The Walking Dead – 5×13 – Forget

twd 5x13

Imagem: Baldmove


O décimo terceiro episódio de TWD se chama ‘Esqueça’, mas poderia muito bem ir de carona nas denominações dos episódios de Friends e se chamar ‘Aquele em que Melissa McBride dá um show’. Simplesmente sensacional tudo que envolveu Carol nesse capítulo.

Forget começa focado em Sasha. Como ela está lidando com suas recentes perdas? A irmã do falecido Tyreese começa a dar sinais de síndrome do pânico e paranoia. Acho que finalmente começaremos a ver um arco interessante para essa personagem, pois até agora ela serviu apenas de escada para os outros. Ela resolve tentar esquecer toda a sua dor recente se dedicando a proteger Alexandria como uma atiradora, e consequentemente, se isolando dos demais. Até perguntas triviais se tornam um gatilho para a fúria de Sasha, e esse estresse pós traumático pode gerar uma série de problemas para seus companheiros.

Continua após a publicidade

Nossos heróis continuam tentando se adaptar à nova comunidade. Rick, Carol e Daryl tomam as rédeas da liderança e começam um plano para roubar armas, aparentemente por precaução, mas não me surpreenderia se eles partissem para a tomada de Alexandria. E a partir daí, o que se segue é a melhor coisa de todo episódio: Carol. Ao contrário de seus amigos que pretendem esquecer seu passado ou superá-lo, ela precisa se lembrar de como ser “invisível”, como ser uma dona de casa comum, normal. Essa parte é essencial para o plano deles dar certo.

Daryl e Aaron começam interagir em uma caçada, e entre bons diálogos sobre preconceito e superação (e uma cena longa de tentativa de captura de um cavalo, que mais serviu para mostrar o ataque de alguns zumbis), vemos que nosso redneck favorito tem muitas coisas em comum com o recrutador de Alexandria. Esse fator é determinante para a aceitação de Daryl à sua nova realidade.

Deanna resolve dar uma festa de boas vindas, e nela vemos a adição de alguns novos personagens, como o filho mais velho da líder de Alexandria (que tenta flertar com Sasha) e também o marido de Jessie, Pete. O interesse mútuo de Rick e Jessie fica cada vez mais evidente. Não vai demorar para o pai de Carl concretizar esse romance.

Mas a festa, na verdade, é o grande pretexto do roteirista para o show de Carol que vem a seguir. Ela aproveita sua adquirida “invisibilidade” e vai invadir o arsenal para roubar algumas armas, conforme planejado. O problema é que ela é surpreendida por um dos filhos de Jessie. O que vem a seguir é um discurso aterrorizante e frio de Carol pra cima da criança, o ameaçando caso conte o que viu:

“Se você contar para sua mãe, um dia você vai acordar fora dos muros… longe, muito longe daqui, amarrado a uma árvore. E você vai gritar e gritar, morrendo de medo. Ninguém irá te ajudar, porque ninguém vai te ouvir. Bem, alguma coisa vai te ouvir. Os monstros virão. Os que vivem lá fora. E você não será capaz de fugir quando eles virem até você. E eles vão te rasgar e devorar cada pedaço… tudo isso enquanto você ainda estiver vivo. Tudo isso enquanto você ainda puder sentir. E depois, ninguém jamais vai saber o que aconteceu contigo. Ou você pode prometer que não vai contar a ninguém o que viu aqui e nada vai acontecer. E você vai ter cookies. Muitos cookies. Eu sei o que eu acho que você deve fazer.”

Depois disso, esse moleque sabe o que fazer, eu sei o que fazer, todo mundo sabe o que fazer. Caramba gente, no lugar desse garoto, eu ficaria pelo menos uma semana sem dormir.

Carol consegue as armas, e Daryl é o único a recusar portá-las. Aaron ofereceu uma oportunidade dele ser o novo recrutador de Alexandria, pois sabe como ninguém ler as pessoas. Parece que Daryl finalmente achou sua função, vai continuar livre e ao mesmo tempo terá um lugar seguro para voltar, nada de andanças sem rumo.

twd 5x13 - 2

Imagem: The Work Print

As perspectivas são as melhores para o futuro da série, mas estou sentindo falta de um antagonista forte, uma ameaça que abale nossos heróis. Ainda lamento o fechamento rápido do arco dos canibais, pois o resto da temporada não atingiu o nível de excelência dos três primeiros capítulos. Talvez essa figura esteja no marido de Jessie (que brevemente vai acrescentar o adjetivo “traído” à palavra marido), ou algo externo. Não sabemos o papel que o sumido Morgan terá, já que ele apareceu várias vezes na primeira metade da temporada, e ainda não ficou claro sua importância ou função na história.

Obs.: Se a Maggie sujinha já era um deleite para os olhos, vê-la limpa e arrumada já é demais para o meu coração. Como Lauren Cohan é linda!

Obs. 2: A cena em que Michonne pendura sua espada foi emblemática. Agora é um adorno do passado que ela não quer que volte, mas também está ao seu alcance, para o caso de precisar usá-la novamente.

Obs. 3: Será que no próximo episódio, finalmente Daryl vai tomar um banho?

Avatar

No comments

Add yours