The Voice US – 10×17/18 – Top 12

the-voice-10x1718

Continua após publicidade

Agora sim os live shows começaram oficialmente em The Voice, onde é o público que define a partir desse momento o futuro dos sobreviventes. A competição continua cada vez mais acirrada e, como sempre, adoramos ver isso.

Continua após a publicidade

Vem com a gente!

Continua após publicidade

PERFORMANCES

 

Continua após publicidade

Mary Sarah – “So Small”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=uDzzhPuDu6Q[/youtube]

Bernardo: Sério mesmo? Chamam isso aqui de uma apresentação? Eu estava com preguiça, ela também e tivemos aquele resultado extremamente tedioso.

Edu: A impressão transmitida era que eu estava vendo uma planta preguiçosa se apresentando. Mary mal se esforçou direito, ficou muito abaixo do tom. Detestável!

Lucas: Gosto muito da voz dela, realmente lembra a Carrie Underwood, mas o que não gostei é que a guria não se deu o trabalho de fazer nada de original. Sei lá, pra mim pareceu que quis apenas copiar a Carrie.

 

Laith Al-Saadi – “Born Under A Bad Sign”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=ET0ydjEUA9E[/youtube]

Bernardo: Se você, leitor, ler minhas observações sobre as apresentações do Laith até aqui, vai perceber que sou um grande fã da sua voz e também da maneira que ele trabalha. Mas aqui, infelizmente, foi uma escolha errada de música e manchou um tantinho a trajetória de um dos melhores participantes desta décima temporada.

Edu: Não foi a melhor performance de Laith, infelizmente. A song choice foi errada, a ponto de não valorizar a potência de sua voz, que sabemos a incrível qualidade que possui. Uma pena!

Lucas: Particularmente não achei que foi tão boa quanto a performance da semana anterior, mas Laith tem uma baita voz, isso não tem como negar.

 

Daniel Passino – “Human Nature”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=NRjSkP92CXg[/youtube]

Bernardo: Não foi aquele estouro que eu espero de apresentações nessa etapa do jogo, mas foi divertido. Daniel nos trouxe uma performance interessante e gostosa de se assistir.

Edu: E não é que o Ken trevoso surpreendeu? Ele soube utilizar da mesma suavidade da versão original, evoluindo assim como. No momento final Daniel simplesmente destruiu, e me arrepiei todo. Pensando bem, pode ter sido uma boa em trazê-lo de volta. Vamos ver no decorrer da competição.

Lucas: Gente, eu curti pra caramba! Achei deliciosa essa versão que o Daniel fez. Estou gostando demais de ver essa evolução do rapaz, ele tem uma ótima voz e acho que ainda pode surpreender bastante.

 

Emily Keener – “Lilac Wine”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=tm0_MkUWR7Y[/youtube]

Bernardo: Confesso que colocarei essa apresentação na minha seleção de músicas para dormir mais facilmente, mas Emily escolheu uma oportunidade perfeita para mostrar toda a qualidade da sua voz, além de reafirmar que consegue ser excelente sem a ajuda das interferências técnicas do programa.

Edu: E se eu disser que dei altas pescadas?

Lucas: Mas olha só produção! Emily nunca foi minha favorita e de certa forma me deixou revoltado por ter sido escolhida pelo Pharrell na semana passada, e Moushumi acabar eliminada, mas enfim, preciso dizer que essa foi a MELHOR performance dela na competição! Nunca tinha ouvido a música na minha vida, mas achei que ela fez um ótimo trabalho se entregando daquela forma, e trazendo uma performance bastante profunda.

 

Nick Hagelin – “Mine Would Be You”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=FP_FrLnWv5I[/youtube]

Bernardo: Jesus! Outra performance para a minha seleção de “músicas para dormir mais facilmente”.

Edu: Ruim não foi, mas pecou na song choice.

Lucas: A única coisa que essa performance me fez sentir foi sono. Desculpa Nick, mas dessa vez não rolou.

 

Adam Wakefield – “Soulshine”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=_jj27iPDk38[/youtube]

Bernardo: Que coisa maravilhosa de se ver, de se ouvir. Adam sendo espetacular, como sempre foi. Espero, sinceramente, que o público americano me dê o privilégio de continuar vendo esse moço se apresentando.

Edu: Acho que essa foi a primeira vez que realmente me surpreendi de forma totalmente positiva em relação a Adam. O cara veio com uma música certeira, presença de palco única, e soube apreciar de uma apresentação totalmente sem exageros.

