The Originals – 2×15 – They All Asked for You

Foto: Banco de Séries

Foto: Banco de Séries

 

Esse episódio conseguiu manter a boa qualidade da série, depois de um breve hiatus de duas semanas, conseguimos acompanhar o desenvolvimento de alguns plots muito importantes para a concretização da segunda temporada de The Originals.

O episódio serviu para mostrar as reais intenções de Klaus com os seus novos amigos lobisomens. De caçador à caça, toda ajuda é bem-vinda. A storyline do Klaus é bem interessante, pois ele tem o dom de manipular os outros personagens e isso fica evidente no dialogo dele com Aiden, o qual ele afirmou que consegue transforma-lo no líder da matilha. Em outra conversa com Hayley, o hibrido pede ajuda dos lobos para proteger a filha, mas na verdade ele busca sua própria segurança, alias, a permanência dos lobos na casa dele, é por esse motivo.

Continua após a publicidade

A personagem em destaque é a ex-morta e atual bruxa-girlpower, Freya, ela traz o papai Mikaelson à vida e eles tem um momento muito bonito e fraternal em um abraço intenso de saudades. Então, em dado momento importante do episódio, ela aparece para conversar com Elijah e Klaus, nessa conversa, a bruxinha demonstra que pode estar do lado dos irmãos “rebeldes”. E a pergunta fica no ar, ela está do lado de quem? Ainda torço para que ela faça parte da panelinha formada por Elijah, Rebekah, Klaus e o atual-morto Kol.

Foto: Banco de Séries

Foto: Banco de Séries

Agora a piazada pira, porque o plot da Rebekah em outro corpo pode estar prestes à acabar. O atual corpo de Rebekah pertencia à uma bruxa, que por sinal foi muito ruim a ponto de alguns bruxos da região à quererem vingança. Numa dessas, um bruxo lança um feitiço e  traz as memórias de Eva Sinclair – a dona do corpo – para Rebekah. O momento de perseguição serviu para que ela pudesse reatar o laço com o seu peguete, Marcel. Eu  estou gostando dessa nova Rebekah, ela equilibra bem com o nível de atuação da Claire, ela poderia continuar na série depois desse plot, um ponto que incomoda ainda é o “amor” entre Rebekah e Marcel.

Outro momento importante do episodio foi o novo interesse romântico de Elijah, a vampira Gia. Ela foi transformada pelo Marcel e os roteiristas não sabiam o que fazer direito com ela, então juntaram ela ao irmão nobre. Sinceramente? Gostei disso, ele precisa mesmo de outra mulher para tirar tanto o foco da Hayley. E por falar na lobinha, ela e Jackson conseguiram fazer a noite do acasalamento, o que dizer sobre isso? Bem… Nada, mas ainda duvido das boas intenções do macho alfa.

Sobre o episódio como um todo, é um capitulo que agrada muito, por vários motivos, e o principal deles é a relação de Elijah, Freya e Klaus, que começa a se sustentar. De um a dez eu diria que esse episodio foi 9,5, pois realmente me agradou, toda a dinâmica da série está sendo bem desenvolvida e podem ter certeza que ela será renovada. Muito bom esse episódio né piazada que assiste The Originals.

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours