The Voice US – 10×23/24 – Top 9

the-voice-10x2324

Continua após publicidade

Olá amigos, como estão? O The Voice dessa semana veio com novas performances, e a última eliminação de apenas um candidato na competição. Além disso, o programa contou com apresentações musicais essa semana, sendo uma delas do rei supremo da atração, o vencedor da temporada passada Jordan Smith, Adam Levine, e a outra de um do casal mais belo e improvável do showbizz: os coaches Blake Shelton e Gwen Stefani.

Continua após a publicidade

 

Continua após publicidade

PERFORMANCES

 

Continua após publicidade

Paxton Ingram – “I Wanna Dance with Somebody”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=ad11QxpUh3U[/youtube]

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

Bernardo: Nem Whitney Houston e até mesmo o The Voice, mereciam uma apresentação como essa em suas respectivas histórias. Tomara que ele não passe desta semana.

Edu: E Whitney Houston se revirou toda dentro do caixão, coitada.

Let: Eu fiquei tão distraída durante a apresentação, que li uma matéria inteira em um portal de notícias. Que pena, Paxton, tu estavas indo tão bem…

Lucas: Gente, quando vi que Paxton tinha cantado essa música já fiquei meio que com o pé atrás, mas no final das contas acabei gostando da performance. Ele está se esforçando, e novamente conseguiu fazer um bom trabalho. Soube tirar proveito dessa obra prima da rainha Whitney.

 

Mary Sarah – “My Church”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=GeL_55wx6eM[/youtube]

Bernardo:  Foi quase perfeito. Fiquei irritado porque faltou o quase para eu não dizer desde já que foi a melhor apresentação, mesmo estando apenas no segundo nome. Entretanto, Mary é simplesmente surpreendente desde quando entrou nessa competição.

Edu: É incrível como me impressiono a cada semana com Mary Sarah, por conta de sua incrível evolução. A candidata só vem melhorando, e hoje posso dizer que não será surpresa alguma caso ela vá para a final.

Let: É do country, mas eu amo Mary Sarah, ela é maravilhosa. Quero muito ver essa linda cantar algo diferente, de outro gênero. Sobre essa música, existe cota de apresentação dela nos realities musicais americanos? Porque é impressionante como ela toca em TODAS as temporadas de todos os programas musicais. Tá quase ganhando de “Creep”.

Lucas: Gostei muito da song choice, e dessa vez Mary conseguiu fazer algo um pouco diferente. Engraçado como ela literalmente conseguiu ganhar a plateia né? Pra mim foi legal, mas nada muito além disso.

 

Nick Hagelin – “Hold On We’re Going Home”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=OVpTu5Risuo[/youtube]

Bernardo: Outra apresentação desnecessária. Uma grande lástima ver um candidato tão cheio de potencial, escorregar diversas vezes como fez aqui. Que horror!

Edu: Quase morri aqui, e não via a hora dessa tortura chinesa acabar.

Let: Não sei o que Nick ainda faz aqui.

Lucas: Nick conseguindo me fazer esquecer da bizarrice que foi a performance da semana passada. Achei que dessa vez funcionou demais, ele soube muito bem escolher a música e fazer algo bem bacana. Só quero ver se vai conseguir escapar do bottom nessa semana.

 

Hannah Houston – “Say You Love Me”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Jc2P0I7QgRQ[/youtube]

Bernardo: Apesar de ter me lembrado muito uma daquelas apresentações super produzidas das Igrejas norte americanas, que o Brasil felizmente ainda não chegou nesse início, Hannah conseguiu usar e abusar desses recursos para fazer mais uma performance memorável pelo The Voice. Parabéns não só a ela, como também para o pessoal da equipe técnica.

Edu: Vou ser bem sincero que, a princípio, não gostei nenhum pouco dessa performance. Quando me dei conta, ali estava aquela Hannah que tanto amo, dominando o palco, linda como sempre, com aquela voz que me derrete todo. Sem palavras, pra variar.

Let: Hannah é maravilhosa e de longe uma das minhas preferidas, mas eu não gostei muito da apresentação. Amo a música e a voz de Hannah, mas a mistura ficou mimizenta demais até para mim. De qualquer forma, ela cantou lindamente!

Lucas: Hannah me ganhou de vez! Gente, nas duas últimas semanas ela já tinha me impressionado com as performances, mas dessa vez foi linda demais. Essa música é maravilhosa, e Hannah cantou lindamente! Pra mim, ela é uma das que mais tem evoluído ao longo da temporada, e as performances têm crescido cada vez mais.

 

Shalyah Fearing – “A Change is Gonna Come”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=VTpy_KpFPGU[/youtube]

Bernardo: Shalyah não é a melhor cantora que essa competição possui, isso é fato. Entretanto, ela tem uma melhora bastante expressiva aqui, em relação àquilo que fez na semana anterior com uma performance boa, mas nada que me fizesse ficar abalado ou sem ar. Amanhã já terei esquecido.

