The Last Ship – 2×08 – Safe Zone

Fonte: Banco de Séries

Fonte: Banco de Séries
Fonte: Banco de Séries

 

Continua após publicidade

A probabilidade de ser taxado de louco é grande, para não dizer enorme, mas The Last Ship finalmente voltou aos trilhos! Não estou dizendo que a série apresentou fugas narrativas, episódios chatos e plots totalmente desnecessários, porque tudo isso vem sendo encaixado pouco a pouco. O “de volta aos trilhos”, em poucas palavras, é o retorno daquilo que a série sabe apresentar como ninguém: o apelo emocional.

Continua após a publicidade

É complicado explicar isso, principalmente por ser algo pessoal, algo que dá gosto de ver. É óbvio que ação, adrenalina e tensão são maravilhosos, e me deixa totalmente apreensivo. Mas sabe quando é necessário algo mais leve, porém intenso? Pois bem, assim foi Safe Zone. Muitos, para não dizer grande parte, podem dizer que o episódio foi ruim, e entendo perfeitamente a opinião de vocês. Mas contra argumento com: depois de tanta reviravolta, teria como apresentar algo diferente do apresentado? NÃO!

Continua após publicidade

Gente, Chandler e companhia se infiltrou no QG do inimigo, lutou bravamente e sequestrou um personagem importante para ambas as “facções”. E sendo o Sr. Presidente integrante da seita, o capitão do Nathan James tem um único objetivo: trazê-lo para o seu lado, conquistar o seu apoio e sua confiança. Trabalho árduo, delicado e demorado e realizado com sucesso!

Mas afirmo: a relação de Chandler e Jeff poderia ter alguma emoção. É paradoxo, eu sei disso, mas pra ter uma pegada emocional não precisa da ausência da emoção. Gente, estamos falando de Chandler e sabemos como ele é explosivo. Putz, tudo foi bom, mas poderia ser ótimo! O que peço é: tá tudo caminhando bem, então vamos apresentar um nono episódio  com apelo emocional e ação, POR FAVOR!!

Continua após publicidade