The Walking Dead – 5×03 – Four Walls and a Roof

L

Continua após publicidade

 

Continua após a publicidade

Depois do sensacional e chocante desfecho do segundo episódio, temos um início ainda mais nauseante, mostrando Gareth e seus canibais saboreando a perna de Bob. Pois é, não me parece algo suculento, mas eles estavam gostando bastante…até Bob revelar que tinha se isolado do grupo por que estava infectado, num show de interpretação de Lawrence Gilliard Jr.

Continua após publicidade

Na igreja, Padre Gabriel revela que foi o responsável pela morte de seus fiéis, os trancando do lado de fora. O que era bem óbvio, com as evidências apresentadas. Gareth então devolve Bob na igreja…confesso que não achei essa estratégia muito inteligente por parte do líder dos canibais.

Rick sai com o grupo atrás do acampamento de Gareth, deixando Carl na igreja praticamente indefeso e com pouca resistência. Separá-los, essa era a estratégia, bem idiota por sinal, pensada pelo líder dos canibais. Obviamente isso se mostrou uma armadilha de Rick. A batalha na igreja é visceral, muito por conta da tensão gerada pela direção de Jeffrey F. January. Os canibais são emboscados e mortos de forma cruel (nada que não tenha sido merecido). E finalmente, Michonne tem sua espada de volta.

Continua após publicidade

Tyreese fica inexplicavelmente horrorizado com a violência empregada por Rick (depois de tudo que ele passou, de tudo que viu no arco do Governador e até do que Carol fez na prisão, ele já deveria estar calejado), e temos uma emocionante despedida de Sasha e Bob. É o fim do nosso ‘pudim de cachaça’ preferido, Bob está morto. O grupo de Rick permanece com padre Gabriel, se separando do grupo de Abraham e Eugene, que partem pra Washington. No fim, temos a volta de Daryl à igreja…mas sem a Carol, deixando um grande mistério no ar.

As impressões sobre esse início de temporada são as melhores, embora Glenn e Maggie ainda estejam subaproveitados, isso deve mudar a partir do momento em que eles aceitam acompanhar Abraham e deixar o grupo de Rick, em troca da ajuda do ruivão contra os canibais. Acho que Gareth e sua galera comedora de carne humana ainda renderiam boas histórias, mas tudo foi resolvido de forma muito veloz, em três episódios. Talvez por conta das críticas sobre toda a enrolação na quarta temporada, os roteiristas resolveram dar uma solução rápida, deixar a história mais dinâmica…e estão conseguindo, pois ainda não tem como reclamar de The Walking Dead nesse seu quinto ano. Está beirando a perfeição.

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!