The X Factor Brasil – 1×19/20 – Top 10

txf br 6

É Halloween no The X Factor Brasil, e nós adoramos as performances temáticas!

Entre apresentações boas e outras nem tanto assim, destaque positivo para Heloá, a diva da semana. Vamos ver como foi?

PERFORMANCES

Diego Martins – “Monster”

Edu: Péssima song choice, sem contar que era nítido o quanto Diego estava desconfortável com tudo aquilo. Definitivamente essa foi a pior performance dele na disputa.

Let: Diego é ótimo cantando Gaga, mas essa foi uma música péssima pra ele, Di poderia ter escolhido algo entre os grandes clássicos da moça, como Paparazzi, Alejandro, até Bad Romance, qualquer coisa ficaria melhor na voz dele. A parte boa é que, mesmo com tudo contra, Diego mostrou serviço e fez um bom trabalho.

Luke: Não sei se o retorno do áudio tava tão ruim ou se realmente foi uma performance estragada. Não gostei da escolha da música, afinal Lady Gaga tem infinitas song choices que encaixariam muito melhor. Enfim, não foi uma noite boa pra Diego…

Paula: Eu falo que Diego é a Gaga brasileira, né?! Está explicado. A música poderia ter sido outra, mas a performance foi bem melhor que as demais apresentações dele. Tudo bem que no final ele deu uma deslizada, mas nada que ofuscasse o artista no palco. Congrats, Diego! Evoluir sempre!

Valter Júnior & Vinícius – “Menina Veneno”

Edu: Diferente de minhas amigas, outra performance que odiei. Próximo!

Let: Olha aí, o mesmo problema que aconteceu com Diego, entre tantos clássicos de Zezé di Camargo & Luciano, Miklos escolhe logo uma música que não é deles para a dupla. Ficou chato, sem emoção, sem contar o velho problema da segunda voz.

Luke: Também não fui muito com a apresentação, ficou um Just ok muito fraco. A temática da noite foi meio que pop rock e entendo a escolha da canção encaixando a proposta, mas não ficou legal nas vozes deles…

Paula: Para quem foi um desastre nas outras apresentações, esta foi até que razoável. Mas acho ainda fraco; eles desafinam muito, fora que são muito inseguros. Acho que jajá eles dizem tchau.

Christopher Clark – “Talking to the Moon”

Edu: Para nível de Christopher foi uma performance just ok, mas curti. Odeio essa música, e o rapaz deu o seu melhor. Agora é torcer para que ele não vá para a repescagem.

Let: Olha, não foi a melhor apresentação da noite (especialidade de Chris, né?), mas foi ótimo, não entendi muita gente não gostando. Essa é uma música mais intimista, logo não caberia uma grande explosão. Com as limitações que tinha, Christopher foi muito bem.

Luke: Foi muito bom, mas para o nível dele eu esperava mais. Não pecou em nenhum momento, mas eu esperava um crescimento violento, assim como ele já fez inúmeras vezes na competição.

Paula: Ai, adoro a voz do Cris (a íntima) e gosto mais ainda das músicas do Bruno Mars. Logo, se pode concluir que amei o show! Os jurados podem falar o que quiserem, mas a interpretação foi ótima, a voz perfeita, o tom certinho. Ele tem talento de sobra, é isso, gente!

Conrado – “Sem Radar”

Edu: Essa foi a melhor performance de Conrado até agora, sem dúvidas. Não sei se é porque amo essa música de paixão, mas senti o rapaz mais desenvolto e firme na voz. Os erros dessa vez foram mínimos.

Let: Detesto Conrado e sua forçação de barra, mas preciso admitir que dessa vez ele acertou. Essa música é tão maravilhosa, mas tão maravilhosa, que era bem difícil dar errado mesmo. Curti que ele se conteve, mostrou uma voz mais forte, mesmo que abusando muito da sua clássica rouquidão. Foi uma apresentação bonita, no ponto, e não entendi as reclamações dos jurados, que se atrasaram uma semana (afinal, foi na semana passada que ele errou muito e merecia críticas).

Luke: Com essa canção é impossível não gostar. Conrado apresentou muito bem desta vez, com um crescimento incrível dentro do seu estilo rockeiro romântico. Sua voz encaixa muito bem com a canção e isso engrandece sua performance!! Tá de parabéns!!

Paula: Deram uma podada nos exageros do Conrado, hein?! Ele foi mais contido e ouso dizer, que até melhor. Porém, no início achei que ele estava no tom errado e contido demais, preso na música, inseguro, mas depois ele ficou mais a vontade e melhorou bastante. Falta ele soltar mais a voz durante todo o momento que está no palco e dar motivos para os gritos da platéia.  

Naomi Domingues – “I’m In a Love With a Monster”

Edu: Naomi fez justiça à maravilhosa Gifty Louise, após ter sido eliminada no último final de semana. Odeio essa música, e a candidata fez uma versão incrível dela.

