The Voice Brasil – 6×13 – Semifinal

Imagem: Isabella Pinheiro/Gshow/Divulgação

Continua após as recomendações

Depois de uma semifinal cheia de tombos como foi do The Voice US no começo da semana, agora é a vez da versão brasileira chegar em seus momentos decisivos. Os dois candidatos remanescentes de cada time se apresentaram, e depois se duelaram, fazendo com que cada técnico tivesse um fator decisivo junto ao público, na escolha dos finalistas.

 

Continua após a publicidade

TIME BROWN

 

Gab Ferreira – “Por Causa de Você Menina”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: Gab como sempre transmitindo uma energia tão boa, suas apresentações têm sempre uma vitalidade única. Entretanto, agora tem D’Black no seu caminho, que é outro candidato poderoso. Vamos aguardar.

Let: É tão lindo ver essa menina cantar. Ela é tão plena, tão maravilhosa. Foi uma apresentação incrível, poderosa e na medida certa. Medo dessa batalha com outro poderoso.

Luke F.: Gab tem toda a sensualidade e musicalidade por si, mas compete com D’Black, que costuma surpreender muito. Competência para uma final a garota tem e mostrou isso aqui, vamos ver como o povo brasileiro vai reagir a esse desafio.

Luke S.: Gente, não canso de dizer o quanto assistir a Gab cantando é delicioso. Todo esse carisma e alegria que ela passa nunca dá pra se cansar de ver. Novamente, pra mim, ela fez um ótimo trabalho e manteve o ótimo nível de qualidade de toda a temporada.

 

Vinícius D’Black – “24K Magic”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: Para os padrões do D’Black achei tudo fraco demais, esperava algo mais destruidor para uma semifinal. O candidato já pisou no palco como finalista, mas depois dessa apresentação talvez a disputa com Gab pela vaga seja mais acirrada que nunca.

Let: Ele poderia ter escolhido outra música do Bruno, tipo, QUALQUER OUTRA. Pegou uma divertida que não destaca tanto a voz, mesmo que ele não precise disso, mas né, poderia ser bem melhor.

Luke F.: D’Black é um artista completo, mas em termo de musicalidade achei que deixou a desejar no início. A iluminação, a coreografia, os movimentos em palco… tudo muito bem pensado e executado. A voz ficou no Just ok para mim, contudo, gostaria de vê-lo na final.

Luke S.: Ah gente, eu não consegui gostar da apresentação. D’Black tem muito talento, mas não achei que essa música conseguiu mostrar o seu melhor. Concordo com a Let sobre ele poder escolher tantas outras músicas do Bruno, definitivamente faria algo melhor.

 

Gab Ferreira & Vinícius D’Black – “Meia Lua Inteira”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: Que dueto incrível! Os dois se destacaram a temporada inteira, e juntos formaram o match perfeito, pena que um deles sairá.

Let: Nossa, como os dois são equilibrados, né?! Se completam, são incríveis. Não queria ver essa batalha, sinceramente, não quero nenhum dos dois saindo. Esse musicão do Brown (que é dono de vários musicões) que tá arrasando na reprise de Tieta, é realmente a melhor escolha para esses dois poderosos.

Luke F.: Uma música que não poderia traduzir ainda mais o que é o team Brown. Achei que ficou bem equilibrado, e eles conseguiram mostrar o talento com cordialidade e parceria. Minha torcida vai a D’Black, pois acredito que ele tenha mais potencial sendo um campeão e seguindo a carreira com os benefícios da vitória.

Luke S.: Dueto delicioso de assistir. Estava meio na dúvida, sem saber mesmo o que esperar dos dois cantando juntos, mas o resultado foi muito bom.

 

TIME TELÓ

 

Alysson & Adysson – “Se Deus me Ouvisse”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: Sempre me emociono ouvindo essa música, que é tão intensa, só de escrever meus olhos já estão lacrimejando de novo. Pra mim, essa foi uma das melhores apresentações da dupla na disputa. Eu fiquei completamente arrepiado aqui, e foi inevitável o choro também.

Let: Nossa, não tava esperando algo tão profundo. Eu esperava eles com um grande clássico caipira, e eles chegam com essa música pesadíssima e fortíssima. Foram ótimos! Concordo com o Luke e até comentei isso semana passada, essa é a minha dupla favorita de toda a história do The Voice Brasil. Que passem, sou mais eles!

Luke F.: Essa música tem uma letra e melodia tão bela, que chega a doer o coração. A dupla vem apresentando grandes evoluções desde suas audições e merece estar na final, a menos que Samantha arrebente em sua apresentação!!!

Luke S.: E essa música, gente? Que coisa mais linda e que apresentação boa! Na semana anterior eu até reclamei de ter me decepcionado um pouco com a dupla, mas dessa vez eles voltaram a me ganhar completamente.

 

Samantha Ayara – “I’ll Never Love This Way Again”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: Samantha começou a apresentação de forma morna, e então já dava como certa a vitória da dupla. Porém a morena foi evoluindo de uma forma tão única, que do nada ela estava dominando todo o palco com sua atitude e voz potente. Não foi sua melhor performance, mas pra mim foi uma das. Assim como o time Brown, o de Teló também só sobrou a nata da nata, e vai ser difícil de ver qualquer um deles saindo.

Let: Eu sei que Samantha é linda, dona de um vozeirão e toda rock melódico, mas tô pegando ranço das apresentações dela. Ela sempre apela para a gritaria, sempre, semana passada foi a única vez que ela se conteve um pouco (e fez sua melhor apresentação). Cansei, sabe! Se ela passar no lugar da dupla, Teló está alucicrazy!

Luke F.: Quando a garota começou a apresentar, tive a certeza de que a dupla levaria a melhor. Com o tempo, eu fui me impressionando e fiquei realmente na dúvida, pois a garota conseguiu trazer uma emoção incrível com a apresentação… a decisão de Teló não será fácil!!!

Luke S.: No comecinho da apresentação eu achei que não iria rolar, mas Samantha cresceu demais ao longo da música e ficou difícil não se impressionar com a potência da voz dela.

 

Alysson & Adysson e Samantha Ayara – “É Preciso Saber Viver”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: Essa é uma das minhas músicas favoritas da vida, e achei o dueto bem balanceado. Tinham horas que os rapazes se sobressaiam, e outras Samantha. Foi tudo na medida certa, mas não se comparou ao que vimos no time de Antonio Carlos, aka Brown.

Let: Escolha nada a ver essa, pra que essa música? Sinceramente, ninguém foi bem. A dupla foi bem mais ou menos, e Samantha tava com uma vozinha Anitta demais, aff!

Luke F: Na hora da batalha as minhas dúvidas permaneceram, pois a garota teve momentos incríveis e a dupla conseguiu trazer uma harmonia boa. Se fosse Teló, não saberia ao certo o que fazer, mas meu coração iria com a dupla por toda a evolução deles na competição, contudo a permanência de Samantha é uma arma poderosa para a final.

Luke S: Outra música muito bem escolhida, porque vamos combinar que “É Preciso Saber Viver” faz qualquer pessoa viajar junto, né? Sobre o dueto eu gostei, não vou dizer que sai impressionado como no anterior, mas achei que os três conseguiram fazer um bom trabalho.

 

TIME LULU

 

Day – “Céu Azul”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: Depois da burrice de ter mandado Alinne pra casa, Lulu está com o time mais fraco da temporada. Day fez uma performance just ok, mas que logo menos esquecerei que existiu.

Let: Não perdoo Day aí, sendo que era para Alinne estar, mas ok! Aquela que eu não torci MESMO fez até uma boa apresentação, mas só boa, nada demais.

Luke F.: Fez uma boa releitura à canção original com sua identidade. Não vou dizer que foi uma das minhas leituras favoritas em competições, mas não ficou ruim. A voz de Day é boa, mas a disputa com Mariana não vai ser fácil!!!

Luke S.: Eu achei a performance dela deliciosa de assistir. Estava meio que com o pé atrás em relação a essa apresentação, mas Day conseguiu fazer um bom trabalho e mesmo não tendo sido sua melhor na competição, me ganhou com aquela voz.

 

Mariana Coelho – “Garota de Ipanema”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: O que aconteceu com Mariana? Gente, foi tudo horrível, não entendi a rouquidão forçada para esse clássico da MPB. Tchau, querida!

Let: Nosinhora que foi isso, fia? Olha, cala a boca, apenasmente! Forçadíssima com essa rouquidão – e ela age como se a voz fosse assim mesmo – ah amiga, nascemos ontem? Eu ri e fiquei com raiva a apresentação inteira. Tchau!

Luke F.: Juro que às vezes me apaixono, e às vezes me sinto desconfiado se essa voz rouca é natural ou forçada. Enfim, não gostei tanto assim também, ficou no Just ok na minha opinião.

Luke S.: Oi? Não reconheci a Mariana nessa apresentação. Começando com a escolha da música, podem me julgar, mas pra mim ela deveria ter escolhido outra coisa. Depois, porque a voz dela estava um tanto estranha e particularmente estava super ansioso pela apresentação, então vale dizer que fiquei um pouco decepcionado.

