The Boys: o final da 2ª temporada explicado e spoilers

The Boys 2 temporada final spoilers

O que aconteceu no final de temporada?

A 2ª temporada de ‘The Boys’ terminou com um episódio final empolgante, entregando alguns momentos esperados e amarrando algumas pontas soltas. Certamente, esta temporada aumentou as expectativas e provou ser ainda melhor, em comparação com a divertida e emocionante primeira temporada. O final dá encerramento para várias coisas, mas também nos deixou chocados com outra reviravolta. O que aconteceu no final? Confira abaixo, com spoilers.

Recapitulando o episódio 8

O episódio começa com os Boys se preparando para atirar nos Supes. Annie e Hughie ganham algum tempo para encontrar outra maneira de fazer Vought pagar por seus pecados. Eles tentam recrutar Maeve para a causa, mas falham. Surpreendentemente, a ajuda vem de Trem Bala, que descobre que suas chances de voltar para os Sete são nulas enquanto Tempesta estiver no comando. Com as informações por ele reveladas, os Boys elaboram seu próximo plano de ataque.

Trama final

O final trouxe muitos momentos surpreendentes – agradáveis ​​ou não – para a temporada e abre o caminho para o próximo ano com a promessa de um retorno ainda melhor. O confronto final entre os Boys e Tempesta vem com a chegada de Becca na porta de Billy. Para ajudá-la a trazer Ryan de volta, os Boys bolam um plano para atrair Capitão Pátria e Tempesta para longe dele, enquanto Becca pode levar seu filho a um lugar seguro. Para isso, eles divulgam as informações sobre as raízes nazistas de Tempesta, o que faz sua popularidade cair.

Enquanto ela vai embora para lidar com a situação, Capitão Pátria é distraído por um som agudo, cortesia de Frenchie. Com a partida de ambos, Butcher e Becca correm para pegar Ryan, que está feliz por se reunir com sua mãe. Ver mãe e filho juntos faz Butcher perceber que ele não pode honrar o acordo que fez com Edgar sobre entregar Ryan para ele. Ele faz Becca e Ryan saírem com Leitinho, que deve levá-los para Mallory, por segurança. Antes que eles possam fugir, Tempesta aparece e uma luta começa. Annie e Kimiko tentam derrubá-la, mas ela é forte demais para elas. Em um ponto, ela quebra o pescoço de Kimiko e parece que Annie vai morrer também. Mas então, a deusa ex machina chega.

Continua após a publicidade

Desde o início da série, se houve um Sup que nunca conseguimos odiar, foi a Rainha Maeve, especialmente depois que descobrimos que ela estava lutando contra as ameaças de Capitão Pátria todo esse tempo. Nesta temporada, ela encontra evidências contra ele para se salvar, mas não tem a chance de usá-las a partir do momento que Elena é afastada dela. Ela está cansada, mas não deve ser uma espreita quando coisas ruins acontecem à sua frente.

Reviravoltas

Quando Black Noir tenta matar Starlight, ela a salva. Quando ela descobre que Tempesta é um nazista, ela aparece para lutar contra ela e se torna um instrumento para fazer Tempesta implorar por sua vida. Embora isso não signifique que ela se tornou parte dos Boys, ou que ela estaria interessada em trabalhar com eles novamente, isso nos garante que ela estará lá para salvar o dia quando surgir a necessidade.

Enquanto os outros evitam Tempesta, temos Billy, Becca e Ryan fugindo. Mas, Tempesta os alcança e ela está pronta para matar Becca quando Ryan encontra sua raiva. Na primeira demonstração de seus poderes, descobrimos do que Ryan é realmente capaz. Ele queima a Tempesta aparentemente invencível, mas ele ainda não tem controle total sobre si mesmo. Por engano, ele machuca Becca, que morre depois de dizer a Billy para cuidar de seu filho. Apesar de suas últimas palavras, parece que Billy está pronto para mostrar sua ira a Ryan, que está chorando. Mas Capitão Pátria chega e pede a Ryan para ir embora com ele. O menino, entretanto, opta por ir com Billy, que já recobrou o juízo e está empenhado em cumprir a promessa feita à esposa.