Let: Naomi é tão segura no palco, que isso muitas vezes conta mais que as próprias apresentações. Também curto o fato da personalidade dela ser bem definida, mesmo sendo tão novinha, ela é rocker, ela é sexy, e ela sabe abusar disso tudo. Com essa música, Aline poderia ter colocado a moça em uma roubada, mas foi exatamente o contrário, ela arrasou, mesmo não tendo aproveitado o refrão como poderia.

Luke: Fiquei surpreso com a escolha da música e ainda mais orgulhoso e impressionado com a apresentação. Naomi fez uma versão incrível, interagindo com a coreografia e se encaixando bem à canção. O que mais veremos dela por aqui??

Paula: Naomi me surpreendeu cantando uma música pop. Gostei demais, foi leve, foi equilibrada, beeem melhor do que os semitons da semana passada. Que bom ver Naomi aqui nesta fase. 🙂

Ravena – “E.T.”

Edu: Elas sofrem do mesmo mal que as meninas do Four Of Diamonds dessa temporada do UK, ainda não se encontraram. A apresentação em si teve seus altos e baixos, mas elas precisam alinhar o canto em conjunto, ou vão rodar logo.

Let: Nossa que apresentação vergonha alheia. Elas pegaram uma música ótima, cheia de potencial para uma performance lacradora, e nos trouxeram algo pobre, fraco, simplista, grande coisa aquele led na luva, ele não supera as vozes mal sincronizadas e que funcionam pessimamente em grupo.

Luke: Ainda não consigo ver a química entre elas, o olhar durante a apresentação, o sorriso… Paulo tem que se tocar e mostrar pra elas que isso realmente faz a diferença. Elas evoluíram pouco e precisam de muito mais pra continuar na competição…

Paula: Evoluíram demais a girlband, bem mais sincronizadas como um grupo, se entregaram mais à música e tal. Mas ainda sinto elas semitonando, principalmente quando cantam juntas. Não sei se são fortes o suficiente para continuarem.

Rafael – “Superstition”

Edu: Não foi sofrência, mas sofri. Algo nessa performance não me conquistou, e como Let disse abaixo, prefiro o rapaz cantando divas.

Let: Eu acho estranho Rafael cantando uma música que não seja daquelas criadas especialmente para cortarmos os pulsos. Ainda assim foi ótimo, ele arrasou, vozeirão nota 1.000. Mas ainda assim prefiro ele cantando as grandes divas.

Luke: Realmente saiu da zona de conforto, mas não sei se isso é tão positivo pra ele na competição. Ele é um cantor emotivo e manda muito melhor sendo assim. Vamos esperar para ver a decisão, mas não acreditei tanto nessa apresentação.

Paula: Eita que Rafael sambou, hein?! Se soltou demais, sentiu seguro, curtiu a música. Nossa, como faz diferença. A performance mais a voz em conjunto fez com que Rafael tivesse uma ótima apresentação. Se tivesse que fazer uma crítica, diria que ele desafinou no início, mas no mais foi tudo ótimo. Parabéns!

Jenni Mosello – “Máscara”

Edu: Mais uma vez Jenni nos surpreendendo, e eu amei essa apresentação dela. Gente pode anotar, ela tem grandes chances de ser finalista. Que surpresa boa vem sendo a candidata a cada semana!

Let: Dessa vez não curti muito a apresentação de Jenni, não sei se é aquela “coisa” que ela faz com a voz, aquela engrossada. Tá que ela se movimenta muito, interpreta demais, é uma performer completa, mas no quesito cantar a moça deixou a desejar dessa vez.

Luke: O time de Alinne me surpreendeu muito!! Sempre achei que seria um time mediano, mas está se provando ser o melhor dessa competição!! Jenni é uma das minhas favoritas por sua alegria e força ao cantar. Foi uma performance incrível e merece muito continuar na competição!!

Paula: Pitty mais uma vez em destaque no XFBr – adoro! Jenni é uma artista completa. Canta bem, é carismática, tem atitude, é performática, interpreta bem a música. Para mim ela tem grandes chances de estar na final e a apresentação de hoje só confirmou isso. Tombou!

Miguel – “Demons”

Edu: Amo essa música de paixão e Miguel é um dos meus favoritos, mas essa combinação não colou. A música é muito abaixo do tom que a voz do rapaz exige, e foi algo morno, sem aquele brilho que toda a apresentação dele tem. Foi sua pior performance até aqui, infelizmente.

Let: Olha, eu gostei da apresentação, e realmente não entendi tanta reclamação.

Luke: Eu vou ser obrigado a discordar e dizer que gostei da canção kkk Miguel tem um pouco dessa pegada Imagine Dragons, uma coisa mais suave mas que vem poderosa. Realmente não foi sua melhor performance, mas também não foi a pior. Por mim ele merece e muito continuar…

Paula: Imagine Dragons na área e Miguel também! Curto demais os dois, mas realmente tenho que concordar com o Rick, a música não funcionou para ele. Não é que ele cantou mal, porque ele canta lindamente, mas achei que a música não favoreceu sua voz. Seu timbre é perfeito e, mesmo não sendo a melhor apresentação, ele arrasou no palco. Todo mundo cantou junto. Gosto muito do Miguel, ele é o meu favorito e acredito que ele estará na final!