 

Day e Mariana Coelho – “Tempos Modernos”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: Amo essa música do Lulu, pra mim é uma das melhores do cantor. Sobre o dueto, foi bem café com leite, mas dessa vez pelo menos Day se sobressaiu bem mais do que em sua performance solo.

Let: Pois é, que louco, também prefiro Day! Música boa, mas não a melhor para a voz, mas as meninas souberam se virar. Ainda assim, o ranço com Mariana e a rouquidão que “ela não consegue evitar” já encheram. Tchau!

Luke F.: Nada melhor para analisar do que utilizar uma de suas canções, não é mesmo senhor Lulu?? O segundo round das garotas me fez perceber que realmente meu coração está com Day. Mariana tem uma voz incrível e sua rouquidão emociona, mas Day pode ter uma incrível desenvoltura para a final, e meu coração vai com a garota!!!

Luke S.: Outra música maravilhosa que acabou resultando num dueto bom sim. Pra mim, novamente a Day acabou saindo na frente, mas a Mariana, mesmo não tendo feito seu melhor na apresentação solo, segue mexendo comigo.

 

TIME IVETE

 

Carol Biazin – “Dream On”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: Essa é uma das músicas mais difíceis de se cantar, e Carol não se intimidou nenhum pouco com isso. Ela botou banca, incorporou uma atitude imensurável, foi lá e destruiu, simples assim. Pra mim, essa foi uma das melhores performances da noite. Juliano vai ter que vir com algo destruidor para ultrapassar a moça na final.

Let: Cantar essa música e querer/conseguir não destruir nos agudos, mostra que não precisava ter escolhido esse clássico então, né? Por que não escolheu outra música da banda? Fiquei bem decepcionada com Carol.   

Luke F.: Olha que fazer uma apresentação de Aerosmith não é uma coisa fácil, mas Carol mandou muuuito bem. Ela trouxe uma leitura grave à canção e ficou muito bom. A voz grave e poderosa domina o palco, e sua apresentação foi completa, com movimento e iluminação. Minha torcida está com ela até o final… #teamCarol.

Luke S.: Caramba gente, que performance maravilhosa de assistir! Quando vi que ela iria cantar essa música fiquei totalmente com o pé atrás, mas olha que a Carol realmente me impressionou. Quando começou eu seguia com uma certa dúvida quanto a isso, mas ela realmente conseguiu dominar a apresentação e me ganhou demais.

 

Juliano Barreto – “Mind Trick”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: Cadê o Juliano que fez um trabalho impecável até então? Ele está no churrasco esquecido, junto com as filhas da Bombom? Achei tudo meio robotizado, faltou ousadia, sair do casulo, se arriscar. Amigo, me ajuda para ser ajudado.

Let: Amo essa música, mas tô meio cansada do meu gauchinho sempre cantar um pop dançante. Muda um pouco,  explora outras coisas. Estranho não torcer pelo conterrâneo, mas fazer o que, né?

Luke F.: Vou ser sincero que não senti a musicalidade com a letra no início, mas o garoto fez um trabalho envolvente. A canção traz esse movimento, uma onda do jazz contemporâneo que incentiva a dança. A voz não fica pra trás, apesar destes pequenos detalhes que me incomodaram no início… agora vamos ao dueto!!!

Luke S.: Adoro o Juliano com essa voz e carisma que, assim como a Gab, me contagia toda vez que sobe naquele palco. Pra mim a apresentação foi boa, mas pra ser sincero não achei que seguiu o mesmo patamar das outras que ele fez ao longo da temporada.

 

Carol Biazin e Juliano Barreto – “Beauty and The Beast”

Clique aqui para ver a performance.

Edu: O QUE FOI ISSO? Essa foi não só a melhor apresentação da noite, como de toda a temporada, e uma das melhores performances de toda a franquia The Voice que já assisti até hoje. Estou completamente arrepiado, foi simplesmente magnífico, e estou sem palavras até agora. Foi extremamente emocionante, as vozes estavam perfeitamente alinhadas, ficou tudo simplesmente perfeito. Difícil não ter se emocionado com esse número fascinante.

Let: EITAAAAAAA!!! Reclamei dos dois nos solos, mas agora quem está on the floor sou eu com essa apresentação monstra. Uma das melhores e mais inesquecíveis batalhas do The Voice Brasil – quiçá do mundo, que eu já vi. Uau! Ainda assim, minha torcida é do Ju!  

