Twin Peaks – 3×17/18 – The Return, Part 17/18 [SEASON FINALE]

Imagem: Showtime/Divulgação

Continua após as recomendações

“Só sei que nada sei”

Twin Peaks, mais uma vez, revolucionou a TV. David Lynch e Mark Frost nos entregaram uma temporada cheia de cliffhangers assim como tinha nas primeiras temporadas: personagens excêntricos, mas ao mesmo tempo carismáticos, mistérios não resolvidos, que foram capazes de despertar no telespectador uma sensação de impotência porque não sabíamos como resolver e, por fim, trazer questionamentos e indagações que permeiam a temporada toda. Se na temporada antiga, a dúvida era “Quem matou Laura Palmer?”, nesta nova temporada, a dúvida era “Onde está Dale Cooper?”.

Quando a temporada antiga estreou, em 1990, as pessoas se reuniam para discutir os enigmas e criar teorias sobre o que estava acontecendo, e a mesma coisa aconteceu neste retorno, sendo que agora as discussões foram online. Há altas discussões e especulação de teorias em vários sites, situação similar àquela que vimos acontecer com Game of Thrones.

Continua após a publicidade

Mas vamos falar dessa finale de duas horas: eu fui trouxa e imaginei que Cooper voltaria feliz para Twin Peaks e lá viveria feliz para sempre. No entanto, foi bem diferente. Cooper não retornou mais para Twin Peaks e, além disso, ele não sabe o ano que se encontra. Mais uma vez, o final terminou em aberto como ocorreu na segunda temporada e o grande questionamento que fica é: será que teremos uma quarta temporada? Acredito que não tenha, embora eu queira pelas perguntas que o finale nos deixou.

Imagem: Showtime/Divulgação

A Parte 17 começou com Cole recebendo uma ligação dizendo que Dougie estava vivo e foi encontrado pelos policiais. Até o momento que eles se reencontram já na delegacia da cidade Twin Peaks, quando Bob é derrotado pelo Freddie de forma inacreditável (algo que só Twin Peaks consegue fazer) e o doppenpäger do Cooper volta finalmente para o Black Lodge. A partir deste momento, o episódio continua com o Cooper se reencontrando com o Phillip Jeffries, que está numa chaleira (??) e conta sobre a Judy.

Os episódios se convergiram para chegar ao fim que ninguém entendeu. Aparentemente Dale Cooper consegue salvar Laura Palmer, mas, no fim das contas, não é assim que acontece. O que seria aquele final? Será que aquele é uma linha temporal alterada? Lembrem-se que o corpo de Laura não aparece mais na beira do lago, o que pode significar que Laura pode estar viva. O próximo episódio mostra Laura viva junto com o Cooper, mas sei não… aquilo pode não ser real, porque eles estão presos no Black Lodge.

Este fim da terceira temporada ficou em aberto e nos deixou com uma sensação de quero mais. Afinal, queremos saber onde estão Dale Cooper e Laura Palmer. Na minha opinião, não há um final com uma interpretação única, mas sim existem múltiplas interpretações sobre ele e cada um pode chegar a um consenso sobre o que aconteceu.

Agora sentimos falta da Audrey. Se no episódio 16, ela obteve bastante destaque, nesse ela sequer apareceu. Será que ela se encontra em coma num hospital psiquiátrico? Ou simplesmente está no White Lodge? Achei um furo do roteiro ao não citar a Audrey que é uma personagem importantíssima em Twin Peaks.

Tags Twin Peaks
Daniele Duarte

Daniele Duarte

Carioca da gema, amante de literatura clássica. Machado de Assis é o seu autor favorito. O tríade de melhores séries são Six Feet Under, Breaking Bad e Sherlock . Séries inglesas também faz parte da sua grade de séries. Ela é a pessoa que chora rios com a series finale de SFU.

1 comment

Add yours
  1. Avatar
    Bruno D Rangel 8 dezembro, 2017 at 12:41 Responder

    Eu amo a série, mas detestei tanto a forma que acabou. Eu não entendi quase nada do que finalizaram e sobrou muita coisa que sequer explicaram. Também duvido que tenha quarta temporada e por isso minha frustração é muito maior.

Post a new comment