddddddd.jpg2
Imagem: CW/Divulgação

Enquanto a loira lutava “do lado de lá” para poder dar fim ao controle de A.L.I.E. sobre os que haviam sido chipados, Bellamy, Octavia e os outros não tiveram descanso. O exército da A.I. se mostrou ainda mais rápido e resistente do que o de costume e por pouco não impediu que o #TeamArca vencesse a batalha no final do dia. Raven e Monty também contribuíram de dentro do Arkadia, abrindo a portinha mágica e conveniente para que Clarke concluísse a missão. Mas antes de puxar a alavanca, ela se viu entre A.L.I.E. e a consciência de Becca, onde pudemos compreender um pouco mais sobre o funcionamento da tecnologia que quase deu fim a vida na Terra. A1 foi programada para melhorar a vida no planeta e, para ela, os fins justificavam os meios, ou seja, da maneira como foi projetada, ela acreditava estar fazendo a coisa certa. Ainda no meio da conversa o plot para a próxima season nos foi apresentado: ao que tudo indica a terra ficará inabitável novamente, até mesmo para aqueles que vieram do espaço. Seria esse o fim para os sobreviventes? Teremos que esperar até 2017 para descobrir.

Continua após publicidade

Sem o controle de A.L.I.E., aqueles que a seguiram terão que lidar com tudo o que fizeram em nome da Cidade da Luz. A feição de Kane ao voltar do transe é o perfeito exemplo do quão difícil pode ser para os seguidores da A.I. conviver com as atrocidades que foram obrigados a fazer. Octavia não foi controlada por A.L.I.E., mas sim pelo desejo de vingança, e acabou dando fim à vida de Pike, que parecia estar seguindo um caminho rumo à redenção dos seus MUITOS pecados. Como ela e o resto do grupo irão processar tal acontecimento, é mais uma pergunta que ficará em aberto até o retorno da série.

Para os mais ansiosos, a CW já divulgou a sinopse oficial da 4ª temporada. Confira abaixo:

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

[spacer size = “20”]

“Durante três temporadas, os 100 têm lutado para sobreviver. Essa luta os separou, colocou uns contra os outros, e levou as vidas de seus amigos mais próximos. Na terceira temporada, os nossos heróis encontraram-se no epicentro de ambos: o mundo dos Grounders e a luta pela alma de Arkadia. Apesar de seus melhores esforços, toda a guerra parecia inevitável até que uma nova ameaça, ainda mais perigosa, que estava calmamente emergindo, explodiu à superfície: ALIE, a I.A. que destruiu o mundo, ofereceu alívio para a dor e vida eterna na “Cidade das Luzes”. Porém, com o crescimento de seus recrutas, rapidamente ficou claro que ela estava construindo um exército dedicado ao controle de toda vida senciente na Terra. Esta deixou de ser mais uma batalha entre facções em guerra e tornou-se uma luta pela própria humanidade. Agora, na sequência do épico episódio final da terceira temporada, uma verdade dura cairá sobre os ombros daqueles que permaneceram. O que se restou para lutar? Será que eles irão tranquilamente para a escuridão, ou eles vão encontrar esperança e fé uns nos outros, enquanto enfrentam seu capítulo mais obscuro até então?”.

[spacer size = “20”]

Muito obrigado a todos os que acompanharam as reviews semanalmente.

May we meet again!