The Walking Dead – 5×15 – Try

twd 5x15

Imagem: Adventures Inpoortaste

 

As coisas estão esquentando em Alexandria, nossos heróis estão se mostrando cada vez menos adaptados ao estilo de vida normal da comunidade. Então, vamos ao review do eletrizante penúltimo episódio da temporada de TWD.

Sasha está cada vez mais pirada e, exterminar todos os walkers virou sua grande meta de vida. A morte de Tyreese fez a personagem ganhar bastante destaque, mas essa obsessão pode ser sua ruína. Eu acho que ela não vai durar muito, pois ao que parece, zumbis são meio racistas, afinal eles já mataram três personagens importantes negros nessa temporada. Na boa, zumbis, podem até levar o padre Gabriel, mas deixem Sasha e Michonne em paz. Grato.

Continua após a publicidade

Michonne continua contagiada pela utopia chamada Alexandria. Faz um discursinho besta pra Sasha que logo a confronta com a hipocrisia da coisa. No final, elas ainda são aquelas que matavam walkers como uma rotina. Elas são como aqueles soldados que tentam se adaptar à rotina normal depois dos traumas de uma guerra, só estão lidando com isso de forma diferente. Mas nós sabemos que em alguma hora, Michonne vai ter que empunhar sua katana novamente.

Deanna e sua família estão em luto, após a perda do caçula. A líder de Alexandria está muito desconfiada das intenções do grupo de Rick depois das acusações de padre Gabriel. Como era de se esperar, Nicholas conta uma história diferente do que realmente aconteceu no armazém, que causou a morte de Aiden. Caramba Glenn, não precisava ser um gênio para saber que isso aconteceria! E de quebra, descobrimos que foi Nicholas quem achou a arma que Rick havia escondido no balde.

Aaron e Daryl estão na missão de encontrar novos recrutas para Alexandria, mas o que eles descobrem é que estão muito perto de algum psicopata que anda marcando zumbis com a letra W na testa. Se eu tivesse que apostar, diria que aquilo na verdade é um M, pois Morgan estava bem próximo do grupo de Rick. Será que finalmente vamos entender aquelas inserções do personagem no fim dos episódios da primeira metade da temporada?

E já sabemos no que Carl é mais parecido com seu pai. Impressionante como ambos se apaixonam rápido. Muito legal acompanhar essa descoberta do filho de Rick. Ele como um forasteiro, que já viu o pior da vida, a menina com um grande espírito livre, ambos compartilhando apenas dores do passado. Achei bem legal o tom que deram para esse quase-namoro. Só espero que esse romance adolescente não seja piegas como Crepúsculos e Divergentes da vida.

rick-walking-dead-5x15

Imagem: Static 2 Hypable

Horrorizado com a cumplicidade que a situação de Jessie é tratada por Deanna e por todos, Rick vai confrontar o marido agressor. Não sabemos se ele está movido por uma piração cega ou apenas mais forte depois das pancadas que tomou da vida. O fato é que ele desce o braço (e apanha muito também) no cara. Briga no estilo saloon de velho oeste, com direito a janela atravessada. Prestes a seguir o conselho de Carol e findar a vida de Pete, Rick saca sua arma e faz um discurso de como o povo de Alexandria é fraco. Quando todo seu ódio já estava mais o prejudicando e beirando a loucura do que lhe dando razão, Michonne bate em sua cabeça e o desmaia.

Rick está cada vez mais parecido com seu antigo parceiro Shane. Furioso, inconsequente, e ao fazer discurso sobre como o mundo mudou para o pior que a raça humana tem a oferecer. Ele não percebe que essa mudança acontece exatamente por causa de pessoas que pensam como ele. Ainda bem que nosso líder tem o benefício de pessoas como Michonne, para botar algum juízo, mesmo que dolorido, em sua cabeça.

E que venha o season finale!!!

Avatar

No comments

Add yours