Luke F.: PO#*@!! Cantar Disney nessa altura é pedir pra emocionar, né? Cresci vendo grandes clássicos, como Bela e a Fera, e um suor caiu dos meus olhos. Realmente foi um dueto incrível, que valorizou grandemente ambas as partes. Foi inocente e belo, algo simples que trouxe a emoção para todos que estavam presentes. Olha que já vi muitas apresentações, e essa acaba de entrar pro meu top 5 de competições musicais. Ivete está com a decisão mais difícil da noite e eu realmente nem sei mais o que tecnicamente achar… mas meu coração ainda é de Carol!!

Luke S.: Santa Maria da Serra, o que foi esse dueto, gente? Sério, que coisa mais linda de assistir! De longe a melhor apresentação de toda a temporada, com os dois fazendo um trabalho impecável e me fazendo implorar aqui pra que ambos seguissem pra final.

 

RESULTADO

Edu: Dá vontade né The Voice US? Depois do tombo que levei essa semana, com Red embuste indo a final, ao invés de Noah na versão americana, já estava esperando outra decepção por aqui também. Tirando as duas do time Lulu, que muito poderiam serem eliminadas, foram escolhas coerentes sim. Doeu ver Gab, Juliano e Alysson & Adysson saindo da disputa, entretanto Carol, Samantha e D’Black fizeram por onde. Podem falar o que quiser, mas eu amei a formação dos finalistas. Não será surpresa alguma se rolar o tri ao Teló, ou então dar Veveta com Carol vencendo a temporada. Eu só trocaria Day por Alysson & Adysson, mas como aqui ainda utiliza o método um finalista de cada técnico, pelo menos dessa vez ela foi a que se sobressaiu um pouco mais no time mais fraco atualmente.

Let: Só curti mesmo da escolha do Brown, mas porque ali mereciam. Teló fez uma escolha péssima, assim como Ivete, um com Samantha e outra com Carol. Lulu só por Deus, mas isso já tinha começado na semana passada. Que pena!

Luke F.: Começamos com Brown em uma escolha justa, apesar dos pesares. D’Black é um artista nato e merece uma segunda chance na música, pois tem um grande potencial!! No team Teló as coisas não foram tão fáceis e nos despedimos de uma dupla sertaneja incrível, provavelmente a que eu mais me identifiquei dentro dessa competição em seis anos. A permanência de Samantha traz um poder vocal gigantesco ao time, e é um ponto positivo ao trabalho de Teló. Lulu fez uma escolha que me surpreendeu bastante, pois acreditei veementemente que ele escolheria Mariana. Contudo, acredito que Day traz melhor o que é o trabalho dentro da competição. Ela tem sua vertente e a segue até o fim… Ivete traduziu tudo nesta noite, suas risadas, piadas e principalmente seu choro. Não foi fácil a decisão, mas acredito que foi sábia e incrível a decisão por Carol, pois ela tem grandes chances de garantir essa final para a cantora.

Luke S.: Olha, não vou falar que amei os finalistas, porque sigo um tanto decepcionado com algumas eliminações. Sei que D’Black tem talento e conseguiu muitos fãs ao longo do caminho, mas meu amor por Gab é maior e por isso ainda estou chateado com sua eliminação. Samantha na final foi merecido sim, pois a jovem realmente cantou muito, mas gente, difícil não sentir também pela eliminação da dupla, ainda mais depois de uma performance que mexeu tanto comigo. A eliminação da Mariana pra mim foi dolorida, mas parando pra analisar o desempenho nesse episódio, não consigo achar injusta. Agora o Juliano saindo, poxa, bateu até uma dor no peito aqui, pois como disse no comentário do dueto dele com a Carol, pra mim os dois deveriam ter seguido direto pra final, só que como não faço as regras ele acabou indo embora, mas torço pra conseguiu seu lugarzinho ao sol. Quanto a Carol, estou aqui apostando minhas moedas que ela vai levar tranquilamente a temporada, hein?!

 

http://poll.fm/5w5up-pt-br

O que acharam dessa semifinal? Venham comentar conosco!

Eduardo Nogueira

Eduardo Nogueira

Administrador apaixonado por séries e música, sou fã assumido de Friends, e tenho guilty pleasure pelas séries da CW. No Mix sou editor de reality show, cobrindo atrações do gênero como as franquias The X Factor , The Voice, American Idol, entre outros. Faço também reviews das séries Mom, Supergirl, The Good Place, Scream, Fuller House e da brazuca A Garota da Moto. Além disso, deixo vocês sempre atualizados com as nossas Bolhas de Cancelamento, e também escrevo as colunas de Elenco e Teu Passado Te Condena. No tempo que me sobra faço um café para as visitas, rs. Ufa!

No comments

Add yours