Mas, claro, apesar de seu gosto pelo perigo e de sua audácia, Billy não é páreo para Capitão Pátria. Aqui, mais uma vez, Maeve vem ao resgate. Ela usa o clipe para chantagear o vilão não apenas para deixar Billy e Ryan irem, mas também para parar de perseguir Starlight e deixá-la sozinha com Elena. Seu amor pelas multidões que aplaudem seu nome faz o Supe desistir e ele se torna impotente para o que acontece a seguir.

O desfecho

Vought despeja tudo o que deu errado recentemente em Tempesta, enquanto Starlight volta para os Sete, bem como A-Train. Profundo encontra a decepção mais uma vez e acaba deixando a Igreja. Billy envia Ryan com Mallory, que o oferece para liderar uma equipe oficial para manter os Supes sob controle. Frenchie e Kimiko vão dançar, Leitinho se reúne com sua família e Hughie decide seguir seu próprio caminho.

Capitão Pátria tenta se convencer de que ainda está no controle e pode fazer o que quiser, e a temporada nos deixa com uma reviravolta final.

A verdadeira vilã

Com uma segunda temporada tão explosiva, “The Boys” manteve o público no limite com suas muitas reviravoltas. Uma das coisas mais intrigantes sobre esta temporada foi o misterioso vilão que exibe o poder de estourar a cabeça das pessoas à distância. Na primeira vez, aconteceu com Raynor quando Leitinho, Frenchie e Hughie a procuraram pedindo ajuda. Na próxima vez, vimos um outro Supe usando poderes semelhantes e indo para lugar nenhum.

O sétimo episódio terminou com um ataque chocante e sangrento durante a audição de Vought, e com a Supe do Sage Grove Center se tornando desonesta, esperávamos que ela fosse a única a fazer isso o tempo todo. Mas, como vimos na série, não é necessário que um certo poder seja exclusivo de um Supe. No final, temos a grande reviravolta da temporada, quando é revelado que esta Supe é Victoria Neuman.

Imagem: Divulgação.

Victoria foi apresentada a nós como uma congressista que está na cruzada para derrubar a Vought. Ela não tem medo de nenhum Supe, nem mesmo de Capitão Pátria, e se junta a Mallory e os Boys para fazer o que for preciso para impedir a Corporação. E isso nos convence de que ela é uma das pessoas boas. No entanto, esse nunca foi o caso. Após o ataque no dia da audiência, Capitão Pátria se pergunta quem pode estar por trás disso. Ele sabe que Tempesta não fez isso, e não há Super-vilões na América no momento.

Isso o deixa com apenas uma explicação possível de que Stan Edgar está envolvido nisso, e ele está certo. Stan colocou Victoria como uma espiã no campo do inimigo para ganhar vantagem sobre o que quer que o governo, Mallory ou os Boys possam estar planejando contra Vought. Com Victoria, ele não só tinha um espião, mas também um plano de contingência que ajudaria a manter todos, até os Sete, sob controle.

Então, quando ela descobre que Vogelbaum vai testemunhar contra Vought, ela o mata. Quando ela descobre que a Igreja tem evidências contra uma dúzia de Supes, ela mata sua cabeça e salva Vought de qualquer dano posterior. (Matéria via The CinemaHolic)

E então, o que você achou do desfecho da segunda temporada de The Boys? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando todas as novidades do mundo das séries aqui no Mix de Séries.

  • Além disso, siga nossas Redes Sociais (InstagramTwitter, Facebook).
  • Baixe também nosso App Mix de Séries para Android no Google Play (Download aqui) e fique por dentro de todas as matérias do nosso site.
Anderson Narciso

Anderson Narciso

Criador, editor e redator do site Mix de Séries, é apaixonado por séries desde sempre. Fã incondicional de One Tree Hill, ER, Friends, e não perde um episódio da Franquia Chicago.

2 comments

Add yours

Post a new comment