VideoMix: 5 momentos marcantes de Chuck

serie-tv-chuck-00990

 

Em 2007 um novo tipo de série nos arrebatou. Com uma tema inovador e cômico, Chuck foi uma série que viveu seus altos e baixos ao longo de cinco temporadas. Mas o que não podemos negar é que a série de Josh Schwartz e Chris Fedak, que foi finalizada em 2012, com 91 episódios, por mais instável que fosse, deixou seus momentos marcantes na telinha da NBC.
Diante disso, a VideoMix resolveu refrescar a memória dos Chucksters de plantão e matar a saudade de Chuck Bartowski e sua família. Trazemos nessa coluna cinco momentos marcantes dessa série gostosinha de se assistir.

  • Dó Sustenido (2×07 – Chuck vs. The Fat Lady)

Ao longo da curta primeira temporada, podemos nos habituar rapidamente com os personagens. John Casey (Adam Baldwin), um dos “guarda-costas” de Chuck é, provavelmente, o personagem mais rabugento que já passou nessa coluna. Homem de grunhidos e frases curtas, sempre protege Chuck das enrascadas, com chumbo grosso. Mas no sétimo episódio da segunda temporada, vimos um lado de Casey que jamais imaginaríamos: Cantor. Dá uma olhada na performance digna de teatro lotado:

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=RH4ttPhx8BA[/youtube]

 

  •  Guys…I know Kung Fu (2×21 – Chuck vs. The Ring)

O grande barato de ver Chuck na primeira temporada é que o protagonista, interpretado por Zachary Levi, não sabe atirar, lutar ou qualquer outra coisa para se defender. Na finale de segunda temporada, entretanto, vemos que Chuck fez o download do Intersect novamente em si mesmo, mas o programa foi modificado com novas informações, entre elas, todas os movimentos das artes marciais conhecidas. Foi na cena final da segunda temporada que Chuck falou a célebre frase, que marcou durante a sua exibição:

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=cc4a3haKLyg[/youtube]

 

  • Adeus, Orion (3×18 – Chuck vs. The Subway)

Provando que a série não é só comédia, listamos o terceiro vídeo com um dos maiores dramas da série. Stephen J. Bartowski, pai de Chuck (interpretado pela lenda da televisão,o ator Scott Bakula), retorna para conviver com os filhos. Após um plot twist digno de Emmy, descobrimos que Stephen era Orion, o cientista que projetou o Intersect, e de fato um dos primeiros à ser o Intersect humano. No 18º episódio da terceira temporada, Stephen morre, deixando Chuck, Ellie e a legião de fãs sem chão:

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=GXUSRBQC52U[/youtube]

 

  • Finalmente juntos (4×24 – Chuck vs. the Cliffhanger)

E é claro que não poderíamos esquecer da cena mais linda do shipp principal da série. (O quê, vocês achavam que ela não têm shipp, tem sim!) Depois de uma quarta temporada turbulenta, a season finale prometia ser mais lenta, afinal Chuck e Sarah estavam se casando. Ledo engano, foi o episódio mais quebra-clima ever, mas com o casamento consumado, porque ninguém merece esperar quatro anos por uma cena dessas e sermos iludidos pelos roteiristas:

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=xRz4ZyNx1eQ[/youtube]

 

  • Trust Me, Sarah (5×13 – Chuck vs. The Goodbye)

E chegamos com a finale que provavelmente mais encheu de lágrimas e suores masculinos os olhos dos seriadores. O 13º e último episódio de Chuck, exibido no dia 27 de janeiro de 2012, nos remeteu ao início de tudo na série. Após Sarah fazer o download do Intersect defeituoso e esquecer de tudo, Chuck estava deprimido com o fato de sua esposa não ser mais a mesma pessoa de antes. Com Rivers e Roads, tema oficial da series finale, reviva e chore com a gente olhando essa maravilha de final, que deixou muita vontade de ver um possível encerramento de plots em um futuro próximo (Escutei filme, oi?)

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=xO6zbI5NJi4[/youtube]

 

É claro que existem outros momentos marcantes em Chuck, mas escolhemos arduamente cinco deles para representar essa série tão amada. Para você, qual o momento mais marcante em Chuck?

Ana Maria de Oliveira

Ana Maria de Oliveira

Jornalista e uma decepção como digital influencer e youtuber. Desde 1993 sendo trouxa e shippando quem não deve. Aqui no Mix de Séries é editora e tradutora de notícias e escreve reviews de The Last Ship e The Rookie.

2 comments

Add yours
  1. Avatar
    Karla 22 outubro, 2014 at 21:21 Responder

    Guys I know Kung fu foi épico hahaha… que saudades que deu de Chuck <3
    Me julgue, mas eu ainda me emociono vendo a cena do pedido de casamento e essa cena final com os melhores momentos deles rs.
    Parabéns Ana pelas seleções…muito boa 🙂

  2. Avatar
    Karla 22 outubro, 2014 at 21:21 Responder

    Guys I know Kung fu foi épico hahaha… que saudades que deu de Chuck <3
    Me julgue, mas eu ainda me emociono vendo a cena do pedido de casamento e essa cena final com os melhores momentos deles rs.
    Parabéns Ana pelas seleções…muito boa 🙂

Post a new comment