Lucas: Adam e essa voz incrível! Chega arrepiar aqui gente. Concordo absurdamente com os comentários do Blake, também acho que ele vai construir uma bela carreira fora do programa, pois realmente tem um talento enorme.

 

Bryan Bautista – “Kiss From A Rose”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=kXsRSmV6ElI[/youtube]

Bernardo: Eu gosto bastante do Bryan. Entretanto, é bastante fácil de identificar que ele é um dos candidatos mais irregulares até então. Ora traz uma performance sensacional, ora algo mediano e até mesmo uma apresentação ruim. Aqui, infelizmente, tenho que dizer que ele poderia ser sido um pouquinho melhor.

Edu: Essa é uma música extremamente poderosa, onde achava que seria algo destruidor ou uma verdadeira porcaria. Só que me enganei bonito, pois não foi um e nem outro. A performance em si foi muito boa, a redenção daquela porcaria vista nos playoffs, mesmo não sendo sua melhor apresentação. Pelo menos eu tenho certeza que vai lhe garantir mais uma semana na competição tranquilamente.

Lucas: Particularmente achei que essa foi a performance mais fraca do Bryan até aqui. A música é ótima, todo mundo conhece, mas não achei que combinou com a voz e estilo dele. Não consegui gostar.

 

Owen Danoff – “7 Years”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=K1IpWtEHT9U[/youtube]

Bernardo: Desde o começo sempre falei que Owen Danoff era o meu candidato, e quem eu torcia para chegar até o final. Aqui, entretanto, ele traz uma apresentação que eu não gosto muito, visto que possui vários altos e baixos. Não vai me espantar nenhum pouco que ele seja um dos menos votados da semana.

Edu: Essa música é bem 8/80, pois sofre de uma inconstância sem fim. Isso foi algo que prejudicou e muito Owen durante sua performance, a ponto dele desafinar e não alcançar algumas notas diversas vezes. Xi…

Lucas: Tenho um problema sério com essa música, mas nem foi por esse motivo que, pra mim, a performance foi apenas ‘ok’. Achei sim que Owen se entregou mais que nas outras vezes, mas ainda senti falta de um algo a mais. Adoro a voz do cara, acho que ele tem tudo pra conquistar cada vez mais o público, mas tem que tomar cuidado com as song choices.

 

Alisan Porter – “Stone Cold”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=2SseHyCa4WI[/youtube]

Bernardo: Juro para você que levantei aqui para aplaudir essa apresentação. Sensacional! Poderiam colocar Alisan para cantar a cada dez minutos.

Edu: Alisan é a versão feminina de Jordan. Assim como o vencedor da temporada passada, ela não decepciona uma vez sequer. Ela veio com uma das músicas mais poderosas e intensas de Demi Lovato, que amo por demais. Foi muito emocionante, e muito lembrou a apresentação original da artista semanas atrás no American Idol. Lindo, arrepiante, estou jogado aqui no chão, e assisti umas três ou quatro vezes. Como sempre digo, AJOELHEM-SE À RAINHA!

Lucas: Santo Deus! Que voz é essa mulher? Mais uma vez Alisan fazendo valer a pena. Estava achando quase todas performances muito sono, aí vem ela e pronto, mais um tiro na minha cara. Maravilhosa!

 

Paxton Ingram – “Hands To Myself”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=qkSII6YLbtU[/youtube]

Bernardo: Tentei bastante, me esforcei, mas não consegui entender muito bem o porquê. Paxton tem talento, isso é inegável, mas infelizmente não rolou.

Edu: Paxton nem tinha que ter passado das blinds. Se eu fosse Selena Gomez abriria um processo contra ele.

Lucas: Não foi toda ruim, mas também não foi lá grande coisa. Juro que tento gostar dele e até achei que foi uma boa escolha de música, mas sei lá, não rolou.

 

Hannah Huston – “Something’s Got A Hold On Me”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Td1n9G2YxXk[/youtube]

Bernardo:  Quando soube que Something’s Got A Hold On Me” seria apresentada por alguém nessa semana, pensei – “Isso aqui vai ter que ser espetacular”. E não é que ela conseguiu entregar isso tudo que estava esperando? É claro que não conseguiu ser melhor que a Christina, mas mostra uma evolução muito interessante de se ver da Hannah.

Edu: Hannah só evoluindo, né? A candidata mostrou que realmente mereceu ter chegado até o Top 12, e que não pode sair tão cedo da competição. Claro que não chegou perto àquele tiro da saudosa Kimberly na season 8, mas foi espetacular a seu modo.

Lucas: Hannah estava muito gata e novamente entregou uma performance super potente. Ela tem uma baita voz, e deu até vontade sair dançando junto aqui.

 

Shalyah Fearing – “Up To The Mountain”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=zyYcCa1m2LU[/youtube]

Bernardo: Foi bom, foi correto e suficiente para qualificar Shalyah para a próxima etapa. Esperava mais, confesso, mas nada que não possa ser corrigido no resto da temporada.

Edu: Depois daquela chacina da semana passada, pois tiro foi pouco, era de se esperar que Shalyah viesse com algo mais “leve”. “Up The Mountain” é uma canção poderosa, mas comparado ao que ela nos mostrou recentemente, ficou um pouco a desejar. Nada que lhe prejudique a passar para o Top 11.

Lucas: Pra fechar a noite com chave de ouro. Claro que não chegou aos pés daquele estouro que foi a performance da semana passada né, mesmo assim, Shaylah novamente colocou o vozeirão pra jogo e cantou muito!

 

BOTTOM

 

Owen Danoff – “Lego House”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=gvxq5v2gN-Q[/youtube]

Bernardo: Depois de uma apresentação bem ruim, como eu e meus colegas comentamos anteriormente, Owen conseguiu aqui se redimir, mostrar que continua sendo um dos principais concorrentes dessa temporada. Lego House” não foi a melhor escolha, se você me perguntar sinceramente, mas tenho certeza que ele vai melhorar e nos surpreender daqui para frente.

Edu: Realmente Owen não se saiu bem essa semana, mas por mim Paxton merecia estar em seu lugar, sem sombra de dúvidas. Sobre a sua performance para garantir o instant save, o rapaz deixou muito a desejar.

Lucas: Essas músicas do Ed por mais que sejam ótimas, precisam ficar um pouco longe dessas competições, porque pra mim já deu tudo que tinha que dar. Quanto a Owen, achei que o cara estava se borrando todo durante a performance, o resultado não ficou bom e só fiquei torcendo porque gosto bastante da voz dele. Mas se fosse julgar só pela apresentação, ele estava fora.

 

Emily Keener – “Blue Eyes Crying In The Rain”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=nlHD_ZD9iP0[/youtube]

Bernardo: Que pena e que coisa triste de se assistir.

Edu: Emily simplesmente enterrou sua jornada na competição, faltando apenas um Padre subir ao palco para lhe fazer a última reza.

Lucas: Ah gente, que coisa mais horrorosa. Eu que elogiei pra caramba a performance dela na segunda, porque realmente gostei, mas essa aí não rolou. Concordo com o Bernardo, foi bem triste de assistir.

 

ELIMINAÇÃO

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=adY1nWVMHRg[/youtube]

Bernardo: Embora saiba que pessoas piores, leia-se Paxton, ainda estejam na competição, os dois menos votados nesta semana aparecem ali com bastante coerência e justificativa. Analisando puramente pelas performances que Emily e Owen fizeram, não tenho dúvidas que a eliminação aqui foi correta e inquestionável. Esperemos agora na semana que vem, que cá entre nós, desejo que o nível consiga subir e os concorrentes amadurecerem, porque aqui, estão deixando muito a desejar.

Edu: Nenhum dos dois mereciam o instant save, após tais performances, mas convenhamos que a eliminação de Emily foi mais do que justa. Ela simplesmente implorou pra sair, com uma apresentação sofrida, entediante e fraca. É uma pena vê-la partindo, pois eu gostava bastante dela. Enquanto isso Paxton está lá se achando deslumbrante, assassinando músicas alheias. Assim fica difícil de defender o público americano, francamente. Agora se Owen não obter progressos na semana que vem, sem dúvida ele será o próximo a rodar.

Lucas: Particularmente não achei que o bottom foi justo. Tudo bem que nenhum dos dois foram bem a ponto de merecer o instant save, mas julgando as performances de segunda, pra mim quem deveria ter ficado entre os menos votados era Paxton, Nick ou Mary, então achei um pouco injusto. Emily teve uma ótima performance na segunda, aliás, foi a melhor dela na competição, mas entre ela e Owen eu estava na torcida para que o guri fosse salvo. Agora vou ficar na torcida pra que ele traga algo de diferente no próximo live, até porque por mais que tenha uma voz bacana, o problema é justamente o fato de não se arriscar e entregar sempre a mesma coisa.

 

O que acharam das performances dessa semana? A eliminação de Emily Keener foi justa? Venha comentar conosco!