The Blacklist – 5×04 – The Endling

Imagem: NBC/Divulgação

Uau!! Quanta coisa em um só episódio! Primeiramente, tivemos uma confirmação empírica que serve para aqueles que acreditam que no fundo ninguém muda mesmo, e que a pessoa somente esconde o que verdadeiramente é. Muita gente entende por outro lado, que é muito nobre quando um indivíduo que viveu a vida toda cometendo atos considerados ruins, resolve se transformar do dia para a noite num exemplar de bom comportamento. O mesmo se dá com um marido ou esposa que sempre traiu e diz que mudará completamente ao ser pego em flagrante delito. É válido acreditar ou acreditamos porque nos faz sentir melhor, ou ainda porque é conveniente acreditar?

Pois o marido ex-traidor de Elizabeth Keen e aparentemente convertido a bom e dedicado pai de família, não resistiu à oportunidade de lançar mão de medidas extremas para alcançar seus objetivos, traindo assim novamente a confiança de Liz. Que decepção recairá sobre nossa apaixonada agente quando esta descobrir (e irá) que seu marido lhe surrupiou suas credenciais sem pestanejar, com o propósito de descobrir o segredo da perseguida ossada. A coisa piora visto que agora a mesma fora roubada e o coitado do pressionado e ex contratado de Red, o Dr. Nik Korpal foi assassinado.

Continua após a publicidade

Outro ponto importantíssimo foi o dilema ético apresentado aos fãs, que puderam ver uma mulher desesperada, porém racional, capaz de tudo para salvar a vida de seu filho, mesmo que para isso seja necessário tirar a vida de muitas outras. Trata-se aqui de uma escolha, difícil escolha, mas também difícil de ser julgada.

Agora o que podemos dizer da atitude de Reddington que, seguindo seu muito particular senso de moral e uma lógica para lá de controversa, consegue achar uma saída macabra ao que parece não ter saída,  apresentando à mãe a opção de morrer para que sua prole sobreviva. O final desse caso, assim como o caso em si, foi como ele mesmo disse, inesperado.

Dramático e reflexivo desfecho. Um santo pode ser um pecador.

Mas a melhor parte do show é com ele mesmo nosso herói Red, que ao conhecer um aplicativo de aluguel de residencias temporárias, resolve particularizar a ideia e criar um negócio parecido, mas voltado a pessoas que precisam de mais do que simplesmente um lugar para suas férias. Parece genial! Para essa empreitada Raymond vai contar com aquele que parece ser mais um dos seus novos associados: Anthony, o carteiro. Além de ser engraçadíssimo, o ator Lenny Venito (kevin can wait) é dono de um carisma nato. Espero vê-lo com mais frequência.

Avatar

No comments

Add yours