This is Us – 2×03 – Déjà Vu

Imagem: YouTube/Reprodução

Com um episódio encantador e motivador, inicio essa review com uma frase marcante: “Não existe “já faz tempo”. Só há memórias que têm significado e as que não têm”.

Quinta (12/10), na hora do almoço estava com a televisão ligada e pude presenciar em um programa de TV uma reportagem sobre adoção de crianças maiores que sempre acabam tendo menos chances. É exatamente isso que a série vem abordando e foi especial ter esse episódio sendo exibido justamente na semana do dia das crianças. Tivemos uma evolução no caso da família de Randall e Beth na adoção de uma criança. Finalmente após tanta espera do casal, esse  grande dia finalmente chegou!

Já era de se imaginar que isso seria algo delicado e não tão simples… Aliás, adotar uma criança já grande exige muita paciência e compreensão, tanto para a criança e a família que adotou. Deja, (a menina que adotaram) vem de uma família simples e já passou por vários “perrengues”. Percebemos que será uma relação delicada quando a mesma chama Beth de vadia e quebrar um porta-retrato. Em compensação, foi lindo e mágico ver a caçula da família, Annie lidar com Deja tendo toda aquela conversa no quarto e relembrando da mesma conversa que teve com William! Uma coisa é certa, a série mandou bem com o nome de o episódio ser “Déjà Vu” e a menina se chamar Deja… Pois como Randall mencionou, a história dela é muito parecida com a dele. Acredito que Deja e toda a família enfrentarão vários obstáculos, mas no final tudo terá valido a pena e de quebra, a série estará passando uma linda atitude para seus telespectadores.

Continua após a publicidade

Partindo para outro núcleo agora, falarei brevemente sobre Kevin. Nas cenas dele tivemos uma ótima participação especial de Stallone que foi quem disse a fala mencionada no início da review. A participação dele também culminou para trazer a tona os sentimentos de Kate e Kevin em relação ao falecido pai. Nunca tinha posto reparo antes desse episódio, mas Kevin realmente nunca gosta de falar sobre o pai. Percebemos que isso causou uma grande falta de concentração quando o mesmo estava atuando. Acredito que se ele canalizasse esse sentimento, poderia melhorar suas habilidades artísticas, mas falar de luto é sempre difícil e cada pessoa reage de um jeito.

Para finalizar, tivemos Rebecca e Jack (que não foi o foco central desse episódio). Eles estão numa tentativa de reatarem e voltarem a ter uma relação natural… E para nos apaixonarmos ainda mais com esse casal, no final eles acabaram acolhendo um cãozinho que estava na rua. <3

Até o próximo episódio! 😉   

Tags This Is Us
Rodrigo Chechi

Rodrigo Chechi

Pedagogo formado pela UNESP. Especializado em Educação a Distância para a Docência pela UNIARA. Mestrando em Educação pela UNESP. Apreciador de vinho, café, séries e músicas. Um coração igual de mãe, sempre cabe mais uma série! rs No Mix escreve as reviews de This is Us, Pretty Little Liars (RIP), Orphan Black (RIP).

No comments

Add yours