The Walking Dead – 8×02 – The Damned

Imagem: Divulgação/AMC

Que episódio, meus caros! Que episódio! Para compensar toda a carga dramática da temporada anterior, The Walking Dead resolveu nos presentear com uma trama completamente focada na ação! Até porque não aguentávamos mais esperar essa guerra, isso é um fato.

Feito isso, já percebemos que a história seguiu imediatamente após a destruição da entrada do Santuário. Os grupos foram divididos e um novo objetivo foi traçado: Destruir os postos avançados. Temos Ezekiel (Khary Payton) e Carol (Melissa McBride) liderando os soldados do reino até encontrarem um dos salvadores fugitivos e, entre diálogos fortes do rei, terminam sua missão com sucesso, decididos a não recuar desta vez.

Continua após a publicidade

Jesus (Tom Payne), Tara (Alanna Masterson) e Morgan (Lennie James) acabam por voltar à estação de satélite (o primeiro posto avançado que invadiram na sexta temporada, lembram?). Porém, um ponto muito interessante a ser abordado justamente nessa etapa da série são os ideais de cada um. Tara está decidida a matar todo e qualquer salvador que ali surgir, enquanto Jesus parece ter absorvido o mantra antigo de Morgan e bate de frente com a Alexandrina para não tirar a vida de seus inimigos, apenas prendê-los. Já Morgan aniquila alguns por conta própria e, ao final, acaba cedendo à ideia do braço direito de Maggie (Lauren Cohan).

Sim, o episódio trabalhou QUATRO núcleos ao mesmo tempo! Eles parecem finalmente terem dado ouvidos às críticas dos fãs! Outro grupo liderado por Aaron (Ross Marquand) passa o tempo todo em linha de fogo. Alguns Alexandrinos como Francine – que embora fosse apenas uma personagem não desenvolvida, eu tinha um carinho por ela – perderam a vida em batalha. Provavelmente a maior perda ali será o namorado de Aaron, Eric (‎Jordan Woods-Robinson) que sai de cena baleado.

Imagem: Divulgação/AMC

Já Rick (Andrew Lincoln) e Daryl (Norman Reedus) seguem atrás do arsenal do posto avançado em que se encontram. O líder de Alexandria entra numa briga corpo-a-corpo com um Salvador e consegue matá-lo, sem saber que na verdade ele protegia uma bebezinha. O remorso bateu nele e em todos nós. Contudo, a maior surpresa sempre se dá ao final do episódio e que surpresa, né?! Você se lembra do Morales (Juan Gabriel Pareja), o rapaz que decide não seguir com o grupo de Rick em Atlanta e parte com sua família? Pois ele finalmente retornou para concluir nossas teorias e não é para ajudar, pois ele aponta uma arma para o Rick e se declara um Salvador.

A temporada promete e o episódio conseguiu superar até mesmo a minha hype! Ainda senti falta de um pouquinho mais do desenvolvimento dos personagens, mas eles chegam lá, pois a trama seguiu seu curso e definitivamente mais surpresas virão à seguir. Comente conosco suas impressões e nos diga sua opinião: Morales será #TeamRick novamente ou permanecerá #TeamNegan?

Avatar

Rodrigo Sodre

Rodrigo é um rapaz que cresceu, mas manteve todas as alegrias da infância consigo. Aos 25 anos, é formado em Jornalismo e joga videogame desde quando usava fraldas. Apaixonado por zumbis, começou a se interessar pelo gênero quando viu a primeira intro de Resident Evil 2. Hoje é fã fiel de The Walking Dead e continua jogando, lendo, vendo filmes e séries.

1 comment

Add yours
  1. Avatar
    Bruno D Rangel 3 novembro, 2017 at 11:38 Responder

    Não lembro desse Morales.

    Realmente o episódio foi bom perto dos últimos, mas não me empolgou tanto assim. Espero que siga nesse ritmo.

Post a new comment