The Exorcist – 1×09 – Chapter Nine: 162

Imagem: Banco de Séries.

Imagem: Banco de Séries

Continua após as recomendações

 

Primeiramente, gostaria de deixar meu descontentamento com esse hiatus faltando dois episódios para acabar a temporada. Fox, por que fez isso com a gente? Foi muita agonia esperar todo esse tempo. Enfim, vamos ao episódio.

Continua após a publicidade

Começando falando de Angela/Regan. Tivemos mais uma bela atuação de Geena Davis. Que atriz! Não imaginava que sua “volta” seria tão sanguinária quanto foi. Pobre Madre Bernadette, que morte horrível. Uma coisa me preocupa nisso tudo. Como a própria Angela/Regan/Pazuzu disse, dessa vez não se trata de uma possessão e, sim, de uma integração. Será que vai ser realmente permanente? Se sim, não vejo outra saída senão a morte da personagem. Espero que padre Thomas consiga reverter isso.

A cena da Angela chegando na reunião onde estavam a senhora Walters e os outros mostrou o quão poderoso Pazuzu é, colocando quase todos aos seus pés. Por falar na senhora Walters, se ela tinha alguma esperança de ser escolhida, essa esperança foi exterminada nesse episódio. Mas acho que ela deve tentar alguma coisa no episódio final para ganhar destaque. Será que ela vai tentar matar o Papa? Pode ser. E o papa, hein? Finalmente vai chegar em Chicago. Desde o começo da série, esse é um dos momentos mais aguardados. Estou curioso para saber qual o verdadeiro papel dele. Morte, possessão, salvação. São várias as possibilidades.

Imagem: Banco de Séries.

Imagem: Banco de Séries

Em relação ao resto dos Rance, queria destacar a melhora, ainda que devagar, do Henry. Finalmente o personagem foi útil. Desde o passado, eu me perguntava como o padre Thomas descobriria sobre a nova possessão de Angela. Achei uma saída interessante da série dar essa “função” ao marido dela. Katherine, por sua vez, continua tendo pouco destaque, mas o pouco que aparece me agrada. A personagem não é apenas uma figura decorativa na série. Com Angela possuída, acredito que ela é a mais forte da família e pode ajudar bastante no processo de restruturação dos Rance.

Por fim, Casey. A personagem ainda está se recuperando de tudo que passou nessa temporada. Achava que ela ia demorar mais para sentir a presença de Pazuzu em sua mãe. Ainda bem que não demorou. Mas não sei se a personagem vai sobreviver ao final da temporada. Continuo tendo a impressão que, assim como o padre Marcus, ela já completou sua missão.

O padre Marcus tem sido meu personagem preferido nessa temporada. É um personagem muito complexo e cheio de mistérios envolvendo seu passado que o tornam muito intrigante. Desde o começo, sempre imaginei que ele seria um dos que seriam mortos até o fim da temporada. Acredito que seu destino esteja muito próximo disso. Não vejo muita saída para ele. Como escrevi em reviews passadas, o seu trabalho era preparar Thomas afim de torná-lo um grande exorcista. Esse episódio mostrou que o trabalho está feito. Thomas parece, finalmente, ter tomado sua decisão sobre seu futuro. Ele está mais determinado do que nunca em se tornar um grande representante da igreja e recuperar o tempo perdido enquanto tinha dúvidas sobre sua fé e sobre seus sentimentos em relação à Jessica. A cena final do episódio mostrou que ele não está mais para brincadeira. Pazuzu que se cuide.

Com a incerteza sobre sua renovação (a série marcou sua pior audiência), acredito que o final da temporada deve encerrar todos os núcleos afim de não deixar pontas soltas, caso a série seja cancelada. O episódio 10 promete ser o melhor até agora. Assista a promo do episódio no vídeo abaixo:

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=2rpsjTg47o0[/youtube]

 

Continue acompanhando as reviews da série aqui no Mix de Séries.

Avatar

Matheus Ronconi

Paulista, nerd, viciado em séries e fã do Rei Leão e do Homem-Aranha. No Mix escrevo sobre The Big Bang Theory e Star Trek: Discovery.

No comments

Add yours