Heloá Holanda – “Sweet Dreams”

Edu: MELHOR PERFORMANCE DA NOITE DISPARADO! Como sempre em qualquer reality musical, o melhor fica sempre para o final. Heloá veio sem dó e nem piedade, com erros zero, uma presença de palco poderosa, voz destruídora, e sem contar que casou em todos os aspectos em relação ao tema da semana. Estou aplaudindo até agora aqui.

Let: Eitaaa, melhor apresentação da noite, hein? Heloá arrasou na voz, fiquei chocada, porque durante a performance inteira eu catei os erros, e quase não encontrei nada. Não desafinou, não se perdeu, foi mega segura, arrasou nos falsetes e nas arranhadas na voz… até o ballet tava ótimo dessa vez (como na apresentação da moça semana passada). Gostei de tudo! Já temos, oficialmente decretada, a rainha dessa competição.

Luke: De longe a melhor performance da noite, e que dirá, da temporada até agora. Heloá tem a pegada de artista, sabe se movimentar no palco, interage bem com a coreografia, a voz é bem forte e estrondosa. Realmente uma forte candidata a final. Espero ver muito mais dela na temporada!!

Paula: Nossa, Heloá é poderosa mesmo! Mashup, ainda mais com Karol Conka. Esta maquiagem, esta interpretação, esta performance, foi demais, gente. Arrasou muito! Talvez poderia ter poupado um pouco os gemidos, mas fora isso achei sensacional! Isso que é show!

REPESCAGEM

Diego Martins – “Erva Venenosa”

Edu: Olha fiquei bem decepcionado com Diego essa semana, mas até que essa redenção foi boa o bastante para mantê-lo na disputa por mais uma semana.

Let: Não foi a melhor música, mas a voz dele estava ótima, e vi Diego esforçado, querendo ficar ali.

Luke: Soube acertar alguns pontos para essa repescagem, mas continuar nessa inconstância realmente não dá!! Ou ele pega as escolhas dos jurados e faz um excelente trabalho ou estará fora em algumas semanas…

Paula: Gente, não entendo a votação popular, como assim Diego aqui e Ravena passou? Tudo bem que Diego desliza às vezes, mas ele nem precisava estar cantando hoje, é um artista o garoto. Achei que ele cantou muito bem Rita Lee e sua voz se destaca bem em português. Acredito que será suficiente para ele ficar. Aliás, assim espero!

Valter Júnior & Vinícius – “Flor”

Edu: Que morte horrível!

Let: Desafinado ao extremo, que horror!

Luke: Realmente não tem como defender nesse ponto da competição…

Paula: Amo Jorge e Mateus, mas cantar com esta insegurança toda não dá. Para mim, está mais do que claro quem deve ir embora hoje.

ELIMINAÇÕES

Edu: COMO ASSIM RAFAEL ELIMINADO DIRETAMENTE? Tipo, realmente a performance dele foi bem ruinzinha, mas Diego e a dupla foram infinitamente piores que ele, e não estou sabendo lidar com tamanha injustiça. Mas ainda bem que a duplinha rodou, pois eles foram ruins na primeira performance, e na repescagem foi o extremo da vergonha alheia. Na falta de adeus, tchau! Já vão tarde, nem era para eles terem chegado até aqui. Vazam!

Let: Fiquei chocada com a eliminação de Rafael, mas realmente ele nem fazia muito o perfil do programa, ele é mais The Voice que The X Factor. Já a duplinha deveria ter ido embora bem antes, aliás, eles nem deveriam ter ido para os shows ao vivo. Eu era muito O Clã ou TropeirÁfrica, ou qualquer outra coisa, né, por favor!

Luke: A dupla realmente não deveriam ter saído da 4CC. Paulo e sua insistência com escolhas erradas me dão agonia. E se continuar sem o foco em Ravena, ficará sem seus competidores muito cedo. Diego ainda é uma inconstância, como disse acima, precisa organizar as coisas para que não saia cedo demais. Rafael foi uma surpresa para mim mas, ao mesmo tempo, esperava que sua performance colocasse ele bem em baixo na votação.

Paula: Não dá para entender mesmo a votação popular, muito menos dos jurados. Como assim Rafael foi embora, aquele encanto de voz? Muito triste, ainda mais porque na sua última apresentação ele foi muito bem. Agora, o que me decepcionou mais ainda foi Rick achar que a dupla venderia mais discos que Diego. Como assim? A dupla sertaneja é bem fraca e não está preparada para isso. Ainda bem que Diego ficou e VJV foram eliminados. Nem sei como eles chegaram até aqui e, na minha opinião, já eram para ter ido embora faz tempo.

E vocês, o que acharam das apresentações e das eliminações?

About Team Mix Reality

#TeamReality no Mix de Séries é responsável pelos realities shows.