Edu: FINALMENTE! Depois de decepcionar nas últimas semanas, Shalyah voltou a me impressionar mega positivamente. Rolou alguns exageros, mas perto do que ela vinha mostrando ultimamente foi maravilhoso, isso sim.

Let: Também andava bem decepcionada com Shalyah, mas dessa vez ela me deixou no chão. COMO A VOZ DELA ESTAVA INCRÍVEL, PODEROSA, DESTRUIDORA! Todos os melismas que ela fez foram maravilhosos, e estou pra dizer que gostei mais dessa performance que de “Listen”, me julguem!

Lucas: Gostei bastante da performance. Acho que Shalyah conseguiu entregar uma performance poderosa, embora em alguns momentos ainda achei que exagerou nos “gritos”. Pelo jeito, outra ao nível de “Listen” não vai rolar né?

 

Laith Al-Saadi – “We’ve Got Tonight”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=NrU-z1rDXqI[/youtube]

Bernardo: É o cantor mais forte que o Adam possui no time, isso é inegável. Laith apostou nessa semana em algo mais íntimo para ele, e também para o telespectador. Não precisou de muitos artifícios técnicos, apenas ele e sua incrível capacidade de conduzir um piano. Incrível!

Duh: Depois de Alisan na semana passada, agora foi a vez de Laith apostar numa performance mais introspectiva. Foi simplesmente incrível a forma como ele se entregou, abriu seu coração, e esqueceu por um momento que havia centenas de pessoas naquele palco assistindo-o. Deu para ver que o rapaz mentalizou única e exclusivamente nele e em seu piano.

Let: Eu estou flutuando após essa performance, foi linda demais. Laith é a minha voz masculina preferida, isso já deixei bem claro ao elogiá-lo todas as semanas. Mas essa apresentação tocou lá no fundo, porque é uma das minhas músicas preferidas da vida. Foi lindo, único, introspectivo sim, mas o vozeirão continuou marcando presença. Amei!

Lucas: Estou apostando firme que Laith vai estar na final viu?! O cara nunca erra gente, toda semana uma performance poderosa, e dessa vez ainda teve a namorada toda emocionada na plateia, que me deixou meio mole aqui.

 

Adam Wakefield – “Love Has No Pride”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=FgmX7H54BFE[/youtube]

Bernardo: Vocês sabem que sou um grande fã de todo o trabalho feito pelo Adam desde o começo dessa temporada. Ele acerta mais uma vez aqui, ao trazer uma música que o telespectador precisa conhecer, e uma apresentação certeira, correta, bem estruturada e que me fará assistir novamente em outra oportunidade.

Edu: Vou admitir que deixei de lado por um momento minha birra com Adam, e que gostei por demais da performance dele. Estava tudo equilibrado, a song choice foi certeira. Enfim, tudo funcionou dentro dos conformes.

Let: Amei essa apresentação de Adam, voz e song choice perfeitas, no ponto, tudo combinou super bem. Adorei as extensões e a ousadia em escolher uma música que não tem muito a ver com o seu estilo, mas que valoriza sua voz de um jeito único.

Lucas: Pra mim foi uma das melhores performances da noite tranquilamente! Adam surpreendeu mais uma vez, fazendo uma performance linda. Nunca tinha ouvido a música gente, e já estou procurando aqui. A maneira que ele se entregou foi maravilhosa!

 

Alisan Porter – “Cryin’”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Nb2XjS_YxfI[/youtube]

Bernardo: Alisan é sensacional? Sim. É uma das favoritas para vencer essa temporada? Com toda a certeza. Entretanto, acredito que seu problema aqui foi ser muito pretensiosa. Em diversos momentos tentou ser maior do que a própria música e daquele palco gigantesco que tinha a sua frente. Confundiu, principalmente no final da canção, gritos com falsetes.

Edu: Eis que minha participante predileta da temporada pega uma das minhas músicas favoritas da segunda maior banda que gosto nessa vida, como lidar? Vi muitos comentários na internet de gente falando mal, que foi a pior performance dela na competição, flop e tudo mais. Olha, eu discordo e totalmente com isso. Alisan saiu da sua zona de conforto, em que a maioria das vezes canta músicas de tiazona. Ela veio com um clássico do rock, se entregou da sua maneira, assim como na vez da espetacular “Cry Baby”. Eu amei, mesmo não sendo sua melhor performance até aqui.

Let: Foi uma boa apresentação, mas Alisan realmente foi exagerada, principalmente quando chegava ao refrão. Ela foi tão alto que achei que sua voz não aguentaria, sério.

Lucas: Gente, eu terminei de ver a performance e fui tomar uma água pra recuperar o fôlego. Aí lá no twitter li alguns comentários contrários, dizendo que foi um tanto quanto exagerada. Pra mim foi maravilhosa! Fiquei de cara com Alisan mais uma vez, porque ela deu o melhor ali no palco e cantou de uma jeito que olha, não é pra qualquer pessoa. Na semana anterior, pela primeira vez ela entregou algo mais suave e tranquilo, que por sinal também foi maravilhoso, mas dessa vez Alisan voltou ao seu estilo “Rainha destruidora” e foi literalmente um tiro.

 

Bryan Bautista – “1 + 1”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=pLvC5vDL2gU[/youtube]

Bernardo: Assisti duas vezes essa apresentação do Bryan, para poder ter uma opinião melhor formada acerca do que vi. Pois bem, acredito que assim como o começo foi uma das coisas mais sofridas que eu tive o desprazer de assistir. Entretanto, assim que a música começou a aproximar-se da metade e do final mudou completamente de figura, e Bryan trouxe uma das melhores apresentações da sua jornada no The Voice.

Edu: Estou arrepiado aqui. Eu simplesmente amo essa música da Beyoncé, e Bryan veio com uma versão incrível, melancólica e densa, assim como a original. Fiquei absolutamente boquiaberto aqui.

Let: Bryan está cada vez me ganhando mais, fiquei hipnotizada pela voz dele, que foi apenas incrível. E olha que não é qualquer homem que canta Beyoncé, aliás, não é qualquer um que pega uma música dessa deusa e imprime a sua personalidade. E o jeito que ele finalizou? Nossa, estou arrepiada até agora com todas aquelas variações na voz. Ficou lindo demais!

Lucas: Bryan acertando pela segunda semana consecutiva. Mais uma vez me impressionou com a maneira que pegou essa música super conhecida e deixou do seu jeito.

 

 

BOTTOM

 

Paxton Ingram – “How I Will Know”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=6CY2OJWA50c[/youtube]

Bernardo: Paxton deveria ter entregado um resultado assim, desde o primeiro momento que pisou naquele palco. Infelizmente acredito ser um pouquinho tarde, mas se ele acabar sendo eliminado, pelo menos poderá dizer a si mesmo que saiu com dignidade.

Edu: Foi melhor que sua performance da noite anterior, mas não aguento mais esse ser na competição!

Let: Que apresentação linda! Se Paxton tivesse cantado desse jeito antes não estaria no bottom. Foi uma apresentação intimista, a qual valorizou o que mais interessa, sua voz, que aliás, estava perfeita. Estou besta até agora com tudo isso, foi incrível!

Lucas: Gente, na minha humilde opinião, essa foi a melhor performance dele na competição. Gostei muito de “Break Every Chain”, mas pra mim essa foi linda demais! Como o próprio Blake disse, ele definitivamente deveria ter cantado essa música no live, acredito que não teria ficado no bottom.

 

Nick Hagelin – “Change The World”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=M596gswiHk0[/youtube]

Bernardo: Outra escorregada desnecessária. Nick conseguiu dar uma maquiagem melhor para sua apresentação, com a ajuda dos backing vocals, mas mesmo assim, o resultado foi bastante questionável.

Edu: Dormi bonito, oh!

Let: Ele desafinou já no início, e depois foi pura sofrência. O refrão só ficou melhor porque os backing vocals estavam acompanhando. Já sinto pena de Nick, ele é tão péssimo…

Lucas: Era de esperar que ele fosse parar no bottom né? Até teve uma performance bacana na segunda, mas não tinha como ser diferente. Aí pra piorar ele vai e entrega mais uma performance sofrida. Aí fica difícil defender.

 

ELIMINAÇÃO

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=E6ayvtlTExc[/youtube]

Bernardo: Confesso que fiquei bastante surpreso com o resultado que vi. Estava esperando que Paxton iria para casa nesta oportunidade, mas o público americano resolveu dar-lhe uma nova chance que eu sinceramente espero, que ele use sabiamente.

Edu: Por mim os dois vazavam, porém por mais que eu odeio admitir isso, Paxton foi melhor e assim merecendo o Instant Save. Nick não quis ousar, acho que até ele já percebeu que estava fazendo hora extra na competição, e assim proporcionou algo bem nas coxas.

Let: Que bom que a justiça prevaleceu, e Paxton venceu essa batalha de candidatos de níveis completamente diferentes. Enquanto Paxton evolui e não tem medo de arriscar (mesmo que não dê certo), Nick ficou na sua zona de conforto o tempo todo, nos enganando com uma promessa de potencial que nunca existiu. Ele começou bem a temporada, e depois foi caindo de um jeito terrível, já estava impossível defender o moço. Tchau, Nick!

Lucas: Bateu até um medo quando vi que a votação estava empatada. Precisa nem discutir né gente, a eliminação do Nick precisava acontecer e foi completamente justa. O cara teve seus dois ou três momentos que valeram a pena, mas como Let disse, não se deu o trabalho de sair da zona de conforto.

 

O que acharam das performances? Na próxima semana acontece a semifinal, onde dos oito sobreviventes, quatro voltarão para casa. Com tais eliminações na terça-feira, descobriremos então quem serão os finalistas da temporada.

Quais são suas apostas? Venha comentar conosco.