The Big Bang Theory – 10×20 – The Recollection Dissipation

Imagem: Banco de Séries.

Continua após as recomendações

O episódio foi dividido em dois núcleos: Sheldon se dividindo para trabalhar em dois projetos ao mesmo tempo e Bernadette tentando lidar com a carreira e maternidade.

Continua após a publicidade

Que o Sheldon é genial e consegue resolver a maior parte dos problemas sozinho todo mundo sabe. Mas será que ele é capaz de trabalhar em dois projetos ao mesmo tempo? O episódio mostrou que não. Ele bem que tentou, mas todo esse trabalho excessivo foi prejudicial à sua saúde. E essa foi a parte mais divertida do episódio. Ninguém imaginava que uma dose de remédio de gripe seria capaz de criar um novo Sheldon, como se ele tivesse ingerido uma boa quantidade de bebida alcoólica. As cenas dele no bar renderam boas risadas. O que foi o Sheldon dançando e interagindo com todo mundo? Quem diria que ele faria uma série de amigos e seria o destaque da noite.

Mas, como nem tudo é perfeito, o personagem cometeu um erro que dificilmente cometeria sóbrio. Agora nos resta esperar se o vazamento de informações confidenciais sobre seu projeto com o governo vai ter consequências no futuro da série.

O núcleo envolvendo a Bernadette foi bem interessante. Essa questão envolvendo maternidade e carreira é bem recorrente atualmente e achei legal a forma como abordaram na série. Com o fim da licença chegando, era de se esperar que a personagem ficasse com medo de voltar a trabalhar enquanto Halley ainda é tão pequena. Bernadette tem uma carreira científica bem consolidada e dá pra entender que ela também não queira dar uma pausa ainda maior nessa parte de sua vida. Esse plot deve ser estendido para os próximos episódios.

Uma coisa que me chamou a atenção de uma forma bem positiva foi o apoio dado por Howard. O personagem se mostrou bastante compreensível com a situação da esposa e deixou claro que a apoia qualquer que seja sua decisão. Apesar de todas as infantilidades, o personagem consegue ter seus momentos de maturidade e companheirismo. Muito bem, Howard!

Observações:

  • Eu vivi para ver a Amy cantando Soft Kitty em várias línguas. Achei sensacional!
  • Howard, mais uma vez, demonstrando ser um fã do programa da Ellen DeGeneres.
  • Eu ri com o Howard mandando cartões para Bernadette todos anos para que ela não descobrisse que ele esqueceu de avisá-la sobre a morte de sua tia.

Abaixo a promo do próximo episódio da série. Continue acompanhando as reviews e notícias sobre a série aqui no Mix de Séries.

Avatar

Matheus Ronconi

Paulista, nerd, viciado em séries e fã do Rei Leão e do Homem-Aranha. No Mix escrevo sobre The Big Bang Theory e Star Trek: Discovery.

No comments